nadiaConhece Nádia Corsi? Não? Então não sabe o que está perdendo! Simpatia, carisma, amorosidade, parceria… Tudo isso a Nádia ou simplesmente Nah (para amigas tentantes) irradia! Seus vídeos trazem força para quem está na vida de tentante e com certeza, você irá se apaixonar por essa pessoa maravilhosa! Bem vinda e obrigada Nah!

Trocando Fraldas: Fala um pouco mais de você…

Nádia: Sou YouTube e o momento atual da minha vida é a luta para realizar o sonho de ser Mãe. Estou com 27 anos. Sou formada em Educação Física, mas no momento estou trabalhando com organização e casamentos e me dedicando mais a minha casa. Meu marido Leandro tem 31 anos e é Coordenador de Projetos de TI.

Trocando Fraldas: Como surgiu a vontade de ter um canal no Youtube?

Nádia: Comecei “assim como quem não quer nada” contando sobre minha experiência nas tentativas para engravidar, abortos que sofri… com o tempo comecei a gravar vídeos explicativos em busca de ajudar outras mulheres que estão nessa fase também, hoje gravo assuntos variados e amo o que faço.

Trocando Fraldas: Como o casal se conheceu?

Nádia: Nós trabalhávamos em empresas privadas em um prédio público, o Leandro sempre me via de onde ele ficava, mas eu nunca o havia visto. Até que um dia através de um amigo em comum (que trabalhava lá também) fomos apresentados (detalhe eu tinha 14 anos e o Lê 18)… e o Leandro me chamou pra sair… Dei bolo nele nesse dia rsrs. Mas ele persistiu e me convidou novamente, saímos e ficamos juntos, foi d+.

Trocando Fraldas: Você sempre quis ter filhos? Como foi que se viu tentante pela primeira vez?

Nádia: Sempre, digo que essa sempre foi a meta da minha vida, eu e o Leandro sempre tivemos um acordo: Seríamos Pais Juntos. Me vi tentante quando estava com 2 anos de casada, acordei um dia e me senti pronta, falei com o Leandro que já estava falando a um tempo sobre o assunto e partimos para a Luta.

Trocando Fraldas: Tem alguma história engraçada ou triste de parentes e amigos cobrando filhos do casal?

Nádia: Olha quase ninguém nos cobra, porque a maioria das pessoas sabem que queremos porém já perdi 3 bebês e não tem sido fácil, mas tem sim histórias engraçadas; Quando alguém comenta sobre nossos futuros filhos nós sempre brincamos e falamos pra pessoa: Oh senta que vai demorar porque está difícil (é melhor rir para não chorar).

Trocando Fraldas: O que você acha mais difícil na vida de tentante?

Nádia: As privações, sempre falo isso, porque quando estamos tentando engravidar após a ovulação que eu tenho a possibilidade de estar grávida, já começo agir como uma, cheia de cuidados, com medo de perder. Fora que deixamos as vezes de fazer algum investimento financeiro ou uma viagem mais ousada com medo de eu estar grávida na época e tal… Acho isso um porre!

Trocando Fraldas: O que você mais gosta desta vida de tentativas?

Nádia: O sentido que isso me dá a vida, de que estou tentando algo, que estou lutando e a expectativa por uma boa notícia.

Trocando Fraldas: Você acha que será uma mamãe ciumenta? Como acha que vai lidar com os cuidados do bebê nos primeiros meses?

Nádia: Com certeza serei possessiva. Creio que bem, acho que levo jeito pra coisa, já tive várias experiências com outros bebês, inclusive bem de perto com meu irmãozinho, mas claro sei que terei limitações também porque toda mãe tem.nadia corsi logo

Trocando Fraldas: Como você acha que é a vida de uma mamãe e o que mudará na vida do casal?

Nádia: Acho que é uma vida de superação, quando a mulher se torna mãe ela faz coisas que jamais esperaria fazer na sua vida, se torna até mais forte sabe. Na vida do casal com certeza por um lado haverá um afastamento pois principalmente a mãe no começo precisa se doar muito (e tempo e atenção nem sobra para ela mesma, quanto mais para o marido) e por outro lado um vínculo maravilhoso e eterno é um filho “metadinha de cada um”.

Trocando Fraldas:Teve algum momento em que pensou em desistir de engravidar? Como deu a volta por cima?

Nádia: Sim, por causa das perdas fiquei pensando que não era o que Deus queria para mim, tenho muito medo de teimar com Deus, mas Ele me deu sinais que um dia serei mãe sim. Agora é esperar!

Trocando Fraldas: Como espera que será o seu positivo?

Nádia: Totalmente planejado, não posso ter o prazer da surpresa como muitas mulheres porque preciso engravidar com acompanhamento médico. Mas imagino que será uma vitória MUITO grande pra nós, uma sensação de alívio que poderemos descansar e curtir, o Leandro tem lutado bravamente comigo.

Trocando Fraldas: Uma mensagem para todas as meninas que querem engravidar.

Nádia: Desculpe se for repetitiva, mas direi o que sempre tenho falado nos meus últimos vídeos:
“A vontade de Deus é boa, perfeita e agradável”.

Visite o Canal da Nádia no Youtube

Veja também: O Que Sente Uma Tentante de Fé – Canal da Rafa