Sintomas de Meningite em Bebês – Como Percebê-los o Quanto Antes?

criança dormindo

A meningite é uma inflamação que atinge as três membranas  que envolvem o cérebro, como a medula espinhal e partes do sistema nervoso central. Ela é altamente perigosa e contagiosa pricipalmente em bebês e existem vários tipos de meningite cada uma com sua causa e sintomas específicos. As mais comuns são a meningite viral, bacteriana e a mais rara meningite fúngica. No caso da meningite viral como seu nome próprio já diz ela é acometida através de um vírus, e é a que se apresenta de forma mais leve tanto em bebês como em crianças, com sintomas parecidos com o de uma gripe ou uma virose comum.  Os sintomas de meningite em bebês ou crianças são:

  • Rigidez da nuca, causando forte dor e impossibilitando que o bebê mexa a cabeça normalmente.
  • Perda de apetite
  • Irritabilidade

A febre e a dor de cabeça são sintomas comuns da meningite também em crianças ou bebês, e assim que suspeitado é aconselhável à procura de um medico para realização do exame que comprovara se é ou não, e qual o tipo de meningite. No caso da meningite bacteriana, já é mais preocupante pela gravidade que pode trazer e devem ser tratadas imediatamente nos bebês. Ela é causada por bactérias meningococas, pneumococos e hemófilos e são transmitidas de forma respiratória. Os sintomas se apresentam mais rápido e de forma mais agressiva que a viral, podendo ocorrer febres altíssimas ocasionando em 40% dos casos convulsões, vômitos, manchas avermelhadas pelo corpo e dificuldade de movimentar a área do pescoço, principalmente com movimentos do queixo pra cima e para baixo e a moleira do bebê podendo ficar mais alta que o normal.

Como é Realizado o Diagnóstico de Meningite em Bebês e Crianças?

Este é um procedimento muito temido pelas mamães, mas necessário. O diagnóstico de meningite é realizado através da punção de líquido da espinha, onde é inserida uma agulha para retirar uma amostra do liquor ou como conhecido na medicina líquido cefalorraquidiano, que será encaminhado para análise do laboratório, lembrando que se trata de um procedimento que não necessita de anestesia para a realização. Por ser uma doença que necessita de tratamento rápido, o resultado sai em minutos e é realizado dentro do próprio hospital.

Como Tratar a Meningite em bebês e Quais as Sequelas?

O tratamento da meningite se iniciará logo após resultado do exame, onde o especialista saberá qual tipo de meningite esta lidando e qual o medicamento correto para combatê-lo. Normalmente o paciente deverá ficar internado para receber medicação adequada, como antibióticos, no caso da meningite viral nem sempre é necessária à utilização de medicação. As pessoas o qual tiveram contato com o bebê deverão ser examinadas e se necessário colhido material para teste e descarte de possível contagio. Caso a meningite não seja tratada imediatamente, podem ocorrer sequelas graves, como surdez, danos permanentes ao cérebro do bebê, dificuldade no aprendizado, falência de rins e ate mesmo a morte.

A faixa etária alvo da meningite são crianças de 0 a 5 anos de idade, por isso é distribuída uma vacina para a faixa etária de ate 2 anos de idade em toda rede pública de saúde. Se acaso seu bebê ainda não foi vacinado, procure um postinho de saúde mais próximo e regularize a carteirinha de vacinação.

Veja Também: Doenças Respiratórias – Saibam o que são e Como Prevenir

Foto: Mike Bitzenhofer