Recentemente foi aprovado para o SUS o parto humanizado! e isso é uma grande vitória, foi aprovado dia 25 de setembro o projeto de lei que acolhe que o parto humanizado possa chegar ás maternidades e casas de parto administradas pelo Sistema Único de Saúde.

Antes para ter esse tipo de parto ou a gestante desembolsava quantias enormes, ou mesmo dependia do plano de saúde liberar ou não. Agora público é muito melhor com certeza, cabe as mamães ficarem de olho se todas as leis serão cumpridas ao pé da letra.

Acho que já comentei aqui que todos os meus partos são cesárea. Tive a oportunidade de tentar ter o parto normal na segunda gestação, mas por conta de falta de dilatação foi em vão, infelizmente. Não faço apologia ao parto cesária não, pelo contrário, acho que cada mulher deve escolher a experiência que quer passar e também deve ter a ajuda e boa vontade do médico que a acompanha desde o principio.

Mas afinal de contas que é Parto Humanizado?

Não tem uma regra, uma definição a respeito disso. Parto Humanizado é tudo que seja natural no parto, contato pele com pele, contato imediato da mãe com o bebê, um nascimento mais próximo ao natural possível sem intervenções desnecessárias como corte no períneo por exemplo, alguns médicos usam esse corte de regra nos partos normais e nem sempre é de fato necessário.

A desinformação as vezes chega a ser grande a respeito e muitas mulheres desconhecem a humanização no parto. Ás vezes quando falam de parto humanizado vem à cabeça a imagem de parto domiciliar, parto na água… e porque não um parto humanizado em uma “maternidade” uma casa de parto preparada especialmente para o conforto da mamãe e do bebê?

Por isso a importância da Lei, ela prevê que a gestante que for dar a luz na rede do SUS tem direito a escolha de como e de que forma quer que seu bebê venha ao mundo e o mais importante, respeita a vontade da parturiente…

Minha experiência com parto cesárea foi a mais corriqueira que a gente costuma ver e ouvir relatos por ai. A gente toma anestesia, deita, o médico tira o bebê e imediatamente o levam para os primeiros cuidados.

Quando a mamãe gesta por 9 meses um bebê, ela quer muito, muito pegar logo, beijar, abraçar e acarinhar. O parto humanizado se trata justamente disso, desmistificar o parto padronizado pela medicina atual e dar maiores condições da mamãe ter esse primeiro contato com o seu bebê.

Eu já vi vídeos inclusive de partos cesárea que são humanizados, onde a mamãe vê seu filho saindo de dentro de si e também pode acarinha-lo após o nascimento. A criança fica o tempo todo com a mãe e inclusive no pós operatório.

Encontrei esse artigo da Bebê Abril e gostei bastante do relato da Doula, ela explica bem o que é um parto humanizado e também diz que a presença de um médico é necessária, mas que ele fica ali assistindo e intervém caso seja preciso ou tenha alguma complicação.

Nem todo parto normal é humanizado, mas nem todo parto no hospital é não humanizado, se estiver tudo bem com você e seu bebê por que não?

Veja também: Parto Normal ou Natural

Foto: Clayton, Bruna e Otávio