A depilação nas axilas é uma das práticas mais comuns, feita tanto por mulheres quanto por homens. Mas será que existe uma maneira certa de se fazer? Por que depilar as axilas? Quais são os cuidados que se deve tomar ao fazer esse tipo de depilação? Quais são os tipos existentes? Se você quer descobrir a resposta para todas essas questões, confira agora o texto que escrevemos sobre o assunto e tire suas dúvidas! Mas antes, o que realmente são as axilas?

Qual a Função das Axilas?

As axilas não possuem propriamente uma função em nosso corpo, uma vez que é a ligação entre o nosso braço e o nosso tronco. Por outro lado, o motivo pelo qual possuímos pelos nas axilas é bastante fácil de ser compreendido. Por ser uma região mais quente e que, naturalmente acumula mais gordura, ela também costuma suar mais do que outras regiões. Especialistas concluíram que os pelos nasceram exatamente para reter esse suor e evitar que isso possa nos atrapalhar de alguma maneira.

Entretanto, após muitos anos de evolução na estética e de mudanças fundamentais em nossa maneira de viver, os pelos podem ser retirados sem que isso nos afete diretamente. Inclusive, a depilação na axila acabou se tornando um hábito bastante comum, tanto para mulheres quanto para homens.

Por que fazer a depilação na Axila?

Existem muitas razões pelas quais pessoas fazem a depilação na axila. A primeira delas tem a ver com a questão cultural. Hoje em dia, uma pessoa é vista como melhor encaixada esteticamente se possui as axilas depiladas, principalmente no caso das mulheres.

Mas se engana quem pensa que esse é o único motivo pelo qual esse tipo de depilação é feito. Como menos suor se acumula em axilas que estão depiladas, a depilação também ajuda a diminuir o famoso cheiro de suor desagradável que é característico dessa região.

Porém, a principal razão para depilar as axilas deve ser a vontade da própria pessoa. Em outras palavras, é necessário se sentir bem da maneira que você está, seja com mais ou menos pelos em qualquer região do corpo que seja.

Tipo de Depilação na Axila

Existem basicamente três tipos de depilação na axila, eles são:

  • Depilação com Lâmina
  • Depilação à Laser
  • Depilação com Cera

Vamos falar um pouco mais sobre cada uma delas e como elas são feitas.

Depilação com Lâmina

A depilação com lâmina é uma das mais comuns e, com certeza, a mais fácil de ser feita. Ela consiste, basicamente, em raspar os pelos das axilas com uma lâmina, algo que pode ser feito durante o banho, por exemplo.

É importante que esse tipo de depilação na axila seja feito com uma lâmina específica para áreas mais sensíveis do corpo. Isso porque a região das axilas pode se irritar facilmente, o que acaba gerando vermelhidão, coceira e até mesmo dor em alguns casos.

Depilação à Laser

A depilação à laser nas axilas é uma das técnicas mais modernas e que vem ganhando cada vez mais adeptos. Ela consiste em um processo onde o laser é acionado diretamente nas melaninas que produzem os pelos, o que faz com que as estruturas responsáveis pelo crescimento do pelo morram.

Apesar de muitas vezes ser chamada de depilação definitiva, a depilação à laser não garante que eles nunca voltem a crescer. Entretanto, é possível afirmar que esse é o tipo de depilação que dura mais tempo, podendo durar até mesmo anos, dependendo do número de sessões feitas.

Depilação com Cera

A depilação com cera é uma técnica que também pode ser chamada de depilação a longo prazo, embora seu tempo de duração seja bem menor do que o da depilação à laser. Essa técnica consiste basicamente em aplicar uma cera quente, que gruda nos pelos, seguida por uma cola que garante que esses pelos sejam arrancados pela raiz. Trata-se de uma técnica muitas vezes dolorosa e, por isso, que muitas pessoas não gostam ou têm medo. Por outro lado, ela costuma gerar resultados bastante satisfatórios.

depilando a axila

Afinal, devo ou não fazer a Depilação nas Axilas?

pergunta sobre se se deve ou não fazer qualquer tipo de depilação é sempre muito aberta, já que ninguém tem obrigação de fazer nada com o próprio corpo que não queira, mesmo que isso seja uma norma da sociedade. Por isso, o que podemos dizer aqui é que você deve fazer o que se sente bem, depilando as axilas quando achar que isso pode ser benéfico para você. O grande segredo é, sempre que olhar no espelho, se sentir bem com seu reflexo, independentemente de quantos pelos você possui ou onde eles estão. Portanto, a resposta para a pergunta colocada aqui não deve ser respondida por nós, mas por você mesmo.

Sempre que o assunto é depilação, diversas questões sociais e culturais também acabam sendo levantadas, já que essa não é uma prática natural para muitas pessoas. Ainda assim, frisamos que o mais importante é que você se sinta à vontade com o próprio corpo, não apenas no que diz respeito à depilação nas axilas, mas a qualquer assunto relacionado à estética. O seu bem-estar e a forma como você se enxerga são duas coisas que estão diretamente relacionadas. E cuidar bem disso significa também ter uma qualidade de vida melhor, viver de maneira mais leve e com menos preocupações.