Qual pai ou qual mãe nunca passou pela dúvida e pelo desespero de não saber o que seu filho tem? Quando ainda não sabem falar, o único jeito é chorar para dizer que existe algo de errado, mas como descobrir o que é? Como saber que se trata, por exemplo, de uma dor de ouvido?

A dor de ouvido em crianças é um problema que nem sempre é identificado logo de cara, pois quase sempre é sintoma recorrente de outro problema de saúde como de gripe ou uma infecção na garganta e quando não sabem dizer aonde sentem o incômodo e a dor, dificulta ainda mais o diagnóstico pelos pais.

O problema é mais comum em crianças do que em adultos, e pode ser um problema constante ou ficar acontecendo como pontadas. A dor é muito incomoda. Ela pode lembrar uma queimação e causa irritabilidade.

Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! No vídeo conto a história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Assistir agora!
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel resolve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel resolve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo

Otite

Pode vir a apresentar-se em um lado do ouvido ou de ambos de uma só vez. A dor de ouvido em crianças ou otite como é chamado pelos pediatras, é uma inflamação bem comum na infância principalmente até os 3 anos de idade que é uma fase onde costumam sofrer diversas vezes com gripes, resfriados e acúmulo de catarro causadores de infecções.

Causas

Os vírus e bactérias existentes neste catarro, podem vir chegar ao ouvido, produz pus e fluidos que irão pressionar o tímpano causando dor excessiva, mau cheiro e em alguns casos até a perda temporário da audição da criança.

Diagnóstico

O diagnóstico deve ser feito por um pediatra através da avaliação clínica, onde vias respiratórias, interior do ouvido e garganta devem ser analisadas. Normalmente sintomas como coceira no ouvido, odor forte saindo juntamente de secreção aparente são sinais de uma possível inflamação e devem ser informadas ao pediatra o quanto antes.

Sintomas

Dificuldade para dormir e perda do apetite também são sinais de dor de ouvido, já que pela dor constante é impossibilitado de se deitar, mastigar, mamar e se alimentar seja qual for a forma. Febre e irritabilidade, além da criança ficar esfregando ou colocando a mão diversas vezes é sinal de incomodo.

Tratamento para Dor de Ouvido em Crianças

Após consulta e avaliação medica, o tratamento deve ser iniciado imediatamente para que a dor e o incômodo sejam aliviados  o mais rápido possível. O tratamento basicamente é realizado através de antibióticos que irão combater a presença das bactérias infecciosas.

O uso de analgésicos, antitérmicos e anti-inflamatórios pode fazer parte do tratamento que deverão ser seguidos à risca nos dias solicitados pelo médico, mesmo que os sintomas desapareçam antes.  Além dos remédios que devem ser aplicados diretamente na região do ouvido, métodos de alivio da dor também são indicados, como é o caso da compressa quente.

Um pano embebido em água morna, devidamente torcido pode ser colocado sobre o ouvido do  bebê ou criança, principalmente antes da hora de dormir. Pode-se utilizar também bolsas de gel para a realização deste procedimento que traz alivio imediato e causa relaxamento da criança.

A alimentação também é muito importante, já que é através dela que a criança se manterá nutrida e hidratada. Por isso deve-se oferecer muito liquido e procurar oferecer alimentos mais pastosos que facilitem a ingestão já que o incômodo dificulta a engolir e a mastigar.

Algumas Recomendações

Para se precaver e manter as crianças longe desse mal evite deixa-la mamar totalmente deitada. Procure deixar a cabeça sempre mais alta que o resto do corpo. Após o banho a higiene das orelhas deve ser realizada minuciosamente, principalmente para tirar o acumulo de água que é o que facilita a manifestação de fungos e bactérias causadores da dor de ouvido.

Veja também: Criança com Dor de Cabeça – O que Pode Ser?

Fotos: ramhatter, World Bank Photo Collection

_

Caixa de Informações Chave:

  1. A dor de ouvido em crianças é um problema que nem sempre é identificado logo de cara, pois quase sempre é sintoma recorrente de outro problema de saúde.
  2. A dor de ouvido em crianças ou otite como é chamado pelos pediatras, é uma inflamação bem comum na infância.
  3. Os vírus e bactérias existentes neste catarro, podem vir chegar ao ouvido, produz pus e fluidos que irão pressionar o tímpano causando dor excessiva, mau cheiro.
  4. O diagnóstico deve ser feito por um pediatra através da avaliação clínica, onde vias respiratóriasinterior do ouvido e garganta devem ser analisadas