Psiu mamãe! Conheça aqui a loja do Trocando Fraldas!

Desenvolvimento do Bebê

O desenvolvimento do bebê é um processo natural que se inicia logo após o nascimento. Primeiramente, ele passa por uma evolução de construção física e, em seguida, aprende e desenvolve outras capacidades com o passar dos meses recebendo todo tipo de estímulo ao seu redor.



Matérias mais comentadas


O desenvolvimento do bebê salta aos olhos dos pais desde o nascimento. Seu aprendizado e evolução são notados também pelos que acompanham seu crescimento. Mas tudo fica mais nítido a partir do momento em que o bebê passa a ter vontades, dorme menos tempo durante o dia, abre os olhos, segura com força a mão ou demonstra evolução na hora do banho com o medo. O choro é algo que ilustra bem este desenvolvimento natural do bebê. As tentativas de se apoiar e segurar em alguma coisa com medo de cair na hora do banho é um dos principais sinais do desenvolvimento sadio.

bebê sorrindo

O bebê prematuro tem um desenvolvimento pouco mais tardio que os bebês nascidos em tempo de amadurecimento, são tidos à termo, mas ainda sim são perfeitamente capazes de ter uma evolução sadia e normal como qualquer outra criança e bebê. Apenas recomenda-se ter maior paciência e levar em consideração a prematuridade com que ele veio ao mundo para seu desenvolvimento.

Com um mês de nascido, o bebê tem discernimento do claro e escuro e também é capaz de reconhecer a voz dos seus pais. Quando irritado é capaz de se acalmar com a voz conhecida como a da mãe. No segundo mês, ele é capaz de sustentar a cabeça com mais firmeza do que antes, começa a interagir mais com os que o rodeiam nas brincadeiras e já é capaz de dar um belo sorriso. Também pode expressar outros sentimentos através de expressões faciais, menos o de felicidade.

No terceiro mês de vida, o bebê passa a enxergar mais e reconhece a mamãe com muita facilidade. Também é possível emitir alguns sons diferentes como os agu, abu e tenta imitar brincadeiras como as de caminhãozinho por exemplo. No quarto mês da vida, o bebê começa a explorar seu corpo. É hora de experimentar mãos, pés e dedinhos. Também começa a se interessar por objetos mais coloridos e sons diferentes. O principal indício de desenvolvimento do bebê é atender ao seu nome. Ele já é capaz de entender e vira a cabeça quando chamado.

Alguns bebês conseguem ficar de pé no colo no quinto mês, apoiados firmemente pelo adulto que o segura, Ele consegue já ensaiar alguns passinhos sem nem mesmo tocar o chão. Nesta fase é indicado já passar a colocar o bebê para brincar em um cercado de almofadas no chão ou em um local apropriado para que ele tenha segurança. No sexto mês, o bebê consegue sentar e pode ficar em pé apoiando-se nos móveis.

No sétimo mês de vida, o desenvolvimento do bebê se resume a dois fatos: bater palmas e interagir com o mundo ao redor. Também muda a alimentação que até então era apenas através do leite materno. Os gritinhos são de quem diz: olha eu estou aqui! No oitavo mês é possível que ele esteja engatinhando. O progresso das funções motoras é visível. Com o aparecimento dos dentes, o bebê pode querer morder tudo e, por isso, deve-se evitar deixar objetos pontiagudos, pequenos e perigosos ao alcance de suas mãos. Esta fase é marcada pela exploração do ambiente.

O desenvolvimento cognitivo do bebê com nove meses de vida é reconhecido de longe. Ele é capaz de brincar com peças maiores e adora brinquedos com sons. Não é à toa que aqueles brinquedos estilo piano de bichos, labirintos musicais e outros emissores de sons fazem tanto sucesso. Os bebês também são capazes de distinguir o tom de voz e, por isso, reconhecem quando levam uma bronca e quando a palavra não é dita com firmeza.

Brincar com um bebê de dez meses é ensinar mais do que possamos imaginar. Ensinar a falar papai e mamãe requer um exercício diário, mas ele certamente já compreendeu quem é a mamãe, o papai e a vovó. Nesta fase, o ideal é ajudar com o desenvolvimento motor fino, os movimentos de pinça, por exemplo, que são feitos com o polegar e o indicador. A pinça faz com que ele possa pegar objetos pequenos e até mesmo um grão que cai no chão.

bebê no cadeirão

O desenvolvimento do bebê de onze meses a um ano envolve principalmente o aprendizado de andar. O desafio de ficar em pé sozinho sem segurar em qualquer lugar pode deixar seu bebê entretido por horas. Quando os primeiros passos acontecem de fato, a alegria toma conta da família e muda os dias e passeios de todos.

A fala é uma consequência da convivência a partir de agora. Até os 18 meses de idade, o bebê irá aprender no dia a dia o significado das palavras e também a falar. A maioria dos bebês tem seu dialeto particular e, para entender, é preciso um tradutor que conviva com ele o tempo todo como a mãe, por exemplo. Cada dia que passa. ele fica mais esperto e um dos principais sinais do seu desenvolvimento é o abandono da fralda. Ser capaz de segurar a urina e o xixi varia de cada criança, mas normalmente acontece por volta dos dois anos de vida. Após a maturidade dos órgãos secretores é a parte motora fina que se desenvolve cada dia mais.

Fotos: FredericRivollier, Gwenael Piaser

Continuar Lendo Mostrar Menos Texto

Últimas Matérias no TF


Últimas Matérias de Desenvolvimento do Bebê



















ComoEscolheuSeusNomesDeBebe
Newsletter popup => 22 sec delay