Doenças no sangue são geralmente preocupantes, além de também serem sinais de que a saúde não anda muito bem. Mas toda a preocupação que esse tipo de doença geralmente causa quase sempre tem a ver com o alarde que as pessoas fazem quando ouvem falar de diabetes, por exemplo.

Mas é necessário, além de ficar preocupado e atento, saber mais sobre como essa doença surge, quais são seus tipos, quais são os sintomas e como trata-las. Foi pensando nisso que colocamos no texto de hoje tudo o que você precisa saber sobre a diabetes. Leia até o fim e se informe sobre essa doença tão temida.

O que é a Diabetes?

Diabetes, ou diabetes mellitus, é uma doença que causa hiperglicemia, ou seja, a elevação da glicose no sangue. Esse problema pode ocorrer por diversos motivos, como um problema na produção de insulina, um hormônio que atua no pâncreas e que é responsável pela distribuição de glicose no sangue de uma pessoa, o distribuindo como fonte de energia e impedindo que ele se acumule em locais inadequados.

Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! No vídeo conto a história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Assistir agora!
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel solve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel solve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Conhecer FamiGel!

Quando o nosso corpo, por alguma razão, não consegue produzir insulina suficiente, a glicose no sangue irá aumentar e, consequentemente, a diabetes irá aparecer.

Tipos de Diabetes

A diabetes pode se manifestar de diversas maneiras, que se diferenciam basicamente pela causa da doença e, consequentemente, pela forma como ela será tratada. Os tipos existentes de diabetes são:

  • Diabetes Tipo 1
  • Diabetes Tipo 2
  • Diabetes Gestacional
  • Pré-Diabetes

Vamos falar mais profundamente sobre cada um desses tipos e explicar como é feito o tratamento para cada um deles.

Diabetes Tipo 1

A diabetes tipo 1 é uma doença autoimune, ou seja, causada pelo próprio organismo. Ela acontece por conta de algum defeito, as células de defesa de uma pessoa atacam as células do pâncreas, prejudicando assim as que produzem insulina e causando a diabetes.

Ela é normalmente diagnosticada na infância ou na adolescência, já que é quando esse problema costuma acontecer.

Diabetes Tipo 2

A diabetes tipo 2 é o tipo mais comum e possui causas bastante diferentes. Alguns fatores que podem levar uma pessoa a desenvolver a diabetes tipo 2 são:

  • Excesso de fumo
  • Sedentarismo
  • Fatores genéticos
  • Consumo exagerado de álcool
  • Obesidade
  • Maus hábitos alimentares

A junção desses fatores, ou de alguns deles, acaba levando a pessoa a desenvolver a diabetes tipo 2, que é uma doença que exige um tratamento muito cauteloso, principalmente quando os níveis de açúcar no sangue estão exageradamente altos.

Diabetes Gestacional

Esse tipo de diabetes acontece somente durante uma gestação, normalmente no terceiro trimestre de gravidez. Vale lembrar que se considera diabetes gestacional apenas a doença causada pela gravidez, ou seja, se a mulher já possuir esse problema previamente, será outro tipo da doença. Ela é provocada pelos hormônios da gestação e, quase sempre, desaparece após o parto.

Pré-Diabetes

Quando uma pessoa está com níveis de glicose muito altos no sangue, é considerado prédiabético. É como um alerta para a pessoa não desenvolver a diabetes tipo 2, que é uma doença muito mais complicada e com tratamento mais difícil. Ela ocorre, geralmente, pelos mesmos motivos que a diabetes tipo 2.

Como Prevenir a Diabetes?

Quando se trata de diabetes tipo 1 ou diabetes gestacional, é muito difícil falar em prevenção, já que as causas da doença são praticamente incontroláveis. Porém, o mesmo não se aplica quando falamos em diabetes tipo 2 e existem diversas coisas que podem ser feitas para prevenir que ela apareça, como:

  • Praticar exercícios físicos regularmente
  • Adotar uma alimentação equilibrada
  • Ter os exames de sangue em dia
  • Fazer análise dos níveis de glicose em seu sangue, principalmente se faz parte de grupos de risco

Com essas atitudes simples e saudáveis é possível prevenir a diabetes ou até mesmo evitar complicações para quem já possui a doença.

Grupos de Risco

Apesar de existirem alguns fatores inevitáveis para que a diabetes apareça, se você faz parte de um grupo de risco, é necessário ser cauteloso, sempre controlando os níveis de glicose no sangue e prestando atenção em possíveis sinais da doença. São considerados grupos de risco da diabetes:

  • Obesos
  • Pessoas com casos de diabetes na família
  • Sedentários
  • Pessoas com mais de 45 anos
  • Grávidas

Sintomas da Diabetes

Existem alguns sintomas que podem indicar a diabetes em uma pessoa. Os sintomas podem variar de acordo com o tipo de diabetes, mas existem aqueles que são comuns a todas, que são justamente os que devem ser mais levados em conta na hora do diagnóstico. Eles são:

  • Muita sede
  • Urina em excesso
  • Cansaço rápido
  • Sensação de fraqueza
  • Demora para cicatrizar feridas
  • Visão turva
  • Formigamento nos pés ou nas mãos

Vale lembrar que a diabetes pode ser assintomática muitas vezes, ou seja, ela nem sempre aparece com sintomas, o que pode ser muito grave, uma vez que o quadro clínico de uma pessoa pode se agravar bastante se ela não sabe sobre a doença.

Tratamento de Diabetes

Primeiramente é necessário dizer que a diabetes não possui cura, com exceção da diabetes gestacional, obviamente, já que ela desparece após o parto. Isso significa que a pessoa terá que aprender a conviver com a doença e ter uma mudança muitas vezes drástica em seus hábitos de vida.

O tratamento da diabetes é feito basicamente com o controle dos níveis de açúcar no sangue da pessoa doente. Para que isso seja realizado, é indicado um misto de dieta, uso de medicamentos via oral e aplicação de insulina com agulha direto nas veias.

A quantidade de medicamentos usada, assim como a frequência na qual esses medicamentos devem ser tomados, podem variar muito de acordo com a gravidade da doença ou com o tipo de diabetes que a pessoa possui.

Além disso, é sempre recomendado que a pessoa faça exercícios físicos regularmente, evitando os de alta intensidade por conta da doença. É necessário prestar atenção também no uso de medicamentos combinados com os exercícios para que não ocorra hipoglicemia.

Poucas doenças são tão famosas e temidas como a diabetes. Porém, como você pôde perceber, além de existirem diversas formas de a doença se manifestar, também existem diversos meios de tratar e até mesmo prevenir a diabetes, ainda que isso não se aplique a todos os casos.

É sempre necessário coletar o máximo de informações possíveis sobre a doença, além de estar em dia com os exames e com as consultas médicas, pois a opinião de um profissional é o que mais vale para te aconselhar em momentos de doença. Por isso não deixe nunca de se aprofundar sobre as doenças que podem te atingir, mas sempre com responsabilidade.

Veja Também: Exame de Curva Glicêmica – Qual a Importância?
Foto: TesaPhotography