3 Dicas Sobre as Visitas aos Recém-Nascidos

Mais algumas dicas da Michele do Maternity Coach! E como fazer na hora da visita ao recém nascido? Saiba de uma especialista como receber e se comportar em saias justas que podem aparecer.

maternity

Com toda certeza aquela visita, especialmente a inesperada, é algo que deixa as mamães muito estressadas. O cansaço excessivo, a bagunça, a adaptação aos horários das mamadas e as noites mal dormidas são apenas alguns dos muitos motivos que poderíamos listar e pendurar nas nossas portas para espantar as visitas. Já que isso não é possível, principalmente quando se trata do primeiro filho, dividimos aqui com vocês algumas dicas para evitar o aumento da confusão nos primeiros dias após a chegada do seu bebê:

  •  Deixe claro para amigos e familiares que você prefere receber as pessoas na maternidade. Geralmente visitas em hospitais são rápidas, você terá o suporte das enfermeiras se o bebê começar a chorar e não sobrará nenhuma bagunça para arrumar depois.
  •   Se possível, organize um chá de apresentação. Muitas mães não gostam de receber visitas na maternidade e preferem organizar um único dia, para os familiares e amigos conhecerem o bebê. Geralmente as mães contratam uma doula ou babá para ficar com o bebê no quarto, enquanto recebem as pessoas em outro lugar da residência. A vantagem de organizar este evento é que a bagunça fica para um só dia, o convite é enviado antes do nascimento do bebê (o que evita visitas inesperadas) e as pessoas conhecem o recém-nascido rapidamente já que ele não está no mesmo ambiente dos convidados.
visitas ao recém nascido

Para visitar o recém nascido, consulte em primeiro lugar a mãe. Nada de fazer visitas surpresas!

  •   Muitas mães não querem impor a data da visita em casa e também não se preparam para um chá de apresentação. Nestes casos, a dica é espalhar para o maior número de pessoas possíveis que você só quer receber visitas um mês após o nascimento e que é imprescindível as pessoas avisarem quando gostariam de visitar o bebê. Este aviso pode ser feito de uma maneira bem educada e divertida, onde a mamãe pode divulgar o telefone celular ou o e-mail do “bebê” para que “ele” planeje sua agenda.Este é um bom prazo para as adaptações de horário e principalmente para as mamães passarem pelo blues pós-parto (tristeza que toma conta das mães por aproximadamente 2 semanas após o nascimento do filho, onde choro fácil e inesperado acontecem frequentemente).

Não podemos deixar de citar aqui que algumas pessoas nos visitam para realmente ajudar. Conseguem olhar o bebê para a mãe tomar um banho ou fazer uma refeição, auxiliam na organização da casa e, muitas vezes, trocam até uma fralda. Infelizmente não temos como filtrar as visitas… O que seria o ideal na maioria das vezes. Por este motivo, não fique incomodada, sem graça ou constrangida em usar da sinceridade neste momento que certamente será extremamente desafiador. Lembre-se que você é a mãe e deve pensar acima de tudo no seu conforto e de sua família. Aproveite seu momento. Com carinho, Michele.

Michele Melão é especialista em treinamento de sono infantil e baby planner da Maternity Coach (www.maternitycoach.com.br) certificada pela International Academy of Baby Planner Professionals (IABPP) e International Maternity Institute(IMI). Além da consultoria de sono, a Maternity Coach oferece uma série de serviços para gestantes e bebês como shantala, amamentação, aromaterapia e fotografia de gestante e newborn.

Veja também: Visitas ao Recém Nascido – Manual Básico de Etiqueta

Foto: phalinn