Embora já tenhamos escutado diversas vezes a palavra Rotavírus ao longo das consultas ao pediatra, principalmente no pronto atendimento não sabemos ao fundo do que se trata, a não ser o que causa nos nossos filhos.

O Rotavírus é um vírus identificado com forma circular, por isso ganhou esse nome. Ele é o principal causador de diarreias nas crianças e ganhou o nome popular de virose. Esse vírus pode atingir tanto crianças como adultos, mas causa maior debilitação em crianças na faixa etária de ate 2 anos de idade, se apresentando de forma mais grave.

O Rotavírus é uma doença altamente contagiosa, e se alastra através do contato direto entre as crianças, na troca de brinquedos, compartilhamento de copos e talheres, objetos pessoais, pela água, pelos alimentos ou no simples fato de estar no mesmo ambiente de outra criança contaminada. Por isso foi elaborado a única forma de evitar em 98% dos casos entre crianças, que é a vacina contra o Rotavírus.

Aonde Receber a Vacina Rotavírus

A vacina Rotavírus é oferecida gratuitamente nos postos de saúde e é dada em gotinha, ela já faz parte do calendário oficial de vacinações e não só protege as crianças evitando a contaminação, como pode aliviar os sintomas mais graves como a diarreia.

Sintomas do Rotavírus

O Rotavírus é uma doença que pode apresentar sintomas sérios como simplesmente não apresentar sinal algum. Quando sintomática, pode ocorrer de forma leve como em um quadro grave que necessitará de cuidados redobrados médicos.

Os principais sintomas do Rotavírus são:

  • Diarreia com cheiro forte
  • Febre
  • Vômitos
  • Desidratação (em caso mais graves)

Sintomas de Quadros mais Graves

Em casos mais graves do Rotavírus, a criança poderá apresentar dificuldade respiratória, dor na garganta acompanhada de tosse seca e coriza. Os sintomas costumam durar de 3 a 8 dias, e vão desaparecendo ao passar dos dias.

Vídeo sobre rotavírus

Como Tratar do Rotavírus

Nos casos mais leves do Rotavírus, a única recomendação medica é a hidratação da criança e a alimentação mais leve e saudável. Sucos, agua e o leite principalmente o materno auxiliam de forma poderosa na recuperação da criança, mas pode ocorrer do pediatra indicar a utilização de soros.

Existem soros com vários sabores que encontramos facilmente nas farmácias e facilitam para as crianças aceitarem e beberem sem maiores esforços ou se achar melhor o soro caseiro pode ser feito facilmente em casa, obviamente as quantidades corretas devem ser seguidas a risca para a preparação.

Quando notado sinais de irritabilidade, muita sede, boca seca, redução da quantidade de urina e ausência de lágrimas na criança, o medico deve ser procurado imediatamente pois são sinais de desidratação e se não cuidado com o máximo de atenção, pode evoluir para um quadro grave e a criança vir a óbito. Nos casos mais graves, a criança deverá ter um acompanhamento hospitalar para melhores cuidados, de forma que receba hidratação intravenosa e venha receber um controle maior do quadro.

Como Evitar a Contaminação

São recomendadas para evitar a contaminação do Rotavírus, a boa higiene, mãos sempre lavadas após troca de fraldas, beber água mineral ou devidamente tratada e oferecer a criança somente alimentos feitos com o máximo de higiene.  Talheres e utensílios de cozinha bem limpos e frutas e legumes bem lavados também é fundamental para se manter uma boa saúde.

Veja também: Vacinação Infantil – Proteção Para a Vida Toda

Foto: Bob Reck, Prefeitura de Olindaf

_

Caixa de Informações Chave:

  1. O Rotavírus é um vírus identificado com forma circular, por isso ganhou esse nome. Ele é o principal causador de diarreias nas crianças e ganhou o nome popular de virose.
  2. O Rotavírus é uma doença altamente contagiosa, e se alastra através do contato direto entre as crianças, na troca de brinquedos, compartilhamento de copos e talheres, objetos pessoais.
  3. A vacina Rotavírus é oferecida gratuitamente nos postos de saúde e é dada em gotinha, ela já faz parte do calendário oficial de vacinações.
  4. Nos casos mais leves do Rotavírus, a única recomendação medica é a hidratação da criança e a alimentação mais leve e saudável.
  5. São recomendadas para evitar a contaminação do Rotavírus, a boa higiene, mãos sempre lavadas após troca de fraldas, beber água mineral ou devidamente tratada.