Quando uma criança vai para uma escola, ela começa a aprender não somente o conteúdo que lhe é ensinado dentro da sala, mas também a conviver com outras pessoas. Esse segundo ponto é, sobretudo, um indicativo do porquê é saudável crianças irem à escola e não estudarem sozinhas em casa, por exemplo.

A escola é um ambiente de interação, de aprendizado e de desenvolvimento social. É onde se aprende que nem todas as pessoas são iguais, que existem opiniões diferentes, formas diferentes de encarar a vida e muitas outras culturas.
A diversidade nas escolas é fundamental para que uma criança cresça sem preconceitos, com a mente aberta e, consequentemente, com um convívio social mais saudável.

Muitos podem achar que assuntos como preconceito e racismo não atingem as crianças e que elas devem ficar longe disso, mas a verdade é que todo tipo de pensamento discriminatório é construído em boa parte ainda na infância e a influência da escola para que esse tipo de pensamento não se transforme em algo pior no futuro, é enorme.

Por essa razão vamos abordar hoje o tema da diversidade nas escolas, sua importância e como isso atinge as crianças hoje em dia.

A Diversidade Precisa ser Valorizada

Quanto mais cedo uma criança aprender que pessoas diferentes habitam os mesmos locais todos os dias, mais saudável será para ela. Quando uma criança é privada desse convívio com o que é diferente, ela pode acabar estranhando isso no futuro, o que pode lhe causar problemas sociais.

Dentro das salas de aula e desde bem pequenas, as crianças devem aprender a lidar com essas diferenças, tanto no que lhes é ensinado quanto na prática, fazendo trabalhos com crianças diferentes, brincando na hora do recreio com crianças de outras salas, etc.

Racismo e Preconceito

O racismo é uma realidade que existe em nosso país, infelizmente. Mas para que isso mude a nossa postura perante a esse problema também precisa mudar. Isso não significa que você deve tentar forçar a amizade de seus filhos com crianças de outra cor ou algo do tipo, apenas que o seu filho deve crescer com a ideia de que a cor da pele não influencia a pessoa em nenhum outro aspecto de sua vida.

Como Lidar com a Diversidade nas Escolas?

Quando falamos em diversidade na escola, falamos também da estimulação da integração de alunos de todas as cores, religiões e classes sociais que ali existem. No Brasil, isso pode variar muito dependendo da escola em que a criança estudar ou até mesmo da região do país. Porém, a ideia que precisa ser plantada na cabeça de todos é a mesma.

Na escola as crianças também devem aprender que a discriminação é algo negativo. Uma das melhores formas de fazer isso é evitar que as “panelinhas”, que são muito comuns, tentem menosprezar outros alunos por qualquer motivo que seja.

Pode parecer algo trivial, mas é essencial tanto para a criança que ataca quanto para que é atacada, que esse tipo de comportamento seja cortado o quanto antes. Como já dissemos, quando mais cedo a criança aprender a lidar com a diferenças, mais saudável será para ela.

Todos esses pontos abordados fazem parte do papel de uma educadora e de um educador. Seja uma professora de ensino básico ou uma professora de uma matéria específica do ensino fundamental.

É de suma importância que todos os profissionais ligados à educação das crianças estejam atentos ao modo como elas lidam com a diversidade nas escolas. É dever de todos esses profissionais corrigir erros que são comuns às crianças, mas que não devem ser levados para a vida adulta.

O Acompanhamento dos Pais é Essencial

A figura dos pais fará total diferença e é fundamental para a formação social da criança. Sabendo disso, acompanhar a criança e saber como ela lida com a diversidade nas escolas é uma obrigação que deve ser cumprida.

Lembre-se que as crianças aprendem muito mais pelo exemplo que os pais dão e não pelo que falam, em outras palavras, demonstrar atos de bom convívio com as diferenças é uma atitude importante para que elas possam reproduzir esse tipo de comportamento na escola.

O contrário também é real: Quando os pais têm atitudes racistas ou discriminatórias na frente de seus filhos, mesmo que sem querer, acabam deixando que a criança assimile aquilo como algo normal ou correto, o que pode prejudicar o seu entendimento sobre diversidade.

É claro que há um choque de gerações entre o que muitos pais aprenderam na infância e o que é passado hoje em dia, mas é necessário entender que a diversidade é um tema importante e que certas atitudes que eram socialmente aceitas no passado não são mais vistas com bons olhos hoje em dia.

Infelizmente vivemos em uma sociedade em que o racismo, os preconceitos e a discriminação são coisas reais e que não atingem somente os adultos. E o maior problema não é que essas atitudes simplesmente afetam as crianças, mas que elas podem acabar sendo afetadas e transmitir diversas atitudes como essa por conta de sua criação.

Por isso lidar com a diversidade nas escolas é uma das mais poderosas armas para que esse tipo de problema não sobreviva no futuro. É claro que não é um trabalho que vai surtir resultados de um dia para o outro e nenhuma escola consegue sozinha transformar o mundo em um lugar melhor. Mas cada pequena atitude nossa é um passo a mais que damos rumo a um lugar melhor para as crianças viverem.

Veja Também: Assunto Polêmico: Filhos de Pais Gays
Foto: Cade Martin, Dawn Arlotta