Quando tossimos, é sempre um sinal de alerta para possíveis problemas que podemos ter. É claro que, muitas vezes, ela pode não significar nada, mas ainda assim é importante investigarmos se temos tosse constante. No texto de hoje vamos falar um pouco mais sobre o que esse sintoma pode significar, quando tratar dele e quando realmente se preocupar. Portanto, se você quer saber mais sobre o assunto, confira agora! Mas primeiramente, é importante entendermos exatamente o que é a tosse.

O que é Tosse?

Tosse nada mais é do que uma reação do nosso organismo a algo que afeta a região da nossa garganta. Quando nosso organismo identifica que há alho de errado, ele tenta fazer com que isso seja expulso através da tosse. É por essa razão que, por exemplo, tossimos quando inalamos fumaça. É também por isso que, quando possuímos uma doença como a gripe, a tosse é um dos principais sintomas, já que se trata de uma infecção bacteriana.

Tipos de Tosse

Como você já pôde perceber, a tosse não é um fenômeno pontual, ou seja, ela pode acontecer por diversas razões, o que significa que existem diferentes tipos de tosse. Os principais são:

  • Tosse Irritativa
  • Tosse Produtiva

Vamos falar separadamente sobre cada uma delas e mostrar quais são as principais diferenças e como atuam em nosso organismo.

Tosse Irritativa

Também conhecida como tosse seca, a tosse irritativa tem como principal característica a ausência de qualquer tipo de secreção. Ela normalmente produz uma sensação de coceira ou formigamento na garganta, principalmente se for uma tosse constante. Algumas das principais causas desse tipo de tosse são doenças como pneumonia, resfriados ou alergias.

Tosse Produtiva

Ao contrário da tosse irritativa, a tosse com catarro é aquela que produz secreções, seja muco ou catarro. Dependendo da doença, o tipo de secreção produzida é diferente. Além disso, ela pode ser também uma evolução da tosse irritativa, indicando algum tipo de inflamação nas vias respiratórias. Algumas das principais causas desse tipo de tosses são a bronquite aguda, a pneumonia e a doença pulmonar obstrutiva crônica.

O que a Tosse Constante pode significar?

Se a tosse é um mecanismo do sistema respiratório para tentar se livrar de possíveis problemas que estejam ocorrendo, a tosse constante pode ser um indício de que há alguma coisa errada com esse sistema.

Há alguns fatores de risco que precisam ser levados em conta quando falamos em tosse constante, como:

  • Tabagismo
  • Alergias respiratórias
  • Histórico de doenças pulmonares ou respiratórias

Esses três fatores são os mais perigosos para que uma pessoa desenvolva doenças que podem gerar a tosse constante. Tais doenças podem ser:

  • Tuberculose: Trata-se de uma doença causada por infecção bacteriana e que afeta diretamente os pulmões, ainda que algumas outras partes do corpo também possam ser afetadas, em casos mais raros. Por ser uma doença contagiosa, a tosse pode ser um dos fatores que faz com que a transmissão ocorra. Outros sintomas são a febre, dores no corpo e dificuldades na respiração.
  • Pneumonia: A pneumonia é uma doença caracterizada pela inflamação dos pulmões que tem sua origem normalmente em uma inflamação anterior desses órgãos causada por vírus ou bactérias. A tosse apresentada pode ser seca ou produtiva e a doença pode também apresentar outros sintomas como febre, dores no peito e dificuldades para respirar.
  • Bronquite Aguda: A bronquite aguda é a inflamação das vias aéreas dos pulmões, chamadas de brônquios. A tosse apresentada é normalmente a produtiva, acompanhada de outros sintomas como febre e dores no peito. Quando não tratada da maneira correta, a bronquite pode se tornar uma pneumonia.

É claro que a tosse constante pode ser sinal de outros problemas, mas esses são os mais comuns e perigosos.

tossindo

Tratamento da Tosse

Os tratamentos para a tosse dependem justamente de qual é a origem da doença que causa a tosse constante. A partir de um diagnóstico preciso do que se trata, um médico pode indicar diferentes tipos de tratamentos que variam desde o uso de antibióticos até o uso de outros medicamentos mais fortes, além de descanso e ingestão de líquidos.

Um médico pode indicar diferentes tipos de xarope para o tratamento da tosse em si. Porém, é importante saber que esse tipo de medicamento visa somente amenizar esse tipo de sintoma e não curar a doença em si. Portanto, é importante seguir todas as recomendações médicas para que você possa se curar da melhor maneira possível.

A tosse pode ser sinal de diversos problemas de saúde, sobretudo os respiratórios, mas não apenas eles. E apesar de ela ser algo bastante comum e fazer parte da vida de todos nós, é sempre importante ficarmos atentos se temos tosse constante, já que isso pode significar o início de alguma doença mais grave. E principalmente em tempos onde o mundo inteiro passa por mudanças por conta de problemas respiratórios, essas preocupações ficam cada vez maiores nas pessoas. E tanto para alertar quanto para tranquilizar as pessoas, é importante entender melhor o que é a tosse.