O momento que é um sonho para grande maioria das mulheres, pode se tornar um período muito difícil para outras. As transformações do corpo, as mudanças repentinas de humor, dores, enjoos e diversos incômodos principalmente no final da gestação nem sempre são encarados com muito prazer e acabam se tornando uma experiência traumática.Mesmo com o desejo de ter seu bebê nos braços, a experiência de estar grávida acaba sendo desejada que acabe o mais rápido possível e com elas todos maus estares, ganhos de peso extras e transformações terminem. Já na visão das que não se incomodam, é uma fase que passa tão depressa que dá para curtir todos os minutos. Mas uma coisa é um fato, nem todas as mulheres encaram as situações da vida da mesma forma e nela esta inclusa a gestação também.

A declaração feita pela socialite Kim Kardashian que atualmente passa pela sua segunda gestação acabou gerando grande repercussão. Para os leitores de seu site oficial, onde o depoimento foi exposto por ela mesma, seu relato sobre o quão traumatizante a gravidez é para ela, acabou atiçando as ativistas e mulheres que sofrem tanto por não conseguir engravidar, com os discursos de “como a gravidez é linda”, ou “é um presente de Deus”. Mas sejamos sinceras, que tudo é dito sobre as maravilhas da gravidez, mas a parte ruim ninguém divulga e é exatamente isso que ela fez, ser sincera e expos seu ponto de vista, seus medos e suas dificuldades nesta fase da vida.

Como tudo que é contrariado causa discussão, esse foi mais um assunto que gerou muita conversa e bafafá. No meu ponto de vista, a gravidez não é nada fácil principalmente para as gestantes que passam muito mal e sofrem com enjoos constantes por longos períodos da gravidez. E no final da gestação? O cansaço que nos consome, as dores nas costas insuportáveis e o mau jeito para dormir. Mas todos esses incômodos por mim foram esquecidos depois de um tempo e se tivesse que ter outro bebê hoje, encararia com maior alegria. Mas como já falamos, nenhuma mulher é como a outra e muito menos encara essas dores chatas da mesma forma.

Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! No vídeo conto a história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Assistir agora!
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel resolve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel resolve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo

Muitas mulheres acabaram se identificando com o desabafo e ficaram felizes de não serem as únicas a ter esse sentimento “de experiência ruim” e inclusive comentaram isso no próprio site. Realmente acontece e não é muito difícil de encontrar quem tem essa opinião, mas simplesmente não falam com medo do que escutarão!! Seja traumático ou repleto de alegria, o nascimento de um filho é sempre maravilhoso!! E como a própria Kim Kardashian disse: “Quando se pega o seu bem mais precioso nos braços, se percebe que tudo valeu a pena”.

Foto: Instagram