Dificuldades Iniciais e Soluções para o Aleitamento Materno

Quem sonha em ser mãe e também em amamentar levanta a mão! Pois uma é, quando se fala em maternidade uma das coisas que mais vem a minha cabeça é a cena da mamãe amamentando seu bebê, mas o que ninguém conta quando a gente fala em amamentação são as dificuldades que aparecem no meio do caminho entre você e seu bebê. Não que todas elas não sejam facilmente superadas, pelo contrário!

Aleitamento Materno – Dificuldades Iniciais e Soluções 1

Este post serve para ajudar as mamães a se preparar para esse momento com mais eficiência e assim evitar que esses contratempos possam atrapalhar mais ainda,  e até mesmo fazer com que a mamãe desanime de alimentar seu filhote com todo prazer que deve ser. O aleitamento materno é essencial para o bebê, no leite materno existe uma série de anticorpos que vão proteger o seu bebê por isso a importância da amamentação nos primeiros 6 meses de vida.

Aí a enfermeira traz o seu filhote pela primeira vez para ser amamentado, e se você assim como eu acabou de fazer cesárea então terá que ser deitada provavelmente, ou se teve parto normal poderá se sentar-se. Então ela encosta o bebê barriga com barriga e oferece o bico do seu seio ao bebê, é nessa hora que a mulher tem certeza que o maior amor do mundo está ali! Mas nem tudo são flores, muitos bebês não pegam o seio imediatamente ou podem rejeitar o bico por ser pequeno demais. Esse momento é crucial! Por isso digo que tem que ter muita paz de espírito e não se apavore se a pega do bico não for de primeira.

Dicas para Aleitamento Materno e Preparo da amamentação

Procure um ambiente calmo, se por acaso o quarto da maternidade estiver cheio de gente pode estressar mamãe e bebê. Então se você é visita saiba um pouco mais das regrinhas de etiqueta de visitas e colabore neste momento. Não se acanhe em pedir um pouco de privacidade nesse momento de aproximação inicial para aleitamento materno. É um momento de intimidade para ambos, mamãe e bebê. Se você tem um bico pequeno ou invertido (ele fica virado pra dentro) pode atrapalhar na amamentação no primeiro momento, mas com certeza irá mudar com o passar do tempo, eu mesma tenho seios super pequenos e um bico bem pequeno, mas consegui amamentar minha filha perfeitamente então isso não é desculpa rs.

Prepare o bico antes! É importantíssimo que a gestante prepare o bico contra rachaduras e fissuras, essas doem muito e podem até sangrar. E nessa hora amiga, é que o bicho pega! Tive muita dor quando aconteceu isso e mesmo assim não desisti. Faça massagens regulares com esponja vegetal, dessas que vendem na feira. Ela ajuda a “calejar” o bico do seio para que ele não machuque com tanta facilidade no aleitamento materno. Hoje no mercado existem pomadas milagrosas para o seio que aliviam e muito nessa fase inicial e “dolorida” da amamentação, por exemplo a pomada Lansinoh que ajuda na hidratação e anti ferimento do bico do seio e ajudam até mesmo quando já existe uma rachadura e não precisa ser retirada na hora da mamada. Dizem por ai que o leite materno também é um santo remédio para rachadura do seio, eu acredito mas nunca testei.

Para facilitar a amamentação:

Barriga com barriga ou seja a sua barriga com a barriga do bebê sempre! Isso facilita e deixa o bebê bem confortável além de claro confortar o pequeno com o som das batidas cardíacas da mamãe. O bico tem que estar completamente dentro da boca do bebê e também uma parte da auréola para não machucar a mamãe, mas se você tem um bico muito grande não se preocupe, ele vai pegar bem fácil.Na hora de tirar o bico da boca do bebê não puxe! coloque o dedinho dentro da boca do bebê delicadamente e puxe para fora.

Deixe com que ele mame até o final do leite do peito, pois o leite materno é dividido em 3 fases, a primeira mata a sede por ser mais rala e aquosa, a segunda alimenta com as vitaminas e a terceira engorda o bebê, e é nessa fase que ele fica completamente satisfeito por mamar a parte mais “gordurosa” do seu leite. Também tente manter uma tabela com os horários de amamentação e com o tempo que o bebê ficou no seio e anote em qual seio ele mamou da última vez. Existem até mesmo aplicativos para Iphone que podem ajudar nesse momento, basta procurar na App Store. Então pense assim, no começo pode ser difícil para algumas mamães, mas tem que se manter firme no propósito, é essencial para o bebê e estreita muito, muito mesmo os laços mãe e filho. Amamentação em livre demanda é amor puro!

Veja também: Como lidar com as Cólicas do Bebê

Foto: Daniel Lobo