Para realmente estar grávida é preciso ter muitas náuseas, vômitos, maus estares, incômodos pelo corpo e afins? MENTIRA! Isso é o que todas as mulheres esperam quando pensam na gravidez, mas nem todas passam pelos sintomas da mesma maneira e nem com a mesma intensidade.

Assim como em cada gestação da mesma mãe os sintomas são diferentes, cada mulher e seu organismo também se comportam de formas diferentes. Só que para algumas a falta de sintomas gera dúvidas e preocupações e a pergunta logo vem: Será que minha gravidez esta evoluindo?

Falta de Sintomas de Gravidez

Mulheres, a falta de sintomas no primeiro trimestre não significa que sua gravidez não esta evoluindo bem. Se durante as consultas e principalmente depois de realizar o ultrassom esta tudo dentro da normalidade, não tem porque se preocupar. A não ser que apareçam sintomas que indiquem que algo não esta certo, como é o caso do sangramento.

E mesmo assim não é motivo para pânico, já que podem ocorrer pequenos sangramentos no inicio da gestação. No caso das mulheres que já passaram por abortos, a ansiedade e a preocupação de passar pelo pesadelo de novo acabam sendo inevitável e a falta de sintomas da gravidez pode ser algo enlouquecedor.

Até completar as 20 semanas ou até você começar a sentir o seu bebê mexer, será essa ansiedade e preocupação de como anda a evolução a cada ultrassom. Após começar a senti-lo, ao notar ele mexer dentro de você a sensação de que tudo esta ok é incrível. Antes disso, algumas mulheres partem para opções de aparelhos que permitem escutar o coração de seus bebês mesmo em casa, como é o caso do Angel Sound.  Através desse aparelho é possível escutar o coração do bebê e dar tranquilidade ao saber que esta tudo indo conforme esperado e melhor a hora que desejar.

Aproveitando o espaço, quero contar uma novidade para nossas leitoras mamães e que pensam em ter outro bebê futuramente, ou até mesmo que tenha uma amiga que esteja tentando engravidar. Em parceria com a empresa Famivita, desenvolvemos uma linha de produtos especializados para a saúde e fertilidade. Entre eles temos vitaminas da fertilidade da mulher FamiFerti, vitamina para fertilidade do homem ViriFerti, testes de ovulação e o gel lubrificante amigo da fertilidade FamiGel, que faz o papel do muco, aumentando a mobilidade dos espermatozoides além de aumentar o prazer. Você pode encontrar cada um desses produtos aqui em nossa loja virtual.

Medo do Aborto

Para as mulheres que já passaram por um aborto ou mais de um, é muito natural terem medo da situação se repetir. Porém, mesmo que seja algo triste a dizer a uma mulher que passa por esse momento, o aborto espontâneo ocorre entre 15 a 20% e é apontado como um ocorrido natural, mas é um fato que não costuma se repetir.

Portanto, se passou por um aborto natural não significa que acontecerá novamente, mas se passou por dois abortos seguidos a mulher se enquadra no grupo de aborto de repetição, onde deve ser investigada a causa e após o tratamento é possível engravidar como qualquer outra. Em média 80% dos casos dos abortos espontâneos ocorrem até a 12º semana e os riscos diminuem ao passar de cada semana até completar o primeiro trimestre.

Principais Causas do Aborto Natural e do Aborto de Repetição

Como já citamos acima, as ocorrências de abortos espontâneos são consideradas comuns principalmente na primeira gestação. Porém, alguns fatores aumentam as possibilidades desses ocorridos que normalmente só são descobertos após o acontecimento do aborto. A boa noticia é que praticamente a maioria das causas pode ser tratada e uma nova gestação acompanhada pode acontecer com sucesso.

Deficiência Imunológica

Ao decorrer da gravidez, o organismo feminino produz anticorpos que são capazes de detectar no embrião tudo que recebem do pai, visando proteger o embrião de possíveis problemas. Mas quando esse sistema de imunidade não funciona corretamente o próprio corpo da mulher expulsa o bebê como se algo estivesse acontecendo de errado.

Para diagnosticar esse problema é realizado um teste chamado cross-match que irá identificar a presença desses anticorpos. Na comprovação da ausência deles será indicado o tratamento através de vacinas a base de células masculinas que deverão ser aplicadas de forma consecutivas a cada três semanas e um novo teste ser realizado para constatação. O tratamento deve seguir até que seja constatado esses anticorpos e aí sim, a mulher poder engravidar.

Problema genético

O problema genético ou incompatibilidade genética é um problema que atinge em média 4% dos casais. Na verdade não significa que o homem ou a mulher possui um problema em si, mas que a combinação de seu espermatozoide e de seu ovulo não se encaixam.

Por isso o organismo feminino entende que tem algo de errado e expulsa o embrião espontaneamente. Infelizmente para esse problema não existe tratamento, mas sim opções para dar sequência à gestação como no caso à fertilização in vitro onde os embriões sem problemas são selecionados para a implantação.

Trombofilia

Um problema que tem aumentado seus casos cada dia mais, a trombofilia é o aparecimento de coágulos na corrente sanguínea. O surgimento de um coagulo na placenta, por exemplo, impossibilita a passagem do oxigênio, assim como a nutrição da mãe para o bebê o que não permite que o embrião se desenvolva adequadamente.

O diagnóstico é realizado através de exames complementares de sangue e pode ser tratado através de injeções diárias de um anticoagulante (heparina) que deve seguir por toda a gravidez e após o nascimento do bebê.

IMPORTANTE: Se você faz acompanhamento rotineiro com seu ginecologista e já conversou sobre o desejo de ter um bebê, é possível que ele solicite exames de avaliação e preparativos da gestação.

Fique atenta a sinais e qualquer alteração do corpo diferente, mas não se esqueça de curtir o momento também. Muitas mulheres com sua preocupação excessiva deixam de aproveitar esse momento tão incrível, porque o medo e a preocupação toma conta de si.

Conhece alguém que está tentando engravidar? Na nossa loja virtual temos produtos que irão ajudar o casal a conseguir o positivo mais rápido! Vitaminas que potencializam a fertilidade feminina, aumentando a ovulação e melhorando a qualidade dos óvulos, além de suprir as necessidades vitamínicas para uma gestação saudável. Com a vitamina FamiFerti, as mulheres estão conseguindo engravidar de forma natural mais rápido e totalmente saudável. Compre sua vitamina FamiFerti aqui na nossa loja virtual. 

Veja Também: Ansiedade na Gravidez – Como Lidar com Ela?

Foto: Widephish