O período fértil nem chegou ainda, e a dor nos ovários aparece. Isso pode encucar qualquer mulher, mas principalmente aquelas que querem muito engravidar. Contar o período fértil pode ajudar a detectar os sintomas de ovulação, mas a dor nos ovários pode denunciar uma ovulação bem precocemente.

Algumas mulheres ainda na menstruação, podem sentir a dor ovariana, que é uma das características do período fértil. Além disso, a dor nos ovários também pode vir acompanhada do muco elástico na menstruação!

Dor nos Ovários na Menstruação?

Sim, ainda nos dias em que o sangue do endométrio está sendo eliminado, pode-se constatar o muco elástico junto com o fluxo. Ele tem aspecto sanguinolento, porém é indicio de que há uma intensa atividade estrogênica que está preparando para a ovulação.

Esse muco sempre vem acompanhado do desconforto ovariano, e quase 100% dos casos denuncia que o corpo está se preparando para liberar um óvulo ou mais em alguns dias. Essa fase pode ser dolorida e causar desconfortos assim como pontadas e dormência na região. Essa sensação passa quando a ovulação já aconteceu ou pode se intensificar se houver fecundação do óvulo.

E Quando A Dor Permanece Até Depois da Ovulação?

Nestes casos, a dor pode ser causada por cistos também funcionais, mas de caráter pós ovulação. É o chamado corpo lúteo a cicatriz de onde o óvulo maduro foi liberado. Essa cicatriz com cerca de 2, 3 dias após a ovulação, se enche de líquido hormonal, e passam a secretar a progesterona para manter a gravidez inicialmente.

Essa dor no ovário devido ao corpo lúteo é em algumas vezes intensa quando acontece a fecundação do óvulo e mais ainda quando há a implantação. Não é comum ouvir relatos de mulheres que tiveram as dores em um dos lados do ventre como sintoma de gravidez.

Porém nem sempre a dor do corpo lúteo quer dizer que há gravidez. Como disse, pode acontecer pela fecundação que aumenta o fluxo de sangue no local. Por isso, é importante esperar um prazo para que exames de gravidez possam ser feitos. Normalmente a dor do corpo lúteo some após alguns dias antes da menstruação.

Se essa dor nos ovários persistir, então o ideal é fazer um teste pra verificar a existência de gravidez. Mulheres que fazem uso de indutores tendem a sentir uma dor no ovário esquerdo e direto de forma intensa ou em somente um dos lados.

Isso significa que o indutor está fazendo o seu papel, porém, se a sensação for muito forte, é melhor que um médico seja consultado para verificar se há hiperestimulação ovariana. Porém, nem todos os casos de dor nos ovários quer dizer que a mulher está ovulando ou grávida você sabia? Alguns casos de dores persistentes podem ser derivados de problemas com um ou ambos os ovários.

Cistos

Os cistos são os problemas mais recorrentes quando se trata de ovários. Aliás, podemos limitar essa questão, pois, normalmente as maiorias dos cistos encontrados nos exames são de características benignas e querem dizer que são funcionais. Os cistos funcionais são os folículos maturando ou mesmo já roto. Mas os cistos provenientes de problemas hormonais como o hemorrágico por exemplo, podem causar problemas.

O cisto dermoide, aquele que é causado por um acúmulo de células corporais, pode causar dores intensas. Neste caso o médico pode aconselhar a retirada para eliminar as dores. Os cistos de endometriomas também são dolorosos, aliás, a endometriose em si traz muitas dores. O acúmulo de sangue nos ovários trazem dores e ficam intensas a cada ciclo.

Na maioria das vezes, esse tipo de cisto causa dores o ciclo todo, se intensifica na época da menstruação. Nestes casos é preciso que um médico seja consultado para a retirada. Mas a dor de ovários também pode ser causada por problemas como:

Causas de Dores nos Ovários

  • Se forem torcidos pela trompa
  • Se um cisto hemorrágico romper
  • Houver hiperestimulação por uso de indutores de ovulação
  • Dores intensas na região ao evacuar

Por isso é importante ficar atenta aos sintomas e se persistirem ou aumentarem falar com um médico assim que possível. A dor nos ovários pode aparecer de leve moderada até intensa, e cabe ao médico investigar para ver o fator que está provocando este desconforto.

Veja também: Quando Acontece o Período de Ovulação?

Foto: massdistraction