Existem diversos motivos para que um casal decida ter o segundo filho. Pode ser o próprio planejamento, quando o casal deseja uma determinada diferença de idade entre os dois filhos, pode ser por motivos de idade, já que quanto mais velhos eles forem, mais problemas podem ter, pode ser também simplesmente por vontade.

Não importa qual seja o motivo, a verdade é que uma questão que sempre vem à tona quando falamos nesse assunto é qual é o tempo de espera para ter outro filho. Muitos divergem de opiniões, mas sempre existem um consenso geral entre os especialistas. Quer saber qual é? É sobre isso que iremos falar hoje.

Afinal, Quanto Tempo Esperar?

Quando você pensa em ter outro filho, diversos fatores devem ser levados em conta. Primeiramente, o fator biológico. Após um parto, o corpo da mulher precisa de um tempo para se recuperar de toda a gestação e o consenso médico é que esse tempo dura, em média, 18 meses. Em outras palavras, a diferença de idade entre dois irmãos próximos deveria ser de pouco mais de dois anos.

Estudos indicam que há mais chances de o bebê que for concebido antes desse intervalo de um ano e meio, nascer prematuro ou abaixo do peso. Por outro lado, as mesmas pesquisas apontam que também há riscos se a diferença entre os dois bebês for de mais de cinco anos.

Isso é um risco que se corre, mas não é uma regra estabelecida para nenhum dos dois casos e pode ser que o bebê nasça perfeitamente saudável.

Pensando por esse lado, podemos perceber que há um consenso médico geral que o tempo de espera para ter outro filho varia entre um ano e meio e cinco anos. Porém, é necessário levar e conta que existem outros fatores.

Grávida após 3 anos!
"Após 3 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." Lidyane, grávida de 3 meses
Saiba mais!

O Estado Emocional da Mulher Para Ter o Segundo Filho

Ter um filho significa uma mudança drástica na vida de uma pessoa, sobretudo da mãe. Por isso, é bastante comum que o estado emocional fique afetado com todas as novidades que estão acontecendo o tempo todo.

E isso afeta diretamente o modo como a mulher ira lidar com outra gravidez. Pode ser que o casal tenha, previamente, decidido ter outro filho depois de 18 meses, mas pode acontecer de eles não se sentirem preparados, de estarem com mais dificuldades do que imaginavam e que tenham que adiar um pouco esses planos.

Isso é algo perfeitamente normal e não deve ser encarado como negativo. O mais importante é que a mulher deve estar totalmente confortável na hora de ficar grávida de novo para que a gestação seja tranquila e fácil de lidar.

O Fator Social

Outro tópico importante e que deve ser levado em conta na hora de pensar no tempo de espera para ter outro filho é no fator social. Muitas vezes um casal ou uma mãe possui muitas dificuldades para conseguir lidar com a vida profissional e com o bebê ao mesmo tempo, principalmente por conta de questões financeiras.

Nesses casos, é muito importante pensar o quanto ter outro iria afetar a vida da família e, se chegarem ao consenso de que não é o momento, o casal pode esperar até que estejam mais estabilizados.

A presença dos pais é muito importante para a criação de uma criança e, por mais que eles contem com ajuda de muitas pessoas, eles precisam estar lá por elas. Por isso quando você está em uma fase onde sua vida profissional exige muito de você, é importante pensar se esse realmente é o melhor momento para ter outro filho.

A Escolha é Sua

Apesar de todas as recomendações médicas e dos conselhos que você pode receber de diversas pessoas, a escolha sobre o tempo de espera para ter outro filho vai ser exclusivamente do casal.

Apenas o casal pode saber se está emocionalmente pronto, se suas vidas permitem que isso aconteça e se esse é ou não o melhor momento. Além disso, a decisão da mulher perante seu corpo deve ter um peso maior, já que é ela quem fica grávida. Claro que todas as dicas e recomendações ajudam a construir esse diálogo, mas no fim, a escolha é totalmente sua.

Ter um motivo sempre é motivo de alegria, não importa se é o primeiro ou o segundo. Sempre existirão dúvidas, anseios, expectativas e a grande alegria de ter uma nova criança em sua casa.

É claro que existem diversos fatores que precisam ser levados em conta quando falamos de ter o segundo filho. Não é só o fator biológico que está em jogo, mas o psicológico dos pais, sobretudo o da mãe e também a criança que já está em casa.

A soma de todos esses fatores é que vai resultar no melhor tempo de espera para ter outro filho, seja ele longo ou mais rápido. E independente de qual seja sua escolha, o importante é que você se sinta confortável e saiba como lidar com a situação.

Veja Também: Minha Família Está Preparada para Ter um Segundo Filho?
Foto: pxhere