Assim que a menstruação atrasa (ou não), o primeiro questionamento que passa pela cabeça da mulher é: será que estou grávida? O fato é que nem sempre apenas o atraso menstrual ou mesmo sintomas que aparecem antes dele acontecer, é suficiente para determinar se há uma gestação em andamento ou não. Muitas mulheres se confundem exatamente por conta desses sintomas que são danados! Eles teimam em aparecer e com eles o questionamento de que se há um bebê a caminho.

Porém, felizmente há dicas preciosas para detectar a gravidez com pequenos sinais que o corpo dá. Mesmo que o teste ainda não consiga positivar, ao menor a curiosidade da mulher pode ser tirada parcialmente. Vamos à eles?

Dica 1 Os Sintomas: Sintomas de gravidez podem ser vilões ou mocinhos, você decide o papel que irão fazer na suas tentativas ou na suspeita de gravidez. Além da ausência da menstruação, eles são os principais indícios de que pode haver gravidez, porém nem sempre é assim… Os sintomas podem ser de um hormônio que sobe após a ovulação. Aliás, o ciclo menstrual da mulher é repleto desses hormônios. Um deles, a progesterona pode proporcionar muitos sintomas semelhantes ao da gravidez pela atividade do corpo lúteo logo após a ovulação. Por isso, o melhor a fazer para não se atrapalhar nem se frustrar é esperar atrasar a menstruação para aí sim, tentar um teste. Os sintomas podem ser:

  • Cólicas
  • Seios doloridos
  • Inchaço
  • Náuseas
  • Falta ou excesso de apetite
  • Falta ou excesso de sono
  • Tonturas e desmaios
  • Queda de pressão

Dica 2 Temperatura: Essa dica vale para quem acompanha a sua temperatura basal através de gráficos. Quando grávidas mesmo inicialmente, a temperatura irá ficar acima da média costumeira. Digamos que cerca de 2, 3 pontos acima. Não é uma elevação muito considerável para algumas mulheres, mas para outras é bastante razoável. Uma mulher com temperatura durante o dia em torno de 39 graus, é passível de ter um aumento até 37,4! Porém o que conta mesmo é a primeira temperatura do dia, deixe seu termômetro sempre à postos!

Dica 3 Humor: Apesar da TPM ser um vilão da vida da mulher e provocar alterações no humor, a mudança deste mesmo sem menstruação pode ser sim um sinal de gravidez! É possível uma mulher pegar implicância com uma pessoa de uma hora para outra sem aviso prévio. Os alvos podem ser quem mais se ama como marido, filhos, mãe, irmãos… Por isso, se você além dos outros sintomas ainda incluir este nas suas análises, pode ser um sinal de gravidez.

Dica 4 Sangramento: É possível também que a mulher tenha escape de sangramento pela vagina nos dias em que a menstruação deveria vir ou pouco antes ou depois. A nidação pode provocar sangramentos perceptíveis mas sem fluxo algum.

Atenção: O sangramento não deve parecer menstruação. Ele tem aspecto muito semelhante, mas o fluxo é nenhum. Pode ser um sangue claro, vermelho, marrom, borra ou uma gosminha rosada. Muito cuidado para não confundir começo de menstruação com sangramento de nidação ok?

Dica 5 O Teste: Clichê? Pode ser! Mas se você tiver um teste de gravidez positivo também é uma prova que vem bebê por ai! Mas para tal é preciso ter um mínimo de HCG no organismo. Caso a linha seja muito clara, quase imperceptível, é necessário aguardar mais alguns dias para repetir o teste. Normalmente o HCG (hormônio exclusivo da gravidez) dobra a cada 48 horas. Lembrando q medicamentos não interferem no resultado, a não ser aqueles que contém HCG como Ovidrel, Puregon ou Choriamon. Infecção urinária também não fará o teste positivar. Se tem duas linhas então é positivo por ter HCG no organismo. Exame de HCG quantitativo acima de 6mUi também podem querer dizer que há possível gravidez a caminho! Preste muita atenção no laudo do seu exame. Se constar valor acima de 15 então, é possível e promissora a gravidez.

Alguns Sinais Fortes de Gravidez

Alteração nas mamas são super importantes! É possível que a mulher tenha aparecimento de tubérculos, pequenos pontinhos brancos no bico dos seios após o período fértil. Caso aconteçam acompanhados de um pequeno escurecimento e rigidez da mama, pode ser um forte sinal de que há produção em excesso de hormônios, o que faz pensar em gravidez. No entanto esses sintomas por si só não querem dizer absolutamente que há gravidez, é preciso outros sintomas ou provas que pode ser positivo. Deve-se levar em consideração a sensibilidade abdominal, tal quais as cólicas e enrijecimento do baixo ventre. A parte mais afetada é 2 dedos abaixo do umbigo. Tudo isso pelo aumento da circulação de sangue e hormônios no organismo.

Nota da autora: Lembro muito bem de quando suspeitei da gravidez pela segunda vez. Mal tive sintomas, mas um detalhe me chamou muito a atenção. Quando virava de barriga para baixo sentia o inchaço muito forte no baixo ventre. Alguns dias depois, foi constatado a gravidez de 5 semanas. Por isso, nem sempre sintomas querem dizer que está grávida, algumas vezes você pode estar grávida e não sentir nada!

Veja também:  Explicação Para os Sintomas de Gravidez (Sem Gravidez)

Fotos: Jack Fussell