Passei a conviver com um caso de anemia falciforme nos últimos tempos. Minha amiga Carol, infelizmente é portadora dessa síndrome autoimune que atinge 2 em cada 100 pessoas de pele negra no Brasil. Essa doença é proveniente da África e é congênita e hereditária. Apesar do nome anemia, não é semelhante aquela que é por falta de ferro, pelo contrário a presença de ferro pode agravar o estado de saúde do paciente. A anemia falciforme é uma alteração dos glóbulos vermelhos do sangue, modificados em formato de foice.

Duas pessoas portadoras dos genes da Anemia Falciforme podem dar origem a uma pessoa que nasce de fato com a doença e passam por todo esse sofrimento. A anemia falciforme se manifesta em forma de coágulos no sangue e ai vem  a dificuldade da circulação nas veias e artérias causando dor no corpo todo. Outra causa também são infecções normais para uma pessoa sem anemia que causam grandes dores nos portadores de anemia que são mais suscetíveis a infecções.

Bom mas Afinal Quais são os Sintomas da Anemia Falciforme?

Os sintomas da anemia falciforme são dores basicamente, mas há casos em que a pessoa pode ter complicações nos órgãos como baço, vesícula, pulmão, fígado e outros órgãos. Também se caracteriza anemia falciforme com a coloração amarela dos olhos e da pele. Os sintomas da anemia falciforme podem ser terríveis, são dores fortíssimas que passam apenas com o tratamento a base de morfina intravenosa no hospital.

Segundo Carol, as dores podem começar de uma hora para outra e sem causa aparente. Pode ser mesmo no meio da noite, ou durante um passeio no parque. A anemia falciforme é um problema pouco divulgado e há casos em que o problema é descoberto depois de muito sofrimento e muito tempo justamente por falta de informação.O diagnóstico da anemia falciforme pode ser feito além dos sintomas, com um exame de sangue chamado Pesquisa de Hemoglobina S, assim o médico pode entrar com o tratamento adequado. Há um tempo atrás, a Carol teve que retirar o baço porque houve um sequestro de sangue que é comum em quem tem anemia falciforme. O baço se encheu de sangue e o risco de estourar vai ficando grande conforme o tempo passa ou causar falta de sangue para outros órgãos do corpo. A cura da anemia falciforme pode acontecer, mas é uma cirurgia complicada que tem o mesmo principio do tratamento para leucemia, um transplante de medula pode resolver o caso, mas é muito arriscado e custa caro infelizmente.

Atualmente a Carol tem estado bem, as crises diminuíram, porém quando ela tem crises, a hospitalização é necessária. Em São Paulo há um hospital especializado em anemia falciforme, o Hospital Infantil Darci Vargas, para adultos o tratamento é feito no hospital das clínicas em SP. A anemia falciforme pode ser evitada com simples exames pré-gravidez, caso haja pessoas com anemia na família, é sempre bom fazer exames antes de engravidar, tratamentos para evitar a doença no bebê existem e são gratuitos. O importante a se falar é que pessoas portadores de anemia falciforme podem levar uma vida relativamente normal, claro tem suas limitações, mas nada impede que sejam como eu e você!

Espero ter ajudado, um bjo meu e da Carol!

Veja Também: A Anemia Falciforme Não Impede Meu Sonho – Ana Carolina

Foto: http://www.flickr.com/photos/[email protected]/4482896835/ bangkokrecorder.com