Durante décadas, as mulheres que optam por trabalhar têm lutado com o equilíbrio entre trabalho e filhos. Muitas mães que trabalham perseguem o objetivo final de “ter tudo” – uma vida doméstica realizando todos os seus afazeres, uma carreira profissional gratificante e a energia para acompanhar as demandas de ambos, enquanto ainda encontram tempo para si.

Apesar de fazerem grandes progressos em suas carreiras, grande maioria das mulheres pensam que não é possível conciliar trabalho e filhos. Veem como impossível obter sucesso entre carreira e maternidade.

É impressionante o número de mães que estão realmente lutando com seu bem-estar, e é assustadora a realidade de ser uma mulher hoje em dia tentando fazer tudo funcionar.

Como uma mãe profissional se sente

Um estudo recente revelou que 40% das mulheres entrevistadas que tem filhos sentem que estão “penduradas por um fio”, a ponto de abandonar a carreira pois não conseguem conciliar tudo o que querem na vida.

Apesar desta luta, a maioria das mães que estão trabalhando escolhem voluntariamente equilibrar uma carreira e uma família. Pois muitas delas afirmam que ainda queriam trabalhar mesmo se o dinheiro não fosse um problema.

Qual a solução para conciliar trabalho e filhos?

Não há uma resposta para tal questionamento, mas definitivamente há soluções paliativas que darão certo a longo prazo. Basta encontrar a forma que se adequa às suas necessidades.

Muitas mães descobriram que administrar seu próprio negócio fornece uma sensação muito necessária de equilíbrio entre suas identidades como mãe e como profissional.

Ao se tornar mãe, a prioridade número 1 delas são os filhos, mas, elas têm uma sensação fantástica de satisfação quando conseguem cumprir sua vida pessoal e profissional.

As mulheres claramente não desistirão do sonho de conciliar trabalho e filhos, mas o que elas puderem fazer para melhorar a qualidade da sua vida pessoal e profissional com toda certeza irão fazer.

Se você é mãe e trabalha em tempo integral, deve ter sentido em algum momento de sua vida que está falhando com seus filhospor ter que dividir seu tempo entre eles e o trabalho. Entretanto, uma das soluções que visam conciliar trabalho e filhos éplanejar.

Organizar e seguir algumas regras para encontrar o equilíbrio certo entre a profissão e o papel como mãe. Como a maternidade, a carreira também faz parte dos sonhos femininos.

Livre-se da culpa

O maior desafio é saber lidar com a culpa e reconhecer que abrir mão do trabalho pode significar prejuízo financeiro e insatisfação pessoal. Em vez de se sentir culpada por não ter tempo suficiente com seus filhos, pense em como sua família está se beneficiando do seu trabalho.

Por exemplo, a quantidade de oportunidades educacionais que seus filhos têm e terão, como praticar um esporte, fazer aulas de inglês e futuramente ingressar em uma boa universidade.

Muitas mães bem-sucedidas encontraram maneiras diferentes de serem eficientes em ambos os mundos, e isso é devido à capacidade de ver todas as opções que elas têm e concentrar-se nas prioridades.

Mas saiba que terá dias bons e dias ruins. Não desanime, nenhuma mãe está sozinha nessa luta, existe grupos onde pode falar sobre isso com outras mães que estão na mesma situação.

Esteja presente na vida de seus filhos

É importante que seus filhos sintam que está lá, mesmo que não esteja fisicamente o tempo todo. Se os filhos são crianças pequenas, é uma boa ideia deixar pequenos vídeos de si mesma falando com eles, cantando ou lendo um livro de histórias em voz alta.

Se sabe que vai atrasar ou não poderá participar do evento escolar do filho mais velho, por exemplo, passe algum tempo de qualidade com ele. Fale palavras encorajadoras e lhe deseje boa sorte, e que tudo corra bem. Certifique-se de que alguém filme o evento para que possa vê-lo mais tarde e comentar juntos. Dessa forma, ele saberá que está lá. Outra opção é chamar os filhos e ouvir como foi o dia deles e confortá-los quando estão preocupados.

Se Concentre no Trabalho

Assim como deve fazer em casa, enquanto trabalha, concentre-se no que está fazendo e aproveite ao máximo o seu dia, faça-o ser tão produtivo quanto possível. Dessa forma, poderá sair cedo ou tirar um dia de folga.

Tenha tempo de qualidade em casa

Ter tempo para os filhos é fundamental não só nos fins de semana, mas também durante a semana. Para fazer isso, se deve criar uma dinâmica familiar, com atividades em que todos participem. Se você e seu companheiro não tiverem muito tempo, podem tomar café da manhã todos juntos.

Tente organizar uma diversão pelo menos uma vez na semana. Podem sair juntos, ir ao parque, fazer um piquenique, ir ao cinema, ou mesmo em casa, fazer uma noite de cineminha com pipoca, ou se reunir para jogarem jogos de tabuleiros e cartas. Deve-se pensar em atividades que se ajustam tanto ao tempo disponível, quanto à satisfação das crianças.

Quando fizer planos juntos, evite falar sobre o trabalho ou olhar constantemente o telefone. Em vez disso, concentre-se na conversa que está tendo e tente leva-la para os interesses, passatempos e preocupações dos filhos.

Se os filhos são mais velhos, pergunte o que gostariam de fazer e faça um planejamento para realizar. Mas não esqueça, o que é importante é estar juntos, não importa o que faça.

Não se esqueça do seu companheiro

Lembre-se do seu cônjuge. Às vezes, estamos tão atarefadas com o trabalho, a casa e as crianças que tendemos a esquecer que eles ainda existem ou a dar-lhes à atenção necessária.

Então, organize-se para preparar um bom jantar em casa ou sair pelo menos uma vez por mês. Apenas lembre-se de não passar muito tempo falando sobre crianças ou trabalho.

Classifique suas prioridades

O primeiro passo para conciliar trabalho e filhosé definir as principais prioridades para você, sua família e seu trabalho. Fazer perguntas importantes sobre suas diferentes responsabilidades pode ajudá-la a descobrir.

Pergunte a si mesma:

  • Quais são as coisas que absolutamente não podem ser deixadas de serem feitas?
  • Quais são os projetos de trabalho que precisa realizar, e quais são as ideias que podem esperar.
  • Quais são as condições necessárias que sua família precisa para se manter em uma situação financeira estável?
  • O que você precisa pessoalmente para sua saúde, bem-estar e sanidade para poder estar bem e render em suas metas?
  • Precisará de ajuda tanto no trabalho como em casa?

Obter essas respostas irá ajudá-la a entender o que são realmente suas prioridades.

Aprenda a delegar funções

Depois de ter dado prioridade às suas funções em casa e no trabalho, decida o que é intransferível e o que outra pessoa pode fazer por você. Distribuir algumas das suas tarefas diárias para os outros, e confiar que eles possam fazê-las, ajudará a se concentrar no que realmente importa.

A melhor maneira de manter o equilíbrio entre o trabalho e a vida é contratar alguém que possa te ajudar a manter as coisas organizadas. Como por exemplo: uma diarista, alguém que passe roupas, ou que traga verduras e legumes fresquinhos, quando não se tem tempo de ir à feira. Hoje em dia há uma série de profissionais para os mais diversos ramos de atividades que facilitam a vida de quem pretende conciliar trabalho e filhos.

Confiar no seu parceiro também é de extrema importância, é claro se tiver um. O pai pode ser uma extraordinária ajuda nas coisas da casa. Leve algum tempo todas as noites para conversar com ele sobre as tarefas importantes que precisam ser atendidas no próximo dia, chegar a um acordo sobre qual cada um irá fazer e cumprir o plano.

Defina limites

Dizer “não” aos projetos e compromissos que cortarão suas prioridades é uma habilidade essencial no ato de malabarismo vida-trabalho. Definir limites tanto em casa como no trabalho irá ajudá-la a permanecer presente e focada na tarefa em questão, o que é muito importante durante o tempo da família.

Quando estiver com sua família e com seus filhos, realmente esteja presente. Não se sente com elesenquanto estiver resolvendo um problema no telefone. Entregue-se, fique feliz por estar ali presente e atenta em seus relacionamentos pessoais. Não é fácil, mas é uma das coisas mais importantes que podefazer para ter uma vida realizada e uma família feliz.

Tenha tempo para cuidar de si mesmo

Com tantas responsabilidades para conciliar trabalho e filhos, é fácil colocar sua família e sua carreira à frente de suas próprias necessidades pessoais. É claro que algumas tarefas têm que ser cumpridas, mas, é absolutamente necessário deixar um tempo livre de compromissos em sua agenda para concentrar-se em si mesma.

Se você não cuida de si mesmo e da sua saúde, não poderá cuidar de seus filhos ou ter sucesso em sua carreira. Tente fazer refeições saudáveis, tenha tempo para se exercitar e não perca uma noite de sono. É necessário priorizar o cuidado pessoal sobre outras coisas. Um corpo saudável e uma mente descansada cooperam para uma vida plena.

Suasaúde física é extremamente importante, mas sua saúde emocional (sentir-se feliz e realizada porque está perseguindo seus sonhos) é outro fator essencialpara sua satisfação geral.

Ache algo que goste de fazer, aula de algum instrumento musical, artesanato, ir a uma biblioteca, praticar algum esporte, encaixe essa atividade na sua semana, com certeza só lhe trará benefícios.

O mais importante nessa tarefa árdua que é conciliar trabalho e filhos éentender que nem sempre será fácil, que pode muitas vezes parecer pesado demais, mas que é muito gratificante ser mãe, profissional e manter sua independênciafinanceira. Portanto, lute e faça acontecer!

Veja Também: Pai em Casa com os Filhos – Inversão de Papeis

Fotos: StockSnap, Mojpe, Bill Brason