Quando paramos para pensar sobre o mundo da maternidade, a primeira coisa que vem em nossa cabeça é a cena da mamãe toda amorosa e apaixonada olhando para o bebê. Mas na realidade nem sempre é dessa forma  que acontece! A depressão pós-parto é um mal frequente em mamães que acabaram de dar a luz e cerca de 15% das mamães, sofrem dessa terrível doença logo após o momento mais feliz da vida de uma mulher, o parto!

Por Que Ocorre a Depressão Pós-Parto

A causa da depressão pós-parto ainda hoje não é muito clara, porém é indicada como descontrole hormonal devido a chegada ao fim da gestação. A mulher sente um sentimento controverso, já que deveria ser um momento feliz e tudo que consegue sentir é uma tristeza sem controle.

Em muitos casos, a depressão pós-parto não é percebida prontamente pela família ou em alguns casos só nota-se algo diferente que relacionam as quedas hormonais. O problema é mais comum do que imaginamos e pode atingir qualquer mulher, de qualquer idade, condição física ou financeira. Algumas celebridades já passaram por esse momento terrível e a grande maioria delas superou com ajuda médica e muito amor e apoio da família.

Entrevista com uma Terapeuta sobre a Depressão

Famosas que Passaram pela Depressão Pós-Parto

Um dos casos mais falados é da atriz Brooke Shields, após o nascimento da filha Rowan, ela teve um episódio de depressão pós-parto. Ela inclusive escreveu um livro sobre o assunto que é de grande ajuda para quem quer saber mais sobre o assunto.

Outra celebridade de hollywood que sofreu com a depressão pós-parto é a atriz Gwyneth Paltrow, em 2006 a atriz deu a luz a Moses, seu filho com o cantor do Coldplay o Chris Martyn. Gwyneth também é mãe de Apple e diz que essa fase da depressão pós-parto foram os piores 5 meses da vida dela e com razão!

A atriz Courteney Cox também sofreu de depressão pós-parto. Após dar a luz a sua filha com o ator David Arquette, ela passou por 6 meses de profunda depressão. A atriz do filme Crepúsculo, Bryce Dallas Howard, teve recentemente essa experiência e se achava incapaz de cuidar do seu bebê e amamentar.

Normalmente os sintomas da depressão pós-parto podem ficar muito fortes, muitas vezes a mãe acha que não terá capacidade de cuidar do bebê, ou mesmo não quer ver o bebê após dar a luz. Acaba rejeitando o bebê de fato!

Diferença de Depressão Pós-Parto Para Tristeza Pós-Parto

Mas alguns cuidados devem ser tomados para não confundir a depressão pós-parto com a tristeza e sensibilidade que muitas mamães sentem após dar a luz. Na depressão pós parto os sintomas não desaparecem após um mês, prazo que é dado para esse sintoma do puerpério passar.

Tratamento da Depressão Pós-Parto

O tratamento para depressão pós-parto normalmente é feito por uma psicóloga e em algumas vezes deve ser feito também por um psiquiatra em conjunto com o ginecologista. Muitas vezes a medicação faz efeito esperado em 2, 3 semanas e os sintomas da depressão pós-parto vão amenizando até sumirem completamente.

E lembre-se tristeza demais após o nascimento do bebê não é normal, se permanecer por muitos dias após o parto, peça ajuda a família e ao ginecologista.

Bjus e até!

Veja também : Gravidez aos 40- celebridades gravidas após os 40 anos

Foto: Carolina Tarré