Espirros incessantes, nariz escorrendo, coriza. Todos nós já tivemos esses sintomas, não é verdade? Mas quando saber quando se trata de uma gripe ou se é apenas uma alergia? Apesar de existirem muitas diferenças entre essas duas coisas, muitas pessoas ainda os confundem. E entender essas diferenças é extremamente importante para saber como tratar o problema e se livrar desses sintomas. Afinal, é gripe ou alergia? Esse é exatamente o assunto do texto de hoje. Se quiser entender mais sobre a diferença dessas duas condições, confira abaixo!

O que é Gripe?

A gripe é uma das doenças mais conhecidas pela humanidade e, ao contrário do que muitos pensam, não é causada apenas por um vírus específico. Na realidade, diversos vírus diferentes podem causar a doença e uma característica em comum deles é que podem sofrer mutações ao longo do tempo, o que explica por que somos afetados pela gripe várias vezes em nossas vidas.

Em séculos passados, a gripe já foi uma doença extremamente perigosa e letal, mas hoje em dia ela é considerada uma doença comum e de fácil tratamento, ainda que sua taxa de mortalidade fique em torno de 0,13%.

Para que você entenda um pouco mais sobre a doença e as diferenças entre ela e a alergia, vamos também falar sobre os principais sintomas e do tratamento da gripe.

Principais Sintomas da Gripe

Os principais sintomas da gripe são:

  • Tosse
  • Febre
  • Coriza
  • Mal-estar geral
  • Calafrios
  • Dor de garganta
  • Fadiga
  • Dores musculares

É claro que, dependendo das condições em que a pessoa doente se encontram, esses sintomas podem variar. É bem possível, por exemplo, que uma pessoa tenha todos esses sintomas, mas de maneira leve, e que outra tenha apenas alguns deles, mas de maneira mais rigorosa. E ainda que não exista uma regra fixa sobre como a gripe age, o tratamento é feito sempre de maneira parecida.

Tratamento da Gripe

A gripe é uma doença que tende a desaparecer com o tempo e, por isso, o tratamento consiste basicamente em ficar em repouso e deixar o próprio combater o vírus. Outra coisa importante a se fazer para tratar a gripe é ingerir bastante líquido para impedir o corpo de se desidratar. A doença dura em torno de cinco dias em casos normais.

É claro que, para tratar de alguns sintomas, como a febre, um médico pode receitar paracetamol. O xarope para a tosse também pode ser uma alternativa para aliviar esse sintoma.

Existem diversas vacinas contra a gripe e que podem ser tomadas por qualquer um, embora algumas delas sejam recomendadas especialmente para crianças e idosos. As vacinas costumam ser muito eficazes, mas devem ser tomadas com certa regularidade, uma vez que, como já dissemos anteriormente, o vírus da gripe pode sofrer mutações e atacar nossos corpos em uma forma diferente, da qual não estamos vacinados. Isso não significa, é claro, que não vale a pena tomar esse tipo de vacina, já que ela ajuda a salvar milhares de vidas todos os anos.

É importante lembrar que você não deve se automedicar de maneira nenhuma, principalmente com remédios que nunca tomou antes. Isso pode causar reações diversas em seu corpo e fazer com que a gripe piore ainda mais. Portanto, se você estiver se sentindo muito mal, o mais recomendado é que procure um médico.

O que é Alergia Respiratória?

Para falarmos sobre o que é uma alergia respiratória, é importante entender, primeiramente, que existem várias delas. As mais conhecidas são a rinite, a bronquite e a sinusite. Dito isto, podemos definir alergias respiratórias como uma espécie de hipersensibilidade de alguma parte do nosso corpo a algum agente específico.

Por exemplo, quando uma pessoa é muito sensível ao pólen das flores, é comum que sua alergia se manifeste durante a primavera, sobretudo quando se trata da rinite. O mesmo pode acontecer com a bronquite com alguém que tem alergia à poeira ou com a sinusite quando alguém possui alergia a determinados tipos de perfume.

Vale ressaltar que todos esses são exemplos válidos, mas que não limitam a forma como essas alergias podem se manifestar. Por isso, vamos falar também sobre os principais sintomas das alergias respiratórias e também do tratamento de cada uma delas.

Principais Sintomas da Alergia Respiratória

Como existem diversos tipos de alergia respiratória, é importante dividirmos os sintomas em cada uma delas. Por isso iremos falar dos sintomas da rinite, da bronquite e da sinusite.

Principais Sintomas da Rinite

Os principais sintomas da rinite são:

  • Coriza
  • Espirros incessantes
  • Irritação nos olhos
  • Coceira no nariz

Principais Sintomas da Bronquite

Os principais sintomas da bronquite são:

  • Tosse
  • Falta de ar
  • Dor no peito
  • Produção de catarro

Principais Sintomas da Sinusite

Os principais sintomas da sinusite são:

  • Dores no centro da cabeça
  • Febre
  • Coriza
  • Fadiga

Tratamento da Alergia Respiratória

Assim como qualquer outro tipo de alergia, o mais recomendado é que se descubra o agente causador dela e evite ao máximo o contato com ele. Porém, uma vez que isso nem sempre é possível, um médico pode receitar anti-histamínicos ou corticoides para quando a alergia estiver muito atacada.

Ressaltamos mais uma vez a importância de não tomar esses medicamentos por conta própria e de sempre procurar um médico para que o tratamento possa ser feito de maneira séria e que gere resultados positivos para a sua saúde.

lenço de papel

Quais são as principais diferenças entre Gripe e Alergia?

Agora que você já aprendeu melhor o que é a gripe e o que são as alergias respiratórias, fica muito mais fácil de explicarmos se o que você pode sentir é um caso de gripe ou alergia. Enquanto a primeira condição é uma doença causada por um vírus, a segunda é uma reação do nosso sistema imunológico por conta de uma hipersensibilidade que adquirimos. Isso significa que as alergias não são doenças, o que faz com que seu tratamento seja feito de forma diferente.

Além disso, as consequências que cada uma dessas condições pode trazer são distintas. Entender isso de maneira mais clara faz com que você saiba quais são as atitudes certas a serem tomadas em cada momento e com certeza te ajudam no tratamento, seja da gripe ou da alergia.

Apesar de muitos sintomas se assemelharem, as alergias respiratórias e a gripe são coisas completamente diferentes e que exigem tratamento distintos. Por isso, é muito importante saber se o que você possui é gripe ou alergia para entender como se livrar dos sintomas e poder viver normalmente. Entender melhor sobre o nosso corpo e sobre a nossa saúde é também entender como viver de maneira melhor e saber mais sobre nós mesmos. E isso é sempre muito benéfico.