A relação sexual é além de reprodução, é prazer! Pois saiba que este ápice de prazer também chamado de orgasmo pode te ajudar a engravidar. Um estudo recente feito na Inglaterra por dois biólogos, levantou a questão. Se o orgasmo feminino acontecer em até 45 minutos após a ejaculação masculina dentro da vagina, as chances de gravidez aumentam e muito!

Robin Baker e Mark Bellis disseram que uma relação orgásmica resulta mais facilmente em uma gravidez do que uma não orgásmica. Esse acontecimento é afirmado com base nas contrações musculares que o útero é capaz de ter durante o clímax sexual, seja clitoriano ou não. Esse “fenômeno” acontece devido a pressão e o vácuo que se cria entre os órgãos sexuais e a sucção que as contrações uterinas durante o orgasmo proporcionam. O efeito durante o orgasmo se assemelha à um aspirador nasal infantil. Quando estimulado, o útero se contrai intensamente e relaxa da mesma forma após o efeito do orgasmo.

Se a mulher tiver ovulando e a vagina com boa quantidade de muco, facilita ainda mais a chegada dos espermatozoides. No caso de mulheres que observam pouco muco existe a opção de utilizar gels lubrificantes amigos da fertilidade, como o FamiGel. Você pode adquiri-lo aqui em nossa loja virtual.

Outra questão levantada pelos pesquisadores britânicos, é a de que a pílula anticoncepcional favorece a concepção para mulheres abaixo de 30 anos de idade. Quando ingerida por alguns anos e assim que parar de tomar a medicação, as chances de concepção se tornam maiores em mulheres mais novas. Já para mulheres acima de 31 anos de idade, não seria tão mais fácil assim.

O organismo pode levar maior tempo para eliminar a medicação ingerida, e a eficácia dos sistema reprodutivo começa a ter um declínio. A pílula normalmente é a base de progesterona ou estrogênio, os quais fazem parte do sistema natural da mulher, mas em mulheres em idade reprodutiva porém acima de 31 anos, pode se virar contra ela. Para mulheres abaixo de 30 anos, é como um start instantâneo no organismo quando para com a pílula anticoncepcional, já para outras a retomada da fertilidade pode ser mais problemática e pode levar até alguns anos.

Das mulheres estudadas, cerca de 50% acima de 31 anos de idade, levou até 72 meses para retomar a fertilidade! Além disso, mulheres de 35 anos em diante, passaram a ter atrasos consideráveis em seus ciclos. Dr. Marilyn ginecologista obstetra disse, que a pílula é uma escolha da mulher, porém se esta quiser engravidar, deve deixar de tomar o anticoncepcional pelo menos 3 meses antes da data desejada para a concepção acontecer e já começar a ingestão de vitaminas do complexo B e ácido fólico para prevenção de possíveis doenças dos gametas e do embrião como espinha bífida por exemplo.

Aproveitando o espaço quero contar uma novidade para nossas leitoras. Em parceria com a empresa Famivita, desenvolvemos alguns produtos que ajudam na fertilidade de homens e mulheres, entre eles vitaminas da fertilidade que potencializa a ovulação FamiFerti e no caso dos homens melhora a qualidade dos espermatozoides, o ViriFerti, assim como o teste de ovulação, teste de gravidez e o gel lubrificante FamiGel. Você pode adquiri-los aqui em nossa loja virtual.

Veja também: Quanto Tempo o Espermatozoide Fica Vivo no Corpo e Fora Dele?

Foto: kainr