Quando uma pessoa possui uma cárie, o único tratamento possível é a restauração dental. Muitos não fazem ideia de como este processo é feito ou porque ele é tão importante para evitar que maiores problemas surjam em nossas bocas. E é exatamente por isso que separamos no texto de hoje para você todas as principais informações sobre a restauração dental, um processo que é relativamente simples, mas muito importante. Quer saber mais sobre o assunto? Leia tudo sobre ele no texto de hoje! Mas antes, você sabe realmente o que é uma cárie?

O que é uma cárie?

Para que possamos entender o que é uma restauração dental, é preciso antes compreender o que faz com que ela seja tão necessária. A carie, um dos principais problemas que surgem em nossos dentes, pode ser definida como o resultado do acúmulo de placas bacterianas em uma determinada região dos dentes. Determinadas bactérias, quando estimuladas por determinados alimentos, como os açucares, fazem com que a destruição do esmalte do dente seja mais fácil, possibilitando que elas invadam os nossos dentes e causem as tão famosas dores.

Apesar de ser algo considerado bastante comum, é também muito simples de evitar que as cáries surjam e que você precise de uma restauração dental. Abordaremos também esse assunto mais adiante no texto.

O que é Restauração Dental?

Agora que você já entendeu melhor o que é uma cárie, é mais fácil de compreender o que é a restauração dental, a única forma conhecida de lidar com esse tipo de problema. Também chamado de restauração dentária, esse processo consiste basicamente em três etapas, que são:

  • Abertura do dente: Nessa fase, a dentista abre seu dente até encontrar onde as bactérias estão acumuladas, ou seja, onde está a cárie.
  • Limpeza: Consiste basicamente em eliminar todo tipo de bactéria e sujeira que possa conter no seu ente.
  • Selamento: Nessa fase, a dentista sela o dente para evitar que qualquer tipo de bactéria retorne a ele. Esse selamento pode ser feito de diversas formas diferentes e, por essa razão, é importante conhecermos melhor os tipos de restauração dental conhecidos.

mulher no dentista

Tipos de Restauração Dental

O objetivo de selar o dente é simplesmente fazer com que bactérias não voltem a se acumular naquele local. Porém, existem muitas formas de fazer isso. Elas variam de preço por diversas questões, desde o preço do material até uma questão mais estética, tendo em vista que essa é também uma questão importante quando falamos em dentes. Os principais tipos de restauração dental são:

  • Restauração de Resina
  • Restauração de Porcelana
  • Restauração Metálica
  • Restauração de Ouro

Vamos falar mais profundamente sobre cada uma delas, bem como seus preços e suas principais características.

Restauração de Resina

Esse é talvez o tipo de restauração mais usado e isso ocorre por diversos motivos. Primeiramente porque se trata de um tipo de material que possui uma consistência muito parecida com a do dente e, portanto, possui um apelo estético mais agradável. Além disso, não é um material muito caro, o que também faz com que seja muito comumente usada. Elas também são o tipo de material que menos afeta nossos dentes por não conter muitos materiais prejudiciais.

O grande problema da restauração de resina é que esse material pode acabar manchando com o passar do tempo por conta dos alimentos com pigmentação que são ingeridos. Elas também não possuem uma vida útil das mais longas, variando entre 3 e 10 anos.

O preço de uma restauração desse tipo varia entre R$ 30,00 e R$ 60,00.

Restauração de Porcelana

As restaurações de porcelanas são consideradas muito mais sofisticadas e também possui uma vida útil muito mais longa. Normalmente são feitas em laboratório a partir de um molde dos dentes feito pelo dentista. Por conta disso, seu preço costuma ser um pouco mais caro, variando entre R$50,00 e R$ 100,00, dependendo do local onde for feita.

Restauração Metálica

As restaurações metálicas, também conhecidas como restaurações de amálgama, costumavam ser muito mais populares antigamente, mas ainda são utilizadas hoje em dia. Trata-se de um material barato, o que explica porque foram sempre populares. Como ponto negativo está justamente a questão estética, já que a aparência metálica não costuma agradar muito as pessoas. O preço desse tipo de restauração varia entre R$30,00 e R$60,00.

Restauração de Ouro

Sem dúvidas o tipo mais sofisticado de restauração existente. As restaurações de ouro, além de possuírem uma vida de mais de 20 anos, também podem se moldar a praticamente qualquer tipo de dente e esse é considerado o melhor material para se trabalhar. Por essa razão, seus preços costumam ser bem mais elevados, variando entre R$ 200 até R$ 500,00, dependendo do local, é claro.

Como evitar ter que fazer uma Restauração Dental?

Algumas das principais atitudes que você deve tomar para evitar as cáries dentárias e, consequentemente, a restauração dental, são:

  • Escovar os dentes várias vezes ao dia, sempre depois de comer, ao acordar e antes de dormir
  • Fazer o uso do fio dental todos os dias
  • Usar exaguantes bucais
  • Evitar comer açúcar em excesso
  • Visitar uma dentista com regularidade, pelo menos uma vez a cada 6 meses

Todas essas são atitudes bastante simples, mas extremamente eficazes para evitar que você tenha problemas com cáries.

É claro que um procedimento como a restauração dental é algo que nenhum de nós quer fazer. Afinal, o ideal é tomar todas as medidas de prevenção para que as cáries não nos atinjam. Porém, como algumas vezes é inevitável que façamos esse tipo de tratamento, é importante entender como ele funciona e também por que ele é tão importante. Dessa maneira, nós não apenas adquirimos mais conhecimento, mas também entendemos melhor como funciona nosso corpo e fazemos com que seja mais difícil que as cáries voltem a nos afetar. E uma boa saúde bucal é também uma boa saúde do nosso corpo no geral.