Logo que o bebê nasce ele recebe uma nota pelo seu estado físico. Essa nota é importante para saber se tem algum problema a ser investigado e a necessidade de algum tratamento com oxigênio ou outro procedimento que precise ser feito. A nota é chamada de índice de apgar e se dá em 2 fases após o nascimento do bebê, no primeiro minuto e no quinto minuto de vida do bebê.

Quando é feito

O índice de apgar é feito logo após o nascimento pelo pediatra na sala de parto mesmo. Sabe aqueles instantes que ele fica a sós ou mesmo avaliando o bebê junto à mãe em partos humanizados? Ali é possível saber se há algo errado, principalmente sobre a respiração do bebê, aliás, o índice de apgar verifica exatamente a atividade respiratória do bebê, mas no exame de índice de apgar também são avaliados:

O que é Avaliado no Apgar do Bebê

  • Coloração da pele
  • Forma de respiração
  • Os reflexos do bebê
  • A musculatura
  • Frequência cardíaca

As notas de cada tópico de avaliação valem de 0 a 2, e são somadas assim dando os valores que normalmente vemos os bebês avaliados pelo índice de apgar ganharem então, notas como 10/10 9/10 ou 7/8 são referentes à soma desses requisitos avaliados a primeira nota se dá no primeiro minuto e a segunda nota no quinto minuto de vida do bebê.

Vídeo Sobre Apgar

O médico pediatra assim que pega o bebê para limpar começa a avaliação do índice de apgar então ele testa os reflexos do bebê, se o bebê tem medo de cair e fica tentando segurar levantando as mãozinhas, teste de irritabilidade ao toque também é um aspecto. Se ao toque na barriga ele contrai ou responde com choro, ou se irrita com a sucção dos líquidos, a famosa aspiração do bebê, está tudo ok e pode levar uma nota mais alta no caso, 2.

Na verdade o teste de apgar também investiga a asfixia do bebê, a respiração é avaliada através do estetoscópio e influencia em outro aspecto, a coloração da pele. Se o bebê está bem oxigenado, tem a pele rosada, se mal oxigenado tem a pele arroxeada precisa de ajuda de oxigênio naquele momento.

A asfixia pode ser avaliada entre leve, moderada e grave que são os casos que recebem de 0 a 1. Embora assuste, o teste de apgar costuma ter efeito apenas naquele momento do nascimento e em nada interfere futuramente a não ser que o bebê tenha notas baixas entre 5 e 0.

Grávida 4 anos depois do 1°!
"Lutei quase 4 anos para engravidar de novo! Saiba o que mudou a minha história." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida 4 anos depois do 1°!
"Lutei quase 4 anos para engravidar de novo! Saiba o que mudou a minha história." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!

Notas de teste de apgar

As notas finais, ou seja, a soma no teste de apgar normalmente são as mais levadas em conta. Elas podem mostrar que:

Apgar entre 8 e 10> O bebê respira sozinho e tem boa condição física
Apgar entre 7 e 5> O bebê precisa de ajuda para respirar, seja apenas com massagem e oxigênio
Apgar entre 5 e 0> O bebê precisa de maiores cuidados médicos e supervisão constante

Normalmente a primeira nota logo após o nascimento do bebê é a mais baixa, o quinto minuto tende a ser melhor e você pode ficar sabendo sobre a nota do índice de apgar do seu bebê mesmo antes de sair da sala de parto. O médico pediatra certamente irá informar a mãe sobre as notas do bebê e da necessidade de algum tipo de auxilio ao recém-nascido.

Tipo de Parto e Nota de Apgar

Na maternidade o que pouco se comenta com a mamãe é que a nota do apgar também tem haver com o tipo de parto que a mãe tem. Se for um parto com analgesia, anestesia, por exemplo, o bebê tende a nascer mais molinho, mais preguiçoso. Embora os medicamentos sejam absolutamente seguros para a finalidade parto, esse aspecto é muito importante pois cabe ao anestesista, a aplicação correta para um bom apgar do bebê.

Nota da Blogueira

Meus filhos tiveram apgar diferenciados, no parto da Joana em que houve alguns problemas respiratórios, o índice de apgar dela foi 6 no primeiro minuto e 9 no quinto. Ainda sim ela ficou internada por intercorrências respiratórias.

No parto do Dudu foi mais tranquilo, porém ele nasceu preguiçoso devido a alta quantidade de anestésico que recebi na sala de parto, o apgar dele foi 8/9.  Com a Melissa o apgar dela foi o melhor dos 3, ela ganhou 10/10 e chorava que esgoelava!

A Joana me assustou e muito, pois o choro dela foi fraco e ela ficou internada por 10 dias com problemas respiratórios, porém hoje é uma moça linda e saudável. Então não se assuste tanto com apgar abaixo de 10, 8 ou 9 são notas ótimas também, para as demais os médicos saberão como agir na hora do nascimento.

Veja também: Tipos de Parto Diferentes e Interessantes

Foto: Felipe Katsumata

_

Caixa de Informações Chave:

  1. Logo que o bebê nasce ele recebe uma nota pelo seu estado físico. Essa nota é importante para saber se tem algum problema a ser investigado e a necessidade de algum tratamento.
  2. O índice de apgar é feito logo após o nascimento pelo pediatra na sala de parto mesmo.
  3. O médico pediatra assim que pega o bebê para limpar começa a avaliação do índice de apgar então ele testa os reflexos do bebê, se o bebê tem medo de cair e fica tentando segurar levantando as mãozinhas.
  4. Na maternidade o que pouco se comenta com a mamãe é que a nota do apgar também tem haver com o tipo de parto que a mãe tem.