Um assunto que só era tocado em casos extremos e por muitas vezes evitado para não causar escândalos, o exame de DNA tem sido procurando cada vez mais por pais indecisos sobre a paternidade de bebês. Muitos dos casos que recorrem ao DNA são os que tiveram um relacionamento sexual fora de seus casamentos ou até mesmo com pessoas que não tinham relacionamento algum, a não ser de um caso de uma noite ou duas.

Existe também o caso de dúvida partindo da mãe, mesmo muitas afirmando que é impossível uma mulher não saber quem é o pai de seu filho, algumas acabam tendo relações sexuais com dois ou mais parceiros no mesmo dia, em dias seguidos ou ate mesmo em períodos muito curtos onde é impossível ter certeza da data correta de concepção. Alguns cálculos sobre o dia fértil e da ovulação podem auxiliar para ter uma ideia, mas somente através do exame de DNA que se terá certeza 100% segura. O exame de DNA pode ser realizado através da coleta de sangue de familiares envolvidos, através de fios de cabelo e ate mesmo a saliva. O DNA que será avaliado e que diagnosticará a ligação familiar pode ser encontrado no núcleo de qualquer célula do corpo, com exceção das células vermelhas do sangue que não possuem núcleo.  No demais, as mesmas células encontradas nos glóbulos brancos são localizadas na pele, cabelo, urina, músculos e ate mesmo nos ossos e são desenvolvidas logo no momento de concepção e nunca e por nenhum motivo podem sofrer alteração ao longo da vida.

Desde 1950 o exame de DNA é estudado com cautela e desde essa época foi comprovado que através do DNA os genes são constituídos e comprovam ligação familiar. Porém se tratava de um exame com custo muito alto e não oferecia fácil acesso a população em geral que era obrigado a carregar essa dúvida por longos anos, gerando tantos conflitos internos principalmente com a criança em questão. Mas na ultima década ocorreu um crescimento muito grande de laboratórios especializados em DNA, que oferecem o exame com valores mais acessíveis podendo ser encontrado a partir de R$ 300,00 e dependendo da quantidade de pessoas a participar do exame, podendo ser alterado o valor.

Aonde Realizar o Exame de DNA?

O exame de DNA também pode ser realizado de forma gratuita através de algumas faculdades que oferecem esse tipo de serviço à população mais carente ou ate mesmo através de pedido judicial, onde parte dos interessados no resultado de investigação de paternidade solicite de forma judicial que o exame seja realizado para solucionar a duvida. Essa ultima opção, é a mais procurada atualmente, porém o caminho mais demorado para solução do problema. Já que sabemos que a agilidade da justiça brasileira não colabora muito com a população. O pai ou a mãe interessada em sanar a duvida da paternidade pode procurar o apoio da defensoria publica da sua cidade e solicitar através de um juiz que o exame seja realizado. Mesmo que uma das partes não seja conivente ao exame, o juiz pode determinar e exigir a realização do mesmo para que seja sanada a dúvida da parte requerente.

O exame de DNA é a forma mais segura atualmente e oferece 99,9% de exatidão no resultado. O exame também pode ser realizado de forma particular, sendo realizado em diversos laboratórios onde parte dos envolvidos pode procurar e solicitar o agendamento para coleta de material. O custo do exame varia de laboratório, mas sai em torno de R$ 300,00 a R$ 1.000,00 e o resultado costuma ser informado em um período de 24 horas.

Veja também: Como Saber Quem é o Pai do Meu Filho?

Fotos: Ju Blasina, Thirteen Of Clubs