Se existe um assunto que traz preocupação aos pais é a saúde dos filhos. Com a chegada do frio, as nada esperadas e inevitáveis gripes e resfriados começam a acontece. E quando começam a ocorrer uma atrás da outra ai a preocupação aumenta ainda mais e a primeira coisa que os pais querem saber é como aumentar a imunidade em crianças para melhorar esse desconforto.

Nem é só a gripe e o resfriado, a criança com imunidade mais baixa tende a adquirir infecções, alergias e doenças com mais facilidade que o normal principalmente aquelas que frequentam creches e escolinhas e tem contato com grande numero de crianças. Obviamente não temos como imunizar totalmente as crianças de pegar algo, mas podemos sim diminuir as chances que elas ocorram.

Além da higiene adequada como lavar bem as mãos e não compartilhar objetos de uso pessoal, ambientes bem arejados principalmente com grande concentração de pessoas é indicado para diminuir as chances de contaminação entre as crianças.  Vacinas também foram criadas para imunizar e diminuir os riscos de contaminação oferecidas para as idades de maior foco e risco.Riley_WM_CropCuidados esses que todos os pais sabem e recebem reforço de informações a cada visita ao pediatra para consulta de rotina e acompanhamento. Mas e alimentação? Ela influencia em algo na imunidade em crianças?  E a resposta é sim! Através da alimentação adequada é que a criança recebe todas as vitaminas e nutrientes necessários para um melhor desenvolvimento e para fortalecer o sistema imunológico.

É através de frutas, legumes, verduras e da proteína da carne, ovos e leite que são ingeridas as vitaminas que reforçam os anticorpos e ajudam a manter os vírus e bactérias bem longe da criança. Como é o caso de sucos de frutas ricos em vitamina C como laranja, acerola, morango, abacaxi e caju que são remédios naturais que ajudam a manter gripes e resfriados bem longe. Para os pequenos que não se alimentam da forma que deveriam, o pediatra pode indicar o uso de suplementos vitamínicos que farão o papel similar das vitaminas naturais.

Outro remédio natural que não so aumenta a imunidade em crianças como mantem todo organismo de forma saudável é a ingestão de líquidos. Ofereça muita água, chás, agua de coco e sucos naturais para os pequenos. É a melhor forma de manter o corpo sempre hidratado e diminuir os riscos de infecções nas vias respiratórias. Para os bebês, vale a pena lembrar-se da importância do leite materno até os primeiros 6 meses de vida. O leite materno além de melhorar a imunidade do bebê passa anticorpos da mãe para proteger de possíveis infecções de ouvido, alergias e infecções no trato digestivo.

No geral, a criança deve seguir uma vida saudável com hábitos saudáveis e conviver num ambiente saudável. Evitar alimentação com produtos industrializados e receber sempre uma boa higienização. O ambiente onde fica devem ser devidamente limpos e arejados e deixar a criança ser criança, sem excessos. O excesso de cuidados também é um grande vilão para a imunidade de crianças, já que toda criança necessita ter contato os micro-organismos existentes no mundo para dessa foram seu sistema imunológico funcionar devidamente.

Brincar na terra, correr descalço, andar de bicicleta e praticar exercícios em locais públicos e com outras crianças é a forma mais divertida e saudável de melhorar a imunidade em crianças. Os exercícios além de divertidos auxiliam no desenvolvimento e aumentam os níveis de células exterminadoras naturais combatentes dos vírus e bactérias que tentam atacar o organismo humano.

Como Manter a Imunidade das Crianças no Inverno?

Quando o tempo começa a mudar, o sol vai embora e dá lugar aquele vento gelado a preocupação dos pais em especial das mães aumenta ainda mais. Afinal é nessa época que as gripes e resfriados atacam as crianças além de tosses, asmas e infecções respiratórias. Como não é possível ficar isolado dentro de casa por todo o período de frio, algumas recomendações podem ser uteis para manter a imunidade das crianças em dia e os vírus o mais longe possível.Como aumentar a imunidade em criancas 1

Manter o corpo bem aquecido e agasalhado é uma forma que as mães já sabem como fazer, mesmo sendo muito difícil manter as crianças com todas as roupas colocadas. Touca, cachecol, meias e casaco para enfrentar o vento gelado da rua são peças fundamentais. Andar descalço no chão gelado nem pensar, lavar o cabelo e sair no vento então fora de cogitação.

A época de frio é o momento de maior concentração de crianças doentes, por isso atualmente é oferecida a vacina contra a gripe neste período. Onde bebê de 6 meses ate 5 anos considerados focos de maior risco, podem receber gratuitamente nos postos de saúde (SUS).  No geral, os cuidados são exatamente os mesmos dos demais períodos do ano. Alimentação completa com vitaminas que auxiliam o aumento da imunidade, boa higienização, hábitos saudáveis e beber sempre muita água. Seguindo essas dicas, você e seus filhotes passarão pelo inverno tranquilamente sem receber as tão inconvenientes gripes e resfriados.

Veja também: Anemia Infantil – Como Combatê-la?

Fotos: SCA Svenska Cellulosa A, Stuart Boreham