Dentre as dúvidas que todas a mães têm sobre a chegada dos bebês, algumas das maiores sem dúvidas são sobre a amamentação. Não é para menos, afinal, é a forma que o seu filho irá se alimentar, a forma com que uma conexão única e maravilhosa acontece entre mãe e filho, um momento de carinho e de amor que proporciona uma experiência única na vida de uma mulher.

Com tantas coisas a serem levadas em consideração, é claro que as dúvidas sobre a amamentação são muitas. Mas uma das mais pertinentes e também mais comuns é a pergunta se é normal um dos seios produzir mais leite do que o outro.

Muitas mães que passam podem ficar preocupadas, achar que estão com algum tipo de problema ou até mesmo que estão amamentando de forma errada. Mas será que é isso mesmo?

É Normal ou Não?

Para iniciar, podemos responder logo de cara que sim, é normal um dos seios produzir mais leite do que o outro. Isso pode acontecer por diversos motivos, entre eles é o tipo de produção que cada seio possui.

Nenhum corpo é igual ao outro e cada mulher tem uma produção de leite materno diferente e isso não significa ser melhor ou pior de nenhuma forma. Há também a questão do próprio controle da mulher na hora de amamentar.

Se ela dá muito mais o seio direito para o bebê, por exemplo, esse seio vai acabar produzindo mais leite naturalmente. Por isso, saiba que é normal um dos seios produzir mais leite do que o outro e isso não deve ser motivo de preocupação de forma alguma para uma mãe.

Como Funciona a Produção de Leite Materno?

O hormônio responsável pela produção de leite materno é o prolactina, que é muito produzido pelo corpo da mulher logo depois do parto, em uma região do cérebro chamada de hipófase. A partir da produção desse hormônio, os lóbulos mamários produzem e armazenam o leite.

Ainda há outro hormônio em todo esse processo, o ocitocina, responsável por contrair os lóbulos e liberar esse leite com mais naturalidade. O leite chega até a boca do bebê pelos ductos lactíferos, que formam uma espécie de chuveirinho até o mamilo.

O ocitocina normalmente é produzido durante as mamadas e é por essa razão que enquanto as crianças mamam, as mães continuam produzindo leite.

Como Aumentar o Leite Materno?

Agora que você já entendeu como ocorre a produção de leite materno, vai ser mais fácil entender quais são as melhores atitudes para aumentar o leite materno e porque elas funcionam. Podemos citar como as principais formas de aumentar o leite materno:

  • Beber Água
  • Dormir Bem
  • Observar a Pega
  • Ter uma Boa Alimentação
  • Vestir Roupas Leves

Vamos falar com mais detalhes sobre cada uma dessas formas para explicar com mais precisão como cada uma delas ajuda a aumentar o leite materno.

Beber Água

Manter-se hidratada é uma das formas mais eficazes de aumentar a produção de leite materno naturalmente. O bebê não precisa de água nos seus 6 primeiros meses de vida porque todos os nutrientes necessários para ele estão no leite materno.

Cerca de 87% desse leite é composto por água, então dá para imaginar a importância de manter-se sempre hidratada, não é?

Dormir Bem

Estar descansada e com o sono em dia faz com que o seu corpo trabalhe bem e com que os hormônios da lactação trabalhem sem ter nenhum problema. Em outras palavras, ter boas noites de sono ajudam diretamente na produção de leite materno.

Observar a Pega

Se o bebê não estiver com a pega correta, além de você poder ter problemas como rachaduras nos mamilos, isso também pode prejudicar a produção de leite materno. A boca do bebê deve estar em volta de toda a aureola, fazendo com que ele encha a boca e possa tomar sugar o leite da forma mais correta.

Ter uma Boa Alimentação

Não é nem preciso dizer porque esse item é tão importante. Se é você quem produz todos os nutrientes necessários para que o seu bebê viva durante os primeiros meses de vida, é claro que a sua alimentação deve ser feita corretamente, sem alimentos muito gordurosos e comendo de 3 em 3 horas.

Vestir Roupas Leves

Sutiãs e blusas muito apertados podem acabar inibindo a produção de leite. Além disso, usar roupas mais confortáveis também facilita na hora de dar de mamar. Ou seja, roupas leves vão facilitar sua vida de diversas formas enquanto você estiver amamentando.

Quando Preciso Trocar de Seio?

Não existem regras nem recomendações gerais para que você troque de seio durante a amamentação. Na verdade, você deve encontrar a maneira que mais se encaixa com você e o seu bebê.

Existem relatos de mães que oferecem apenas um seio durante toda uma mamada e só dão o outro na próxima. Outras preferem revezar para equilibrar o tamanho dos dois, já que o tanto que o bebê mama influencia nisso, e também para que um deles não fique com a “sobrecarga” de leite, que pode acabar causando dores e incomodo.

Como já dissemos anteriormente, você deve encontrar a melhor forma para você. Uma forma que não vai te causar dor, que deixe o bebê tranquilo e que torne o momento da amamentação tão especial quanto ele deve ser entre a mãe e o seu bebê.

Apesar de haver muita preocupação, é normal um dos seios produzir mais leite do que o outro. É algo que acontece com muitas mães e que pode incomodar algumas mais do que outras. A verdade é que, apesar de tudo, questão não vai interferir diretamente na amamentação e nem na saúde do bebê, o que é o mais importante.

Por isso não se preocupe, se isso acontecer com você saiba que é bastante normal e existem formas simples e tranquilas de fazer com que esse problema se resolva, caso você esteja muito incomodada. Quando a mãe está tranquila quanto à amamentação, a relação dela com o bebê nesse momento tão especial fica ainda melhor e mais prazerosa.

Veja Também: Emagreça Amamentando e Aprenda a Reeducar A Alimentação no Pós-Parto
Foto: Irene