A vida de uma mulher não é tranquila em nenhum momento, pelo menos do que diz respeito a transformações hormonais. Desde pequena uma mulher tem que lidar com o início da vida fértil e uma série de outras mudanças, passando pela verdadeira tempestade de hormônios que é uma gravidez.

A menopausa é um desses períodos de transição na vida de uma mulher e, apesar de fazer parte do climatério (a última grande transformação hormonal do corpo de uma mulher), isso não quer dizer que ela seja menos confusa.

Existem algumas questões que devem ser levadas mais a sério do que normalmente são, como a hidratação vaginal na menopausa, por exemplo, que é uma questão de saúde e bem-estar muito importante. E para saber exatamente como lidar com esse problema, é importante que você conheça mais profundamente a forma como a menopausa age no corpo de uma mulher.

Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! No vídeo conto a história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Assistir agora!
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel solve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel solve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo

Os Principais Efeitos da Menopausa

A menopausa nada mais é do que o termo usado para designar a última menstruação e uma das fases do climatério. É o período de mudanças no corpo de uma mulher que corresponde ao fim de seu período reprodutivo. Como é um fim de um ciclo, há muitas alterações hormonais e, consequentemente, efeitos físicos e psicológicos. Alguns dos principais são:

  • Ressecamento da pele;
  • Suores noturnos;
  • Ondas de calor;
  • Alterações de humor;
  • Redução da libido;  Dores de cabeça;

Ganho de peso, quedas de cabelo, unhas enfraquecidas e ressecamento vaginal também fazem parte dos sintomas. Como você pôde perceber, são vários os efeitos e sinais de que a menopausa está chegando para uma mulher, mas existem formas de combate-los ou amenizálos para que você possa levar uma vida tranquila e sem deixar que esses efeitos atrapalhem o seu dia a dia.

Como Tratar o Ressecamento Vaginal na Menopausa

O ressecamento vaginal não é apenas um dos principais efeitos da menopausa, mas também uma consequência que acaba afetando tanto física quando psicologicamente uma mulher, já que sua vida sexual também pode sofrer algumas alterações por conta desse efeito.

A boa notícia é que já existem diversas formas de tratar o ressecamento vaginal na menopausa e fazer com que ele não te afete tanto assim. Algumas das principais formas são:

  • Lubrificantes à Base de Água;
  • Aplicação de Estrogênio;
  • Mudança de Hábitos;
  • Tratamento com Laser

Vamos falar mais profundamente sobre cada um desses efeitos para explicar com detalhes como eles podem ajudar no combate a esses sintomas.

Lubrificantes à base de Água

Essa é geralmente a primeira opção de tratamento quando uma mulher busca combater o ressecamento vaginal. Esse tipo de lubrificante acaba sendo uma opção muito boa porque eles não causam irritação na vagina como produtos à base de óleo, por exemplo.

Além disso, os produtos à base de óleo podem prejudicar relações sexuais de mulheres que usam camisinha, já que o óleo ajuda a corroer o látex dos preservativos, enquanto os lubrificantes à base de água não têm esse problema. A aplicação desse tipo de creme deve ser feita diariamente para evitar que o problema permaneça.

Aplicação de Estrogênio

A aplicação de estrogênio pode ser feita através de pílulas, cremes ou até mesmo injeções. É claro que esse tipo de aplicação deve ser feito com baixa dosagem e apenas depois de uma conversa com seu médico para saber se isso é realmente necessário ou se existe outras opções a serem consideradas antes.

A aplicação desse hormônio acaba ajudando na lubrificação natural da vagina, já que funciona como uma forma de reposição hormonal. Quando uma mulher faz todos os exames e segue corretamente as recomendações médicas, essas aplicações costumam ter um bom resultado.

Mudança de Hábitos

Também existem formas naturais de combater o ressecamento vaginal. Mudar certos hábitos em sua vida pode fazer com que a produção de estrogênio aumente, ajudando na sua lubrificação natural.

Fazer uma dieta com base em vitamina E pode ajudar bastante. Outras coisas que também costumam ser benéficas são a prática de exercícios físicos, fazer sua higiene íntima apenas com produtos à base de água e usar apenas calcinhas de algodão.

É claro que a mudança de hábitos sozinha não vai te ajudar para sempre com esse problema, mas tomar certas atitudes pode fazer com que você só precise buscar outras alternativas após alguns anos.

Tratamento com Laser

A terapia com laser é uma técnica relativamente nova, que pode ser bastante benéfica, mas que tem gerado medo, principalmente nas mulheres que não conhecem esse tipo de tratamento e não sabem exatamente o que é verdade ou não.

A técnica realmente funciona e pode ajudar não só com o ressecamento, mas também com o controle da incontinência urinária e a flacidez vaginal. O ponto negativo é que esse tipo de processo ainda é muito caro, ou seja, pouco acessível.

mulher deitada

Cuidado com os Tratamentos Caseiros

Deve-se tomar cuidado com o tipo de tratamento que uma mulher faz por conta própria para melhorar a hidratação vaginal na menopausa. Utilizar qualquer produto sem prescrição médica e agir por conta própria, pode fazer com que a vagina fique irritada, o que não só acaba piorando o problema, como também causando outros problemas.

Por isso, o mais recomendado é sempre que a mulher converse com seu ginecologista, porque é ele quem irá indicar qual é o melhor tipo de tratamento para o seu caso, evitando que você desenvolva outros problemas e, principalmente, resolvendo a questão da hidratação vaginal na menopausa.

Uma mulher que está passando pela menopausa já passou por muitas transformações em sua vida e provavelmente já está acostumada com certas situações. Porém, cada nova transformação exige também uma nova adaptação, o que significa que esse pode ser um período repleto de dúvidas e confuso para muitas mulheres.

Por essa razão, é sempre importante a mulher se manter informada para entender o que está acontecendo com seu corpo e como lidar com esse tipo de situação.

Veja Também: Inhame para Climatério
Foto: silviarita