Corrimentos dos mais variados tipos são presença comum na vida das mulheres. As mudanças nas secreções da vagina podem dizer muito sobre o corpo, apontando infeções e doenças ou avisando que você está em seu período fértil. Você sabia que essas mudanças podem até ajudar a identificar se você está grávida?

O corrimento branco pastoso ou leitoso quando acompanhado de coceira intensa ou forte odor pode ser sinal de infecções vaginais como a candidíase ou demais doenças ginecológicas. Mas quando branco, transparente ou aparência leitosa e sem odor é considerado normal.

Perguntas e relatos recorrentes, o corrimento branco é uma das dúvidas que não quer calar! Afinal, aquele muco que parece uma pomadinha pode ser sinal de gravidez? Primeiro vamos esclarecer, corrimento e muco são coisas completamente diferentes. O corrimento normalmente é proveniente de um problema, inflamação ou doença passageira como a cândida.

IMPORTANTE: O muco branco, este sim é saudável e importante para a flora vaginal. Na grande maioria das vezes, essa secreção branca indica que os hormônios femininos estão em alta, uma vez que são os responsáveis pela sua formação e podem indicar inclusive gravidez. Quando o corrimento arde, coça ou incomoda deve ser avaliado, pois não é normal.

O que é o Muco Branco?

Para entender esse muco branco, temos que compreender como funciona o corpo humano. Quando a mulher tem uma queda significativa de estrogênio e progesterona, desce a menstruação com fluxo vermelho. Este é o fluxo mais facilmente identificável e também pode ser de cor amarronzada, pouco intenso, vermelho claro ou com coágulos.

Após a menstruação, a produção de estrogênio aumenta tornando o muco vaginal mais aguado e transparente, sinal de que a ovulação está em vias de acontecer. Após a ovulação, o nível de progesterona também aumenta e é o responsável por tornar o muco mais espesso e esbranquiçado.

Por que o Muco Branco Acontece?

Após a ovulação, a produção de progesterona é estimulada. O corpo lúteo (cicatriz onde o folículo rompido esteve presente) passa a produzir altas doses deste hormônio e, por consequência, um corrimento branco pastoso é formado.

Para saber se este corrimento branco pode ser gravidez, é preciso que o organismo continue a produzir o muco mesmo depois do atraso menstrual.

Algumas mulheres podem ter um sinal de sangramento neste meio tempo. Isto pode querer dizer 3 coisas:

  1. A menstruação está antecipando
  2. É um sangramento de nidação
  3. É um sangramento de escape

Uma mulher com ciclo saudável deve ter ao menos 12-14 dias de fase lútea, ou seja, fase em que o corpo lúteo predomina com sua elevação hormonal. Mas afinal, corrimento branco o que pode ser? A presença deste corrimento branco leitoso sugere fortemente que o organismo funcionou como deveria e que a mulher ovulou.

Para esclarecer, após a fecundação, o embrião pode levar de 7 a 15 dias para chegar ao local onde se implantará para crescer. Quando essa implantação acontece, é possível que haja pequenos sangramentos ou corrimentos de cor amarronzada.

Porém vale lembrar que todo e qualquer sangramento deve ser encarado como uma possível menstruação a caminho. Deixe para pensar em nidação após o período de atraso menstrual.

Podemos dizer que quanto mais muco branco melhor. E esse corrimento pode ser gravidez quando em abundância. Para algumas mulheres, após o período fértil é possível senti-lo escorrer como uma menstruação.

Isso pode significar que o corpo lúteo esta cumprindo direitinho seu papel, mas também pode querer dizer que houve fecundação! Dizem por aí, que quanto mais muco branco a mulher apresentar, maior a possibilidade de ter havido a fecundação!

Isso porque o corpo entende que tem um organismo se desenvolvendo lá dentro do útero e trabalha para que seja maior a produção de progesterona. Esta por sua vez, segurará o endométrio no lugar para que o zigoto, encontre um local adequado e fofinho para se alojar e crescer!

Em resumo, quanto mais muco branco, maior a possibilidade de gravidez. Se você teve esse muco ou corrimento branco pastoso parecendo pomada, em grande quantidade, mas ainda assim menstruou, isso é um sinal de que houve ovulação apenas. Lembre-se que o causador desse muco é um hormônio e ele está presente no seu organismo o tempo todo.





Corrimento Branco Pastoso

Uma grande dúvida das leitoras é em relação à textura do corrimento. Muitas acreditam que é através deste aspecto que são indicados problemas ou infecções na área vaginal, mas não é bem assim. O corrimento branco pastoso sem estar acompanhado de mau cheiro e coceira vaginal não indica problema algum. Normalmente, o corrimento branco pastoso indica uma concentração maior de progesterona, por isso a aparência mais firme. Ou seja, quanto mais espesso o muco, maior a concentração de hormônio progesterona.

Corrimento Branco Leitoso

Assim como o corrimento pastoso, o corrimento branco leitoso sem se apresentar de forma fétida ou ocasionar coceira intensa vaginal, vulva e toda sua área é considerado saudável. Quanto mais líquido ou fluido o corrimento estiver, maior a quantidade de estrogênio.

Dúvidas das Leitoras

Que outros fatores podem causar o muco branco?

O muco também pode acabar mudando de cor e textura pelo uso de certos medicamentos e suplementos, de acordo com a idade da mulher e em decorrência de algumas doenças, como a diabetes. No entanto, esses casos são mais raros, sendo a exceção.

Existe uma quantidade saudável de muco branco?

A quantidade normal de muco que a mulher produz em média é de cerca de uma colher de sopa ao dia. Um aumento repentino na quantidade de corrimento branco pode significar diversas coisas, desde uma infeção até uma gravidez. Por isso, é importante observar a característica do muco e em qual período do ciclo menstrual ele acontece. Autoconhecimento é tudo!

Veja Também: Lubrificação Feminina e Gel Amigo da Fertilidade

Foto: dmajewska