Enquanto muitas mulheres acham a amamentação uma fase tranquila, o processo pode causar ansiedade para as novas mães, que acham que o bebê mama pouco e não tem certeza se estão alimentando seus filhos adequadamente.

Meu Bebê Mama Pouco, é Normal?

Tudo faz parte da biologia da amamentação. Os bebês possuem pequenos estômagos, e só podem tomar uma pequena quantidade de leite em cada alimentação, por isso a impressão de que o bebê mama pouco.

Os bebês também são capazes de ajustar os níveis de gordura no leite pela amamentação. Quando o bebê mama pouco, mas com uma frequência maior, há mais gordura no leite.

Por que isso importa? Bem, o cérebro do bebê está crescendo mais rapidamente agora do que em qualquer outro momento de sua vida, e os nutrientes necessários para o desenvolvimento ideal do cérebro estão contidos na porção gordurosa do leite.

Os bebês costumam pausar no meio da amamentação, fazendo com que as mães se questionem se estão se alimentando o suficiente. Frequentemente, a pausa é uma parte natural da amamentação, embora algumas pausas menos rítmicas possam indicar que o bebê está distraído ou desconfortável.

Meu Bebê Mama Muito, é Normal?

A amamentação frequente apenas significa que o bebê é saudável e normal. Ele está fazendo o que precisa para ajudá-la a produzir muito leite. Isso porque, o bebê que mama muito estimula efetivamente os seios da mãe para construir um bom suprimento de leite.

Para melhorar a produção de leite, o ideal é amamentar em livre demanda. É importante saber que, isso também não será para sempre. Uma vez que a produção de leite está bem estabelecida e o estômago do bebê cresceu, ele não precisará se alimentar com tanta frequência

Se Meu Bebê Mama Pouco, Como Saber se é o Suficiente?

Como a mãe não consegue ver o leite entrar na boca do bebê durante a amamentação, é difícil medir o quanto ele está tomando. Independente se o bebê mama pouco ou muito, é possível saber se o que ele ingere está sendo suficiente para nutri-lo.

Mamar pouco não é uma indicação de que o bebê não está tomando leite suficiente. A melhor maneira de saber se ele está se alimentando corretamente é monitorar seu peso e crescimento.

Quantidade, cor da urina e de fraldas molhadas, além dos movimentos intestinais regulares que também indicam que um bebê está tomando bastante leite. Se as fraldas do bebê estão constantemente secas ou a quantidade de fezes é bem pequena, ou se existe um ganho de peso inferior ao normal, é importante buscar ajuda médica para uma avaliação.

E as Pausas Durante a Mamada?

Pausas durante a amamentação atuam como um indicador de que o bebê está comendo de forma eficiente. Um bebê devidamente familiarizado com o seio desenvolve um padrão de sucção característico, geralmente marcado por uma ampla abertura da boca seguida de uma pausa e um ligeiro fechamento da boca.

A pausa indica que o bebê sugando da maneira correta. Pausas ligeiramente mais longas de dois a três segundos indicam que o bebê está engolindo mais leite. Se prestarmos atenção à sucção da alimentação do bebê poderemos ouvi-lo engolir ou ver um leve movimento na garganta, isso nos fará perceber se o bebê mama pouco ou muito.

Será que são Gases?

Os bebês amamentados tendem a ter menos gases do que os bebês alimentados com mamadeira, mesmo assim, eles ainda podem experimentar gases ou refluxo ao comer.

Às vezes, as mães confundem, quando o bebê mama pouco ou para por alguns segundos, acham que é um sinal de que o bebê acabou de comer, mas, muitas vezes ele só precisa mudar de posição.

Se o seu bebê mamar pouco e tiver uma pausa prolongada da alimentação, coloque-o em pé no colo ou contra o peito e gentilmente de tapinhas em suas costas. Depois dele arrotar, coloque-o de volta no peito para ver se ele quer continuar mamando.

Bebê que Dorme Durante a Mamada – O que Fazer?

De certo modo, é normal que o bebê durma na hora de mamar, o que não pode é o bebê dormir logo que pega o peito, pois sendo assim, muito provavelmente o bebê mama pouco e consequentemente não vai conseguir se alimentar o quanto precisa.

Geralmente os bebês recém-nascidos (principalmente os prematuros) dormem muitas horas durante o dia, independente da ocasião. Isto acontece porque eles se cansam muito facilmente. Quanto menor ou menos pesado for o bebê, mais fácil ele irá cansar, principalmente enquanto mama.

Existem tipos de bebês que dormem enquanto mamam:

  • Bebê que dorme enquanto mama e para de mamar sem acabar – Alguns bebês pegam o peito, mamam um pouco e dormem sem que tenham se alimentado o suficiente, e após pouco tempo já acordam e querem mamar novamente.
  • Bebê que dorme enquanto mama e para de mamar – Outros bebês pegam o peito, mamam o suficiente em um curto intervalo de tempo e dormem em seguida, com a barriguinha cheia.
  • Bebê que dorme enquanto mama e continua mamando – Tem muito bebê por aí que dorme no meio da mamada, mas que mesmo assim continua mamando. O pequeno dorme, parece que para de sugar o peito, mas logo recomeça com a sucção, e assim vai durante muito tempo.
  • Bebê mama pouco e dorme muito – Pior que o bebê que dorme quando mama e deixa de mamar é o bebê que dorme muito e mama pouco. Muitos bebês dormem tanto, mas tanto, que as mães sequer conseguem colocá-los no peito sempre que querem.

Cuidar da amamentação do bebê na realidade é uma função bem complexa e que exige bastante da atenção das mamães. Mas essa tarefa se torna fácil se ela souber que independente de quanto sua bebê mama, ele está atingindo seu peso e crescimento ideal.

Portanto, a atenção é importante? É sim, mas muito mais importante é curtir o momento.

Veja Também: Quantos ml de Leite Dar Para o Bebê?
Fotos: Irene