Quando se quer engravidar, a preocupação com o sêmen do marido se torna uma das rotinas da vida da mulher. O esperma é fruto da ejaculação e por isso dicas de como aumentar a produção de esperma e a ejaculação vem a calhar para casais que estão tentando uma nova gestação. Antes de tudo tem que entender como funciona a produção.

Tudo se inicia na bolsa escrotal onde as células espermáticas viram espermatozoide através de uma transformação causada pelos hormônios masculinos. Uma única célula espermática pode dar origem a 4 espermatozoides maduros após o final do processo. Isso acontece porque há uma divisão das células assim como a multiplicação na junção do óvulo com o espermatozoide.

Esse processo de fabricação multiplicação, maturação e formação pode acabar se tornando lenta e escassa por diversos motivos. Normalmente, esse período de multiplicação leva até 72 horas e em alguns homens até mais o que acaba dificultando a gravidez por falta de esperma suficiente ou também pela má qualidade deles. Como aumentar a produção de esperma então?

A Importância da Alimentação para o Esperma

Para aumentar a produção, o segredo está na saúde testicular do homem e no estilo de vida que ele leva. O primeiro passo é analisar alimentação e os vícios alimentares. Estudos recentes mostram que a quantidade de gordura consumida, além de prejudicar as artérias com o aumento da viscosidade do sangue e entupimento das artérias, também pode causar uma produção lenta de esperma. O que deveria ser concluído em no máximo 72 horas pode levar cerca de uma semana em casos extremos.

Tomar bastante líquido é a base para aumentar a quantidade de sêmen. Além disso, algumas vitaminas e enzimas são necessárias para que o corpo do homem possa fabricar uma quantia satisfatória de esperma com espermatozoides de morfologia e qualidade ideal para favorecer uma boa navegação por útero adentro.

A ingestão dos minerais selênio e zinco, por exemplo, ajuda no aumento da produção de esperma. Eles são encontrados em castanhas e chocolate respectivamente. O consumo de ácido fólico não é benéfico apenas para mulheres e a prevenção de má formação do feto, mas contribui para que o homem tenha maior qualidade do sêmen fabricado pelos testículos assim como uma boa maturação dos espermatozoides.

O consumo de carnes, leites e frutas como bananas, maçãs, mangas e abacaxi, resultam em uma quantidade maior de líquido seminal ejaculado e um equilíbrio do pH, ou seja na acidez da ejaculação. Os aminoácidos contidos nesses alimentos também contribuem para a melhoria da produção. Por isso, trocar o excesso de doces e gorduras prejudiciais colabora para maior volume de sêmen.

Porém, sabemos o quanto é difícil manter uma alimentação completa com todas esses nutrientes. Pensando nisso foi desenvolvido um produto chamado ViriFerti que contém todas essas vitaminas e minerais com capacidade de potencializar a fertilidade masculina, melhorando a qualidade dos espermatozoides, aumentando sua mobilidade e proporcionando um DNA saudável. Você pode adquiri-lo aqui em nossa loja virtual.

Segredos Para Aumentar a Quantidade de Esperma

A redução da bebida alcoólica também é um dos fatores que contribui para o aumento da produção de esperma. Alguns homens não conseguem engravidar suas companheiras, pois o nível de álcool consumido é muito maior do que o tolerável pelo corpo. Os testículos são afetados de forma inevitável pelo aumento do consumo de álcool e o corpo não perdoa! A qualidade também é muito comprometida. O tabagismo é igualmente prejudicial, portanto recomenda-se que o homem deixe ou reduza drasticamente o consumo de drogas licitas e ilícitas para uma produção a contento de espermatozoide.

Médicos também recomendam ao casal tentante que segure um pouco a barra que e mantenha relação sexual em dias alternados. Isso ajudaria e daria tempo para que o reservatório de espermatozoides possa ser reposto naturalmente pelo organismo. Outra forma de ajudar os casais nas relações é o uso de gels lubrificantes apropriados. Além deles proporcionarem o melhor ambiente para os espermatozoides e aumentar as chances deles chegarem até o óvulo, melhoram a umidade vaginal e o prazer. O primeiro produto do tipo no Brasil é o FamiGel. Você pode adquiri-lo aqui em nossa loja virtual.

Outras Dicas para Ajudar na Produção de Espermatozoides

As pressões que as roupas fazem nas partes intimas também podem ser fatores determinantes para a baixa de esperma. Calças apertadas assim como as cuecas mais justas podem deixar o canal deferente mais estreito e também aquecer a região genital. Esse aquecimento eleva a temperatura além do esperado e faz com que o esperma seja produzido mais lentamente e não com a qualidade esperada. Por isso o conselho de ouro é dormir sem cuecas e sempre tirar quando puder! Deixe os testículos respirarem para aumentar a quantidade de esperma e de ejaculação!

Além disso, homens que se masturbam com frequência também podem ter mais dificuldade na reposição do material seminal. A demanda pode ser maior do que a produção por isso parar de estimular, aumenta e muito as chances de gravidez, por deixar concentrada a produção de esperma para a relação.

Para saber se tem uma boa qualidade e também quantidade de espermatozoide, basta fazer um exame simples chamado espermograma. Qualquer médico pode indicar a realização deste exame e também o tratamento ideal caso seja constatado algum problema.

Veja também: Espermograma Completo – Procedimento Rápido e Sem Constrangimentos

Foto: Fotos de Camisetas de SANTI OCHOA