A maior falha da maioria dos seres humanos, é de começar a pensar nos cuidados da saúde quando toma um susto ou descobre que está com alguma alteração nos exames. A falta de cuidado e maus hábitos no dia-a-dia acabam gerando problemas que necessitam de cuidados por toda a vida, e se não levados a sério, ocasionam danos irreversíveis a saúde e até provocando graves riscos de morte. Nesse artigo, falaremos sobre os cuidados de uma doença que vem atingindo cada dia mais pessoas, em todas as faixas etárias, a pressão alta. Quais os tratamentos para pressão alta mais eficazes e principais cuidados na vida de um hipertenso. Antes de começarmos, vamos entender o que é a pressão alta.

O que é Pressão Alta?

Pressão alta ou hipertensão arterial como é conhecida na medicina, é uma doença crônica que é caracterizada pelo aumento dos níveis de pressão sanguínea nas artérias. Com esse descontrole nos níveis de pressão sanguínea, a função do coração é sobrecarregada e impossibilita a distribuição sanguínea adequada pelo corpo, que pode gerar danos sérios a saúde e ocorrências como AVC (acidente vascular cerebral), enfarte, insuficiência renal e cardíaca e um aneurisma arterial.

A pressão alta é diagnosticada através da confirmação constante por medição de aparelhos específicos, onde a pressão se mantem elevada. Em consultas de rotina, a pressão deve ser sempre medida para análise e registro e se necessário encaminhamento para exames complementares para confirmação de suspeita de diagnóstico. Em caso de pacientes que se enquadram no grupo de risco, a pressão arterial deve ser verificada constantemente para acompanhamento e ao observar qualquer sinal, o médico deve ser consultado imediatamente para indicar o tratamento para pressão alta adequado ao paciente.

Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! No vídeo conto a história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Assistir agora!
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel resolve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel resolve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo

Grupo de Risco da Pressão Alta

Em quase 90% dos casos, pacientes hipertensos herdarão a doença de seus pais. Mas existem outros milhares de fatores que podem influenciar na saúde e gerar alterações na pressão, os deixando hipertensos. Vamos listar os principais motivos e pessoas que se enquadram no grupo de risco e que devem redobrar a atenção e cuidados.

  • Pessoas com histórico familiar de hipertensão;
  • Obesos;
  • Alcoólatras;
  • Fumantes;
  • Sedentários;
  • Idosos;
  • Alimentação com excesso de sal

Pessoas negras e asiáticas também tem maior tendência a ter pressão alta. Diabéticos, pessoas com alto índice de estresse, que não tem um sono de qualidade, com problemas renais ou que sofrem com hipertireoidismo também estão no grupo de risco do desenvolvimento da doença e devem ter uma atenção redobrada aos cuidados a saúde e aos hábitos e rotina.

Sintomas da Pressão Alta

O recomendado é que não se espere pelos sinais da pressão alta para procurar ajuda medica. Já que os sintomas costumam aparecer quando a hipertensão já está agravada e crônica. Se faz parte do grupo de risco fique atento e se possível faça regularmente a medição da pressão, para garantir. Se tiver um aparelho portátil em casa facilita esse acompanhamento.

  • Dor de cabeça;
  • Visão turva;
  • Tontura;
  • Dores no peito;
  • Zumbido no ouvido

Como Prevenir e Tratar a Pressão Alta

A melhor forma de evitar que os sintomas ocorram e a pressão alta aconteça é ter cuidados essenciais na saúde, como alimentação saudável, praticar exercícios físicos e evitar uma rotina stressante. O estilo de vida influência muito na vida das pessoas, de forma positiva e negativa e por isso é necessário fazermos escolhas do que queremos para nós.

As melhores formas de tratamentos para pressão alta, é dar um basta no sedentarismo, opte por atividades aeróbicas que induzem a produção do óxido nítrico, que é uma substância vasodilatadora que ajuda a manter as artérias relaxadas e assim a pressão sanguínea se manter controlada.

Vale alertar que hipertensos devem ter um acompanhamento especifico durante a realização de qualquer pratica física, já que a pressão arterial tende de aumentar durante a atividade. Mas é só questão de tempo até se estabilizar e o corpo se adequar à nova rotina saudável. Mas é necessário ter ciência, que mesmo praticando todas as instruções medicas, e a pressão arterial se apresentar controlada, o tratamento não deve ser deixado, principalmente se o paciente faz uso de medicamentos reguladores da pressão. Os tratamentos para pressão alta só obtém eficácia, se em conjunto e realizado de forma adequada.

Já na alimentação, inclua em seu cardápio diário muitos vegetais, legumes e principalmente grãos integrais. Como são compostos de nutrientes como cálcio, magnésio e potássio, ajudam no controle e regularização das contrações do coração e dos vasos sanguíneos. O consumo de sal deve ser moderado, e o recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) é de que não ultrapasse 5 gramas diárias, equivalente a uma pequena colher de chá.

Não podemos esquecer, que grande maioria dos alimentos rotineiros do café da manhã e café da tarde de grande parte da população possui grande teor de sódio, como o saboroso pãozinho, frios e embutidos, além dos temperos prontos de sache e cubinho que são muito utilizados no preparo das refeições.

IMPORTANTE: Troque o uso de temperos prontos por temperos naturais, como alho, cebola, salsa, cebolinha, coentro, orégano. Você pode preparar seu próprio mix de temperos naturais.
Faça uma rotina de sono, a qualidade do sono interfere em todos os pontos da vida de um ser humano. Quando dorme mal, a pessoa tende a ter problemas de concentração, baixo rendimento e apresentar alterações no corpo e saúde, inclusive na pressão arterial, além do ganho de peso.

Deixar vícios também é uma forma de reduzir as chances que a doença aconteça. O fumo e o consumo de álcool aumentam consideravelmente as possibilidades que a doença se manifeste, principalmente em pessoais ainda jovens.

Principais Agravantes da Pressão Alta

Entre os principais agravantes da pressão alta estão o risco de acidente vascular cerebral (AVC), infarto agudo do miocárdio, derrame, insuficiência renal e perda de visão, além da disfunção erétil, que é uma das maiores preocupações dos homens em idade fértil nos consultórios. Após o agravamento da pressão alta e da ocorrência dos fatores descritos, dificilmente a situação é revertida, portanto todo cuidado para que não chegue a esse estágio é fundamental para manter uma vida saudável.

Aproveitando o assunto, quero contar uma novidade para nossas leitoras que estão tentando engravidar. A Patricia Amorim em parceria com a empresa Famivita, desenvolveram uma linha de produtos especializados na fertilidade de homens e mulheres, entre elas, vitaminas da fertilidade. No caso dos homens, a vitamina ViriFerti, supri todas as necessidades vitamínicas, fortalecendo a produção seminal e garantindo espermatozoides e uma DNA mais forte. Você pode compra-la aqui em nossa loja virtual.

Foto: tangyi178