O crescimento e o desenvolvimento das crianças são faturais naturais, mas que acaba gerando muitas dúvidas nos pais por conta de algumas fases. Algumas vezes acabamos esbarrando em pequenos problemas como o odor nas axilas infantil, que pode parecer algo inofensivo e de pouca importância, mas que é bom que seja cuidado para não gerar problemas maiores no futuro.

Quando uma criança vai chegando mais perto da puberdade, é normal que alguns sinais comecem a aparecer antes, afinal esse tipo de fase não começa ou termina da noite para o dia, mas acontece em mudanças graduais. Um desses sinais pode ser o desenvolvimento das glândulas sudoríparas, que produz o suor e causam o mau cheiro tanto nas axilas quanto em outras partes do corpo. Dito isto, é importante também ressaltar que o odor nas axilas infantil não é algo normal, uma vez que essas glândulas ainda não estão bem desenvolvidas.

Por isso é necessário prestar atenção e verificar se não há algum problema com a criança para estar desenvolvendo o suor de maneira tão precoce e procurar um especialista para oferecer o tratamento adequado.

Causas do Odor nas Axilas Infantil

Existem diversos fatores que podem colaborar para que o mau cheio ainda nas crianças ocorra. Ainda que esses fatores possam variar e ter soluções muito simples ou mais complexas, não se pode dar um diagnóstico se o seu filho tem ou não algum distúrbio ou doença que está causando esse odor.

Para isso é necessária uma visita ao médico. Alguns dos principais fatores causadores do odor nas axilas infantil são:

  • Alimentos;
  • Hormônios;
  • Diabetes;
  • Bactérias;
  • Hiperidrose

Vamos falar mais profundamente sobre como cada um desses fatores pode causar o mau cheio em crianças.

Alimentos

O odor nas axilas de uma criança pode surgir a partir da ingestão em grande quantidade de certos alimentos como alho e cebola, por exemplo, que produzem uma grande quantidade de suor, mesmo em quem as glândulas sudoríparas ainda não estejam tão desenvolvidas. Alguns alimentos que contém hormônios, como carnes, também podem influenciar no odor nas axilas infantil.

Hormônios

Como falamos no início do texto, eles são os principais responsáveis pelas alterações em nossos corpos e na transição da infância para a fase adulta. Uma alteração nos hormônios pode fazer com que uma criança produza odor nas axilas muito mais do que o normal.

Se a criança for muito nova, isso pode ser um sinal de puberdade precoce e um médico deve ser procurado para que o tratamento adequado seja feito.

Diabetes

Crianças que possuem diabetes têm a tendência de possuir um odor nas axilas mais forte do que as outras. Isso acontece porque o corpo da criança muitas vezes não é capaz de digerir tão bem carboidratos e transformá-los em gordura no corpo, o que acaba resultando na cetona, o que acaba gerando um cheio diferente no suor da criança.

Apesar do cheiro em si não ser um problema, é importante que a diabetes seja bem tratada para que a criança não desenvolva outros problemas e tenha uma vida saudável.

Bactérias

O suor muitas vezes acaba produzindo um mau cheiro quando entra em contato com bactérias que estão presentes em nosso corpo. Isso significa que, mesmo em crianças, esse mau cheiro pode aparecer, dependendo do nível de higiene que a criança tiver.

Na prática, isso significa que, quanto mais suja a criança estiver, mais forte será o seu odor de suor nas axilas. A boa notícia é que, com uma higiene adequada, esse tipo de problema é facilmente resolvido.

Hiperidrose

A hiperidrose acontece quando as glândulas sudoríparas são hiperativas, ou seja, trabalham muito mais do que o normal e, consequentemente, acabam gerando mais suor. Apesar de ser mais raro, isso também acontece com crianças e pode ser a causa do odor nas axilas infantil.

Como não existe uma causa exata conhecida para que a hiperidrose ocorra (apesar de se ter o conhecimento que ela ocorre em momentos de tensão, nervosismo e ansiedade), não há como fazer nenhum tipo de tratamento.

Aproveitando o espaço, quero aproveitar e contar uma novidade para nossas leitoras mamães e que pretendem ter outro bebê futuramente ou até mesmo tem algum casal amigo que estejam tentando engravidar. Em parceria com a empresa Famivita, desenvolvemos uma linha de produtos especializados na fertilidade feminina e masculina, entre eles vitaminas da fertilidade de homens e mulheres, teste de gravidez, teste de ovulação, kits tentantes e o gel lubrificante amigo da fertilidade FamiGel que faz papel do muco fértil, melhorando o prazer e facilitando os espermatozoides a chegarem até o óvulo. Você pode adquiri-lo aqui em nossa loja virtual.

Como Evitar o Odor nas Axilas Infantil?

Existem algumas formas de evitar o mau cheio em seu filho que são eficientes e que não agridem o corpo da criança. Algumas delas são:

  • Uso de Roupas de Algodão;
  • Uso de Desodorantes;
  • Uso de Bicarbonato.

Uso de Roupas de Algodão

Esse tipo de roupa faz com que a transpiração da pele ocorra de maneira natural e que nenhum tipo de suor fique retido, ao contrário de algumas roupas de tecido sintético. Isso ajuda para que o mau cheiro não ocorra nas crianças.

Uso de Desodorantes

Existem alguns tipos de desodorantes específicos para crianças que podem ajudar a evitar o mau cheio, principalmente naquelas que, por algum motivo, produzem mais suor do que o normal. Evite desodorantes feitos para adultos, pois podem agredir a pele da criança, criando outro problema ao invés de resolver o primeiro.

Uso de Bicarbonato

Outra alternativa que pode ser interessante para evitar o odor nas axilas infantil é o uso de bicarbonato direto no local. Ele vai reter o suor e pode impedir que cause o mau cheiro.

Como Acabar com o Odor nas Axilas Infantil?

Para as crianças que possuem esse problema regularmente, é importante que se consulte um médico para verificar se não há nenhum tipo de distúrbio hormonal ou alguma doença, como a hiperidrose que já citamos. Mas existem algumas atitudes que os pais podem ter para que o mau cheiro não apareça, mesmo se a criança apresentar algum problema.
Manter o filho com a higiene em dia e prestar atenção em como ele se suja é algo que pode ajudar muito em situações do tipo. Prestar atenção em todos os produtos que a criança está usando também é necessário, como roupas, sabonetes, possíveis cremes e desodorantes.

O odor nas axilas infantil é algo que não acontece com poucas pessoas, mas também não podemos dizer que é algo normal e que deve ser deixado de lado. É importante prestar atenção para possíveis problemas que possam estar surgindo, como hormonais, por exemplo.

Também deve-se prestar atenção para não deixar seu filho sair de casa com mau cheiro, pois isso pode ser prejudicial para a criança em diversos aspectos. Por isso, apesar de ser um problema não muito grave como uma doença, o odor nas axilas infantil precisa ser levado a sério e tratado da melhor maneira possível para que seja resolvido com eficiência.

Veja Também: Enxaqueca Infantil – E Agora?
Foto: jp26jp