amamentação e menstruaçãoMuitas mulheres não sabem, mas é possível não menstruar durante todo o período de amamentação! Sim, os hormônios responsáveis pela amamentação, ocitocina e prolactina, podem impedir que a menstruação desça normalmente. Aí que as preocupações começam…

O fato de a mulher não menstruar durante a amamentação, pode trazer a falsa sensação de que ela não poderá engravidar. Por isso, algumas mulheres deixam o ciclo da forma que está, sem introduzir medicamentos que a protejam de uma possível gravidez, mesmo durante a amamentação. Mesmo que esta mulher não menstrue, é possível sim que ela engravide, pois, a ovulação acontecerá mesmo antes da primeira menstruação aparecer, isso na grande maioria dos casos. Para parturientes recentes com 30, 60 dias do parto, é ideal que ela converse com seu médico ainda na primeira consulta após o nascimento do seu bebê e já iniciar a medicação contraceptiva. Essa medicação é exclusivamente à base de progesterona que não causará nenhum problema à amamentação nem ao bebê.

A amamentação e menstruação são passiveis sim de conviver em harmonia. Algumas mulheres conseguem ter um ciclo menstruar normal mesmo amamentando. Não é incomum ver relatos de mulheres com pouco tempo após o parto com o ciclo regulado como antes de engravidarem. Em contrapartida, algumas mulheres podem ficar até 2 anos sem menstruar.

Podem ter escapes ou não que também é normal que aconteça. Tudo isso resultado de alterações hormonais novamente. A quantidade de progesterona, estrogênio, LH e FSH pode variar muito se combinadas com a presença de prolactina e ocitocina. A prolactina que é o hormônio oficial da amamentação pode bloquear o aumento de outros hormônios. Por isso, é comum pedir exames deste hormônio quando a mulher quer engravidar e não tem sucesso nas tentativas. É preciso verificar se esse hormônio está alto suficiente para impedir os demais de funcionarem corretamente.

Por isso, é importante lembrar mais uma vez, mulher que amamenta pode não menstruar, mas pode sim a qualquer momento iniciar o processo de ovulação ter relação sexual e engravidar. Ainda mais quando o processo de amamentação tem uma desaceleração. A mulher que reduz as mamadas fabrica menos leite e por consequência, menos prolactina e ocitocina são estimuladas.

Como Fica a Menstruação Durante a Amamentação?

A menstruação durante a amamentação, como dito anteriormente, pode sumir por uns tempos, mas é possível menstruar um ciclo e outro não, ou menstruar apenas esporadicamente. Também é possível que lactentes tenham escapes recorrentes durante este período.

As borras, sangue clarinhos, sangue rosinhas e até fluxos pequenos de sangue vivos são possíveis. Mesmo em mulheres que tomam anticoncepcionais continuamente, específicos para a fase de amamentação, podem ter esses escapes. Eles são reflexo dos hormônios voltando ao lugar após a fase da gravidez.

Devemos lembrar que a gravidez proporcionou uma instabilidade durante 9 meses e agora necessita de um tempo igual ou superior para se adequar. Também é possível que esta mulher que deu a luz, tenha o ciclo alterado. Algumas mulheres têm sua menstruação durante a amamentação aumentados, reduzidos, a duração aumentada ou encurtada também.

Antes da gravidez, ela menstruava em quantidade média por 4 dias. Após o parto, ela pode ter alteração para fluxo intenso por 6 dias ou mais! Claro que cada caso é um caso, nem todas sofrem essas alterações, mas se acontecerem também é normal. Cabe ao médico avaliar caso a caso e dar o veredicto do que se deve fazer.

Lembre-se não menstruar durante a amamentação é normal. Menstruar também é normal! Vai de acordo com o seu corpo e como ele vai reagir à mudança dos hormônios durante esta fase. Converse com seu ginecologista e veja a melhor forma de lidar com a situação.

Veja também: Dificuldades Iniciais e Soluções para o Aleitamento Materno

Foto: Ania i Artur Nowaccy