Ao sinal de um espirro e de uma coriza, pronto!! Já achamos que a gripe bateu na nossa porta e felizmente não é bem assim. Muitas pessoas não sabem distinguir os sintomas e o que esta acontecendo com seu corpo afinal, por isso vamos informa-los sobre a diferença entre gripe e resfriado a fim de proporcionar além da informação a chance de ter cuidados ainda melhores já que a gripe não é algo banal e pode levar crianças, pessoas de mais idade ou pessoas com imunidade mais baixa à morte.

Tanto a gripe como o resfriado são doenças consideradas virais e vão muito além dos sintomas que evidenciam eles. Mesmo seus sintomas sendo bem parecidos, existem grande diferença entre gripe e resfriado inclusive na intensidade que eles surgem. E esta ai a grande diferença entre as duas, a intensidade que os sintomas se apresentam já que no resfriado os sintomas veem de forma leve e se vão com menor durabilidade de tempo.

A gripe é ocasionada pelo vírus conhecido como Influenza e o resfriado pelo vírus Rhonovirus ou outros mais semelhantes.  A gripe tem duração mais longa chegando a ficar de 7 a 10 dias e a pessoa totalmente prostrada, sem condições físicas de fazer suas atividades rotineiras. Já o resfriado costuma ficar presente em media 2 a 4 dias e seus sintomas são mais leves sendo possível a pessoa trabalhar e continuar com sua rotina normalmente.  Outra diferença entre gripe e resfriado é que a gripe normalmente  desencadeia febre alta enquanto o resfriado não apresenta febre ou o paciente fica em estado febril ou seja febre baixa.

Tanto a gripe como o resfriado possuem como sintomas as dores de cabeça, dores musculares e a tosse, mas a gripe por sua vez tem mais força nos sintomas que se apresentam de forma mais acentuada e grave. Por isso os seus cuidados devem ser intensos por oferecer riscos ainda maiores como é o caso de uma pneumonia que mal cuidada pode se agravar e levar a morte. O resfriado por sua vez, tem como maiores consequências uma otite, um quadro de sinusite ou se agravando para uma bronquite.

O tratamento indicado para quadro de gripe é repouso absoluto, ingerir muito líquido e descansar o máximo que puder. Remédios são indicados somente para aliviar os sintomas já que não existe medicamento que possa cortar de vez a doença, então paracetamol é indicado para dor e controle da febre. Para quadros de resfriado, alimentação adequada, vitamina C e medicamentos para alivio do sintoma e paciência, já que os sintomas passam depressa e em poucos dias.

Gravidez e Resfriado na Gravidez – O que Fazer?

Todas sabem que durante a gravidez é necessário triplicar os cuidados e não ingerir qualquer medicamento já que algumas substâncias podem prejudicar o desenvolvimento fetal do bebê. E quando ficam doentes é uma verdadeira tristeza já que são poucos os medicamentos que são liberados para consumo das gestantes para alivio dos sintomas e combate de doenças. Na gripe e no resfriado também não é diferente, já que quando ocorre esse tipo de doença é comum irmos ate uma farmácia e nos entupirmos de diversos medicamentos que oferecem ações milagrosas contra os sintomas tão incômodos, mas na gravidez isso não pode acontecer. Portanto o único tratamento durante esse período contra gripe e resfriados é a ingestão de medicamentos a base de paracetamol para controlar os sinais e a vitamina C, que pode ser ingerida através de sucos e frutas e alimentos no geral.

Grávida 4 anos depois do 1°!
"Lutei quase 4 anos para engravidar de novo! Saiba o que mudou a minha história." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida 4 anos depois do 1°!
"Lutei quase 4 anos para engravidar de novo! Saiba o que mudou a minha história." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!

O sistema imunológico da mulher durante a gravidez fica mais sensível já que esta trabalhando para não rejeitar o feto como invasor do organismo. Por isso é muito normal vermos gestantes sofrendo com quadros gripais e de resfriado, assim como estão mais propensas a outras infecções. Na gestação é recomendada uma alimentação saudável e rica em vitaminas e minerais que manterão o organismo da mulher mais forte para trabalhar nesse período. Se o obstetra achar importante ele poderá recomendar o uso de suplementos vitamínicos para controlar os níveis dessa vitamina na alimentação diária.

A rede publica de Saúde disponibiliza em todos os postos de saúde gratuitamente a vacina que previne a gripe HN1 para grupos de risco como no caso das gestantes. O próprio obstetra indicará a procura do posto mais próximo munida com sua carteira de vacinação para que possa tomar as doses necessárias preventivas.

Veja também: Como Aumentar a Imunidade em Crianças

Foto: Fotos GOVBA, Unilever