Um tabu comportamental dentro das casas é a nudez em família que pode ser algo constrangedor ou natural, tudo depende de como a família lida com a situação. A nudez em família nada mais é do que o os pais não se incomodarem com a presença dos filhos na hora de tomar banho ou mesmo de trocar de roupa, mas ainda é um assunto a ser discutido em algumas famílias que preferem não se expor dessa forma para as crianças.

Nudez em Familia, Sim ou Nao Como Lidar 1Assim que o bebê nasce, não é nada demais trocar a fralda em um ambiente público, ou mesmo os familiares podem ficar em volta para ver o tamanho dos documentos do novo bebê que acaba de chegar, seja menino ou menina. Algumas famílias podem manter com maior tranquilidade até 2, 3 anos, mas a partir do momento em que a criança está maior, a nudez pode ficar incomoda para os pais, já que para a criança não há maldade alguma. A conotação sexual não existe até certa fase da criança, por volta dos 7, 8 anos ela pode começar a ter noções do seu corpo e passar a ter vergonha de ficar nua perto do sexo oposto, ou mesmo no caso das meninas, nuas na frente do pai ou irmão e meninos na frente da mãe ou avós. Todo comportamento envergonhado nessa idade é natural, com a mudança do corpo pode aparecer uma certa vergonha e até mesmo uma insegurança com o corpo em transformação. A atitude de nudez em família ou não também é um reflexo da educação e exemplos que tivemos desde pequenos, em algumas famílias mais reservadas por exemplo, irão claro, ensinar a forma mais reservada da coisa. Já em outras a nudez pode acontecer mesmo depois dos filhos adolescentes e não só os pais, filhos também. Mas até que ponto deve ser liberada a nudez em família?

Aqui em casa tentamos levar a nudez naturalmente, embora o pai não se sinta a vontade de ficar nu na frente dos filhos por questão de educação que recebeu, a nudez da mãe é algo tão natural e habitual… qual mãe não se pegou no banheiro tomando banho junto com seus filhos, ou mesmo na hora do xixi, uma bela plateia para assistir e conversar, bater papo nesse momento intimo? Aqui sempre! Me lembro desde que era pequena, sempre ia tomar banho com a minha mãe e achava o máximo! Era o extremo do carinho materno naquele momento, me sentia mesmo intima dela e não via maldade em nada, me sentia segura. Tento hoje passar essa segurança para as crianças e acho que dá certo, acabou se tornando algo natural e sem maldade alguma… O que é piupiu, o que é perereca ou pepeca, ou seja o nome que vocês dão em casa para os pequenos órgãos genitais, não serão de tanta curiosidade para crianças que convivem com a nudez em família, e há pais que preferem assim. Explicar a diferença desde bem pequenos pode deixar pais mais tranquilos quando a pergunta temida chegar. “o que é sexo?’ claro, que pais podem ficar mais constrangidos do que as mães, mas tudo como disse, depende de cada família de cada indivíduo e a forma com que lida com essa questão.

Bom, conforme as crianças foram crescendo percebi que o limite de preservar a privacidade começou a chegar, a nudez em família não é mais tão natural como antes. A mais velha tem vergonha e se fecha para trocar de roupa. Isso desde que começaram as mudanças hormonais, e do corpo. Já o menino é escrachado, troca de roupa na sala, na frente de todos que estiverem presente, claro, pessoas de casa assim como pai, mãe, irmãs, avós, tias… Banheiro de porta aberta com ele não é novidade! Já com a menina… tudo mudou, mas por vontade dela própria, naturalmente e sem pressão de “feche essa porta!” foi a evolução natural da coisa. Culturalmente falando, o assunto é bem complexo pois, pessoas de um tempo em que a educação era mais complexa em que a nudez mesmo em casa era censurada, não se sentem a vontade com esse assunto nem tão pouco com a situação nudez em família, mas mesmo na TV se vê tão naturalmente índios nus desde sempre… controverso? sim e muito! A questão é profunda, há famílias e famílias, e a nudez pode não ser uma questão negociável em algumas delas. Como lidar então com essa questão dentro e fora de casa, na escola por exemplo? A psicóloga, Natália Melleiro fala mais sobre o assunto respondendo perguntas feitas a ela.

Trocando Fraldas: Existe algum dano no desenvolvimento da criança q convive com a nudez dos pais, na hora do banho ou troca de roupa?

Natália: Eu acredito que não. Se isso for algo normal para a família, a criança vai enxergar a nudez com naturalidade. O “problema” são os outros, né? A convivência dessa criança na sociedade, na escolinha, com os amiguinhos… como as famílias das crianças que não têm esse costume lidarão com uma família assim? O Quê tudo isso pode implicar? Acredito que se a criança tiver curiosidade, os pais devem explicar tudo da maneira mais natural e ‘fisiológica’ possível, sem a conotação sexual da coisa…

Trocando Fraldas: Os pais devem deixar claro para a criança que nudez é natural apenas dentro de casa?

Natália: Sim! Importante! Deixar claro pra criança que tem gente que não gosta de falar disso, que tem amiguinhos que não tem a mesma curiosidade, então, que se ela tiver alguma dúvida, pra vir perguntar para o papai ou pra mamãe.

Muitas pessoas podem achar um absurdo a nudez dos pais em frente aos filhos, mas para outras pessoas é tão natural como escovar os dentes em frente dos filhos, a questão sexual da coisa fica bem distante quando se trata de pais e filhos, porém pais que não se sentem a vontade, não há nada de mal em se preservar ou mesmo preservar a criança ensinando desde cedo a fechar as portas e se trocar sozinho. Também nem considerar feio quem leva naturalmente a situação da nudez dentro de casa, na segurança e conforto do seu lar, o importante é levar a vida bem e feliz. Por isso quero abrir esse espaço, como é a relação de nudez em família ai na sua casa? como lidam com essa questão? Deixem nos comentários.

Até a próxima!

Veja Também: Cama Compartilhada – Como Será Ter Essa Experiência?

Foto: Claudio Olivares Medina