Menopausa precoce! Esse termo pode assustar muitas mulheres e ainda mais aquelas que não tiveram filhos ainda. A menopausa precoce nada mais é do que os ovários da mulher deixarem de produzir hormônios suficientes para induzir a ovulação, ou seja, a mulher pára de ovular por completo. Normalmente os casos de menopausa precoce podem acontecer por volta dos 32 anos ou mais, porém não é incomum ter relatos de mulheres jovens, com 20 e poucos anos com esse pequeno problema.

O estrogênio é o hormônio principal responsável pela ovulação e quando o ovário passa a produzir quantidades bem menores do que o necessário, a função ovariana passa a ser prejudicada dando início a ciclos imensos ovulatórios mesmo sem nenhum problema aparente. Sim! A menopausa precoce está diretamente ligada aos hormônios, porém não se desespere se você teve um diagnóstico de menopausa precoce, a maioria dos casos tem reversão com tratamento ideal receitado por um especialista.

Quais são os Sintomas da Menopausa Precoce? Como Tratar?

Os sintomas da menopausa precoce podem ser muito parecidos de mulher para mulher e também são bem parecidos com a menopausa por idade, a mais comum e já na idade ideal do climatério acontecer.

Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! No vídeo conto a história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Assistir agora!
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel solve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel solve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo
  • Fogachos, sudorese e calor em excesso
  • Diminuição da frequência menstrual
  • Secura vaginal
  • Dores de cabeça frequentes
  • Alterações de humor
  • Alteração de peso (quase sempre para mais)

Alterações da pele e cabelos também é uma característica muito comum. Tudo isso devido a alteração hormonal. Se o corpo deixa de produzir as quantidades necessárias de estrogênio, todo o metabolismo pode ficar comprometido hormonalmente falando, então todas as partes do corpo que se beneficiam do estrogênio podem sair perdendo inclusive a vagina que pode perder a umidade quase que por completo. Consequentemente a libido também é afetada pela falta hormonal. Algumas mulheres perdem completamente o desejo sexual nessa fase da menopausa precoce.

A menopausa precoce pode ser causada por diversos motivos, sejam eles genéticos, hormonais ou mesmo por quimioterapia. A mais comum das versões de menopausa precoce é quando a mulher tem um distúrbio hormonal severo que se não tratado pode evoluir para a menopausa precoce. Além disso, a falta da menstruação não deve ser encarada como um alivio a não ser que a mulher tome medicamentos para cortar o fluxo menstrual, toda e qualquer falta de menstruação por mais de 3 ciclos deve sim ser investigada pelo médico.

Mulheres que tem dois ou mais desses sintomas acima aliados à falta da menstruação por até mesmo mais de um ano, são sérias candidatas a terem menopausa precoce. Para diagnosticar, o médico irá pedir exames hormonais, feitos através do sangue da paciente e também exame de ultrassonografia para avaliar de perto os ovários. Casos mais sérios podem apresentar uma atrofia ovariana e nesses casos reversão é mais complicada, mas possível por meio de reposição hormonal e também cirurgicamente.

O tratamento para menopausa precoce é relativamente simples, exige paciência e muita disciplina para fazer a reposição hormonal, já que alguns sintomas podem ser desagradáveis inicialmente. Porém com a evolução do tratamento para menopausa precoce, os benefícios se tornam claros, tudo melhora inclusive a libido. A reposição hormonal é fundamental em casos de menopausa precoce, pois se não tratada podem ocasionar muitos mais problemas como osteoporose e até problemas cardíacos. Normalmente mulheres que passam pela menopausa precoce podem sim engravidar porém a gravidez pode ter chances de acontecer somente com uma doação de óvulos, ou seja, uma ovodoação. Por isso procurar ajuda se você começar a notar que sente calor demais e também se tem ausência de menstruação procure o ginecologista de confiança para uma avaliação física e investigar a possibilidade de estar passando por uma menopausa precoce.

Até a próxima!

Veja também: Não consigo engravidar! Como Descobrir a Causa

Foto: Hey Paul Studios