Ser mãe significa estar constantemente preocupada com as diversas questões que envolvem a criação do seu bebê, desde a alimentação e as roupinhas que ele deve usar até as doenças que ele eventualmente pode ter. E quando você percebe que tem um bebê perdendo peso, isso pode ser realmente desesperador.

Muitas mães acabam tomando medidas desesperadas pelo medo de seus filhos ficarem doentes, mas será que isso realmente é um problema? É comum os bebês perderem peso? Quando procurar um médico?

Como Saber se o Bebê Está Mamando Bem?

Existem alguns detalhes que uma mãe pode se atentar para perceber se o seu bebê está mamando bem ou não. O primeiro deles é perceber se, na hora de mamar, ele para voluntariamente porque se sente satisfeito ou fica procurando por mais leite.

Essa falta de sacies pode indicar que a quantidade de leite ingerida pelo bebê não é a mais adequada. Além disso, é necessário também ficar atenta com a quantidade de mamadas por dia.

É comum que os recém-nascidos pareçam sempre famintos e mamem entre 8 e 12 vezes ao dia, número que vai abaixando conforme o bebê crescer e a sua alimentação for se modificando.

Outra coisa que você também pode ficar atenta é na quantidade de fraldas que o bebê suja por dia. Se ele fizer menos cocô do que o normal e começar a perder peso, é preciso ficar atenta a outros sinais para saber se há algo de anormal com sua saúde.

Causas da Perda de Peso no Bebê

Existem diversas coisas que podem causar a perda de peso no bebê, sejam elas processos naturais de seu crescimento ou problemas de saúde de fato. Algumas das principais são:

  • Perda de Peso Natural;
  • Problemas na Amamentação;
  • Desnutrição

Falaremos a seguir um pouco mais sobre cada uma dessas causas e explicaremos suas principais características.

Perda de Peso Natural

Dentro dos primeiros 5 a 7 dias de vida, é bastante comum perceber o seu bebê perdendo peso. Isso, apesar de ser motivo de preocupação para muitas mães, é um processo natural nesses primeiros dias.

Após a segunda semana de vida, o bebê vai começar a ganhar peso normalmente. Não é necessário fazer nada além de amamentar o bebê sempre que for preciso. Após esse período, é realizada a pesagem do bebê em cada consulta mensal ao pediatra para garantir que ele está desenvolvendo dentro do esperado e se alimentando de forma adequada.

Problemas na Amamentação

Existem diversos problemas na amamentação que podem fazer com que o bebê perca peso. A pega incorreta, a posição errada da mãe estar amamentando e tudo que envolve e pode afetar o momento da amamentação adequada.

Desnutrição

De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde), um bebê deve alimentar-se exclusivamente do leite materno durante os seus 6 primeiros meses de vida. Quando ele deixa de tomar esse tipo de leite ou quando uma mãe tenta colocar algum tipo de complementação para suprir qualquer necessidade, o bebê pode sofrer de desnutrição.

Qualquer tipo de complemento alimentício só poderá ser introduzido na dieta do seu bebê se isso for extremamente importante e indicado por um médico especialista.

Possíveis Problemas com a Amamentação

O fato de ter um bebê perdendo peso pode estar diretamente ligado com possíveis problemas de amamentação e exatamente por isso é necessário falarmos aqui sobre alguns dos principais e como resolver tais problemas. Eles são:

  • Pega incorreta;
  • Pouca Produção de Leite

Pega Incorreta

A pega incorreta é um problema bastante recorrente, principalmente nas mães de primeira viagem. Mas a notícia boa é que esse problema tem uma solução relativamente fácil. A pega incorreta pode fazer com que você fique com os mamilos rachados, doloridos e até mesmo machucados, dependendo da situação. Mas o pior de tudo é que o bebê não estará mamando direito se a pega não estiver correta e pode ocorrer um caso de bebê perdendo peso.

Para que a pega esteja correta, a boca do bebê deve envolver todo o mamilo, com as auréolas quase totalmente cobertas. Além disso, é necessário sempre prestar atenção se o bebê está
satisfeito
e observar o período que ele mama e se consegue dormir tranquilamente após a mamada.

Pouca Produção de Leite

Se você estiver produzindo pouco leite, pode ser que o bebê não esteja conseguindo mamar o suficiente e, consequentemente, perdendo peso. Esse problema pode ser resolvido com algumas receitas naturais para aumentar os seus níveis de leite.

Em último caso, o pediatra poderá recomendar o uso de fórmulas de leite ou até mesmo, dependendo da idade do bebê, iniciar a introdução de outros alimentos, como frutas, sucos e papinhas.

Quando Procurar um Médico?

Normalmente a ocorrência de bebê perdendo peso é observada pelo próprio médico pediatra durante as consultas mensais de rotina que devem ocorrer ao longo do primeiro ano de vida. Mas caso observe alguma mudança ou alguma alteração no bebê nesse intervalo procure o médico imediatamente.

Se isso combinar com o fato de que o seu bebê não está mamando bem, o sinal pode ser ainda mais grave. É necessário estar muito atenta a esses detalhes, pois, se o bebê realmente estiver com algum problema de saúde, quanto antes um médico for procurado, maiores as chances de o tratamento ser feito de forma fácil.

É necessário, porém, ter cautela e realmente ter certeza de que se trata de um problema com o bebê e não apenas uma desconfiança sua.

Quando você percebe que possui um bebê perdendo peso, isso pode ser bastante assustador de início. É claro que as mães sempre querem o que é melhor para os seus filhos e não saber sobre certas informações sobre a normal perda de peso de alguns bebês.

Mas em muitos casos também é necessário saber a hora certa de procurar um médico para verificar se não há nenhum problema com o seu bebê ou até mesmo com o seu leite. Estar atenta a essas questões significa que você sabe cuidar muito bem e presta atenção na saúde do seu filho.

É muito comum se desesperar em certas ocasiões, ainda mais quando envolve a saúde de quem nós mais amamos. Mas mesmo assim manter os pés no chão e a cabeça no lugar é sempre importante para saber exatamente quais atitudes tomar e o que será mais saudável para o bebê. São fases pelas quais todas as mães acabam passando. E muitas outras ainda virão.

Veja Também: Devo me Preocupar Com o Sono do Bebê?
Foto: Evan-Amos