Assaduras, às vezes elas podem ser cruéis com os pequenos. Quando era mãe de primeira viagem, eu ouvia falar que o bebê assava por descuido da mãe ou de quem o cuidava. Mas depois da primeira assadura da Joana constatei que não é bem assim. As assaduras em bebê podem ser assustadoras, pois elas doem e ás vezes até mais do que em adultos.

A pele do bebê ou da criança é muito mais sensível do que a pele do adulto, então assar fica muito mais fácil com agravante da fralda e do xixi. Se a mamãe ficar de olho na fralda, pode ser que o bebê não asse, mas há casos como o meu que não foi o suficiente. Quando a Jojo tinha uns 2, 3 meses eu percebi uma vermelhidão no local da assadura. Era fora do comum, um vermelho bem intenso já na primeira vez que eu notei. Esse vermelhão só foi piorando e eu passava de tudo que os médicos que iam receitando. Eram pomadas, maisena, lavava a região em todas as trocas de fralda. Até chegamos a usar nistatina (pomada para fungos) e nada de acabar com a assadura.

Como Eliminei a Assadura do Bebê

Por fim, foi pela minha sogra que acabei descobrindo que assadura em bebês também pode ocorrer por alergia! Sim, e olha que demorei mais de 45 dias com o bebê nessa situação. Usei Diprogenta, uma pomada corticoide e antialérgica. Já na primeira passada da pomada o vermelhão começou a ceder! O importante é que ela foi receitada por um médico, minha cunhada é médica e achou essa a melhor opção na ocasião. Então fale com o pediatra do seu bebê. Pois bem, fui fazendo testes e percebi que o que dava alergia e consequentemente assadura no bebê era o talco que eu usava muito esporadicamente. Porém alergias desse tipo podem ser causadas por fraldas também. Daí passei a fazer uso da maisena para assadura! Assadura em bebê pode ser evitada com o uso de maisena a cada troca de fraldas você sabia disso? #ficadica!

Mas o mais usado e até recomendado pelos pediatras são as pomadas para assadura. Essas pomadas são das mais diversas marcas e acabei optando por elas com meus outros filhos. A Hipoglós é a mais conhecida, mas hoje no mercado existem várias opções. Há pomadas para assaduras com preço bem acessível como a Babymed. Ela custa em torno de R$ 2,36 por um tubo com 45 gramas e cumpre muito bem o papel que promete. A Hipoglós é mais difícil de tirar, o que pode ou não ser uma vantagem, mas ai vai do gosto da mamãe em usar ou não.

assadura em bebe

Grávida após 3 anos!
"Após 3 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." Lidyane, grávida de 3 meses
Saiba mais!

Confesso que depois que conheci essa marca mais em conta nunca mais comprei a pomada para assadura mais cara, apenas uso essa e a Mel se dá muito bem com ela.Uma dica super bacana também para evitar assaduras em bebês, é colocar uma colher de maisena na água do banho. Ela evita também que as dobras do bebê fiquem assadas e meladas se por acaso a mamãe não conseguir secar corretamente.

O importante para evitar assadura em bebê é ficar de olho.  Ainda mais quando a criança começa a se alimentar de comidas sólidas ou papinhas, as quais deixam as fezes ainda mais ácidas e ficam propensas a assar com facilidade.Bebês com diarreia também costumam assar com rapidez, o melhor nesse caso é fazer uso de pomada para assadura, elas protegem e deixam o bumbum com uma barreira de proteção.

Veja também: Aleitamento materno – dificuldades e soluções

Foto: Sellers Patton