A diabetes é uma doença crônica que vem crescido de forma constante a cada ano que passa. Pesquisas da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD) indicam que só no Brasil são em torno de 12 milhões de diabéticos e muitos deles nem tem ciência da doença e dos riscos que estão correndo. Mas ao contrário do que muitas pessoas pensam que ter diabetes é ter um decreto de morte ou de uma vida de privações está muito enganado! Todo diabético pode ter uma vida saudável quando realizado tratamento devido e isso não consiste somente em medicações, mas também em mudanças de hábitos, incluindo alimentação adequada e prática de exercícios. Mas a grande dúvida é, diabético pode comer de tudo? Por isso vamos fazer um pouco sobre a dieta para diabéticos e quais são as restrições se é que elas existem.

Cardápio Para Diabético

Quando pensamos quais os tipos de alimentos que um diabético pode consumir, logo cortamos da lista diversos itens bem comuns no cardápio de todo brasileiro, mas é bem o contrário que acontece na realidade. Já que é de extrema importância para o diabético um cardápio variado, composto por vários tipos de alimentos, desde que tudo controlado para ajudar a estabilizar os níveis de glicemia no sangue.

Café da Manha

O café da manhã é considerado a alimentação mais importante do dia, principalmente para os diabéticos. Após uma noite inteira de descanso, o corpo precisa se fortalecer para garantir um dia com energia, por isso é necessária uma alimentação no café da manhã reforçado e saudável.

Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! No vídeo conto a história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Assistir agora!
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel solve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel solve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo

Opte por alimentos saudáveis e sempre evitando o excesso de açúcar e carboidratos. Se for para comer pães, de preferência aos integrais que devido as fibras e minerais, ajudam no controle dos níveis de glicemia. O consumo de frutas também é indicado, mas vale alertar que algumas frutas oferecem um alto índice de frutose e carboidrato, então precisam ser selecionadas para o cardápio com cautela ou consumir moderadamente.

A banana é uma das frutas indicadas para consumo do diabético, porque é uma fruta rica em potássio, magnésio, fibras e minerais. Mesmo assim, deve ser consumida de forma moderada ou a quantidade especifica recomendada pelo nutricionista. Uma ótima pedida para o café da manhã são os ovos, que podem ser consumidos de diversas formas: mexidos, omelete ou cozidos. Vitaminas de leite com iogurte, shake de frutas e até um mingau reforçado com aveia e frutas pode ser um reforço extra em um café da manhã caprichado e claro, ser uma alimentação deliciosa. Substitua o uso do leite integral pelo leite desnatado, já que contém um teor de gordura muito menor.

Almoço

Não é porque é diabético que precisa comer uma comida sem graça e sem sabor. Pelo contrário, a alimentação indicada para os diabéticos é o que todas as pessoas deveriam comer normalmente para garantir uma boa saúde. Além do mais, as restrições são somente do excesso de alimentos gordurosos e ricos em carboidrato, mas isso não significa que nunca pode come-los.

A dica mais preciosa no preparo das refeições dos diabéticos é não exagerar e que tudo seja muito balanceado. O uso de sal no preparo das refeições é essencial, já que o sódio
sobrecarrega o trabalho do coração e aumenta a pressão do sangue. Por isso a indicação é, quanto menos sal, melhor. Quanto as carnes em geral, evite frituras e dê preferência em preparos assados, cozidos ou grelhados.

O consumo de carne vermelha é indispensável, já que possui uma alta quantidade de proteínas, vitamina B12 e ferro. Mas de preferência a carnes mais magras e com menor índice de gordura, como a alcatra e o patinho. O peixe também deve fazer parte do cardápio, principalmente a sardinha e o salmão, que são ricos em ômega 3. Itens indispensáveis no cardápio alimentar do diabético são os legumes e verduras. Quanto mais variedade de folhas e legumes tiver, mais fibras, vitaminas e antioxidantes será consumido.

Se desejar comer uma massa no almoço, opte pelas massas integrais. De um toque incrementado no prato incluindo vegetais, para dar um equilíbrio na alimentação. Grãos integrais como chia, linhaça e a quinoa são aliados da saúde e do controle da glicemia. Além de como serem ótimas fontes de fibra ajudam na saciedade o que ajuda a controlar o ganho de peso. O feijão, a lentilha e também o grão de bico auxiliam no controle dos níveis de glicose no sangue, além de serem antioxidantes e ricos em proteína. O feijão preto além de ser rico em fibra ainda atua na ajuda do controle do colesterol e triglicérides.

Jantar

Os mesmos alimentos indicados para a dieta para diabéticos no almoço, pode ser consumida no jantar. A única recomendação é que se fez consumo de carboidrato como por exemplo o arroz no almoço, não consuma no jantar, dando a preferência pelas verduras, legumes e carnes a escolha. Se não consegue retirar completamente o arroz do cardápio alimentar, troque o arroz branco pelo arroz integral.

Opte por pratos mais leves no período noturno, já que o corpo a noite demora mais tempo para metabolizar os alimentos. Opte por caldos, sopas de legumes ou até mesmo uma salada bem colorida acompanhada de carne, frango ou peixe. A sugestão para o diabético ter uma vida saudável, com os níveis glicêmicos em ordem é se alimentar de maneira saudável, sem exageros. Não podemos esquecer da prática de exercícios físicos que é primordial para garantir o controle da glicemia e se necessário utilizar os medicamentos indicados pelo especialista.

Vitaminas Para Diabéticos

Para manter a saúde de diabéticos em ordem são necessários os cuidados que já citamos acima, mas para garantir que o corpo funcione da forma adequada é necessário garantir as necessidades vitamínicas que nem sempre são supridas através da alimentação. Vitaminas como a B1, B6, B12, Vitamina C e D são indispensáveis para a saúde humana.

Se está nos seus planos ter um bebê, é bom alertar que dar uma forcinha extra para a fertilidade é um grande diferencial na vida do diabético, já que pode ter suas funções reprodutivas alteradas devido ao descontrole da glicemia. No caso das mulheres pode ser utilizada a vitamina da fertilidade FamiFerti, que potencializa a ovulação e fortalece o útero e o endométrio onde o bebê será gerado, facilitando a concepção e reduzindo as chances de aborto espontâneo. Adquira sua vitamina feminina aqui na nossa loja virtual.

No caso dos homens também é possível dar uma força para a fertilidade, com a vitamina ViriFerti. Composta com as principais vitaminas, ela ainda contém a vitamina E que é um potente antioxidante essencial para a fertilidade masculina. Além de potencializar a produção seminal, fortalece os espermatozoides e o DNA, aumentando as possibilidades de concepção. Você pode adquiri-la aqui em nossa loja virtual.

Aproveitando o espaço, vou dar mais uma dica! Se quiser melhorar ainda mais o prazer durante a relação sexual e ainda potencializar a fertilidade, utilize gels lubrificantes amigos da fertilidade como o FamIGel. Além de melhorar a lubrificação vaginal, faz o papel do muco fértil, deixando o ambiente propicio para os espermatozoides sobreviverem por mais tempo e facilitando a chegada deles até o óvulo. Adquira aqui seu gel lubrificante.

Foto: Kumulus