O período fértil é um dos momentos mais importantes para casais que desejam engravidar. Ao contrário do homem que é fértil o tempo todo, 24 horas por dia e 365 dias por ano, a mulher tem seu momento fértil apenas uma vez a cada ciclo menstrual. Por isso, as mudanças da vagina são tão importantes, quanto mais sinais de fertilidade, mais facilmente ela conseguirá engravidar.

É importante que a mulher consiga perceber as mudanças para conceber ou mesmo evitar a gravidez indesejada. Vamos conhecer as possíveis mudanças da vagina durante o período fértil?

A Vagina Fora do Período Fértil

Quando a menstruação vem, a vagina ficará úmida do sangue menstrual, pode se tornar inchada, mas acima de tudo, uma irrigação sanguínea bastante significativa na região. Assim que a menstruação vai acabando, a vagina fica mais seca, é como se toda a umidade que antes tinha durante a menstruação fosse embora repentinamente de uma hora para outra.

Muitas mulheres percebem essa mudança no aspecto da vagina através da relação sexual. A penetração fica mais difícil, mesmo com lubrificação, a mulher se sente seca e as vezes, até mesmo sente alguma diferença na profundidade da penetração, o incômodo começa mesmo sem que ela seja total.

É como se a vagina ficasse rasa, uma explicação grosseira mas bem perto do que realmente acontece. Esse evento é possível devido à mobilidade do útero, que se torna mais baixo após a menstruação.

Não é uma regra, mas acontece bastante com diversas mulheres. O muco cervical do pós menstruação é comum que seja esbranquiçado, um aspecto de creme hidratante ou massa branca. Esse creme é formado por progesterona, o hormônio que toma conta do período pós menstruação.

Como é Após o Período Fértil?

Assim que o período fértil termina, a vagina pode ficar mais inchada assim como na menstruação, porém bem menos devido à menor circulação sanguínea, e é bastante possível que o muco creme hidratante citado acima, fique muito mais abundante e intenso.

O volume do muco hidratante fica muito acima do normal do pós menstruação, isso porque, se a mulher ovula, tem um estímulo a mais, o corpo lúteo.

A Vagina no Período Fértil

O período fértil é um marco no ciclo da mulher, isso porque ele proporciona tantas mudanças quanto na gravidez, você sabia? É realmente uma questão de percepção com o passar do tempo. Observar o seu corpo é imprescindível para conseguir identificar essas mudanças, por mais que elas sejam bastante evidentes para alguns organismos.

Existe um método eficaz chamado Billings, esse consiste em observar a secreção vaginal, ou seja, observar o seu ciclo por completo e não somente por um determinado período como o fértil por exemplo.

Voltando ao assunto da vagina no período fértil, ela se tornará mais úmida e inchada. A mulher pode ter um grande estímulo sexual e evidente pelo tamanho que o clitóris ficará. A excitação nesta fase se torna muito mais fácil, e certamente a mulher sentirá isso, uma mudança bastante significativa da libido, é o instinto hormonal e reprodutor falando mais alto!

O muco da fase fértil é muito mais elástico e úmido. Ao contrário do período pós ovulação, a mulher mesmo não vendo o muco, sentirá que há maior umidade na região. Além disso, algumas mulheres conseguem verificar o muco clara de ovo alguns dias antes do dia mais fértil.

O dia mais fértil da mulher é aquele em que o muco se torna mais maleável, ou seja, quando capturado e pressionado em dois dedos, acompanha o distanciamento dos dedos com bastante facilidade. Não se quebrará facilmente! Quando esse muco for visualizado, e você desejar engravidar, é hora de namorar!

Formas de Sentir as Mudanças da Vagina no Período Fértil

Algumas mulheres têm uma mudança visual na vagina durante o período fértil. Ela se torna mais avermelhada e algumas vezes mais escura devido à circulação sanguínea. Ao se tocar, a mulher sentirá a mudança dos grandes e pequenos lábios, também é possível que veja com um espelho de mão, e colocar entre as pernas mirando na região íntima.

Ha mulheres que tem por hábito fazer o autoexame de toque, e este permite além de sentir a vagina por fora, perceber as mudanças internas, como o colo do útero que se abre no período fértil. Durante todo o ciclo, com exceção da menstruação, o colo fica fechado, seu orifício central se torna mais enrugado, e no período de ovulação o mesmo orifício fica mais aberto e liso.

Este método é um truque muito legal, porém deve ser feito com extremo cuidado. De preferência de luvas ou com as unhas bem aparadas para não correr o risco de arranhar o colo do útero ou parte interna da vagina e provocar uma infecção.

Veja também: As Mudanças da Vagina na Gravidez

Foto: Arquivo Pessoal, Aykin