Muito se fala sobre a imunidade das crianças e dos bebês e de como é mais fácil elas ficarem doentes exatamente porque o sistema imunológico deles é mais frágil por estar em desenvolvimento.

Mães e pais também se preocupam muito com essa fragilidade e muitos acabam tomando diversas medidas para prevenir a contração dessas doenças e também para aumentar a imunidade das crianças. E uma das medidas mais eficazes é a vacina de gripe em crianças.

Mas isso ainda é um objeto de discussão, já que essa vacina não é obrigatória, ainda que seja recomendada por médicos. Mas afinal, vale a pena dar a vacina de gripe em crianças?

Entenda a Gripe

A gripe é uma doença causada pelo vírus influenza (H1N3) e é altamente contagiosa. É uma das doenças mais comuns não apenas nos seres humanos, mas em mamíferos no geral. Seus principais sintomas são:

  • Febre
  • Coriza
  • Dores musculares
  • Calafrios

A doença já foi um verdadeiro tormento para a humanidade em um passado não muito distante, quando as mortes por ela eram algo comum. Hoje em dia existem muitos métodos para tratamento e a gripe é considerada uma doença não muito perigosa, ainda que ela deve ser bem tratada para que não acabe se tornando uma pneumonia, por exemplo.

Podemos dividir o vírus da gripe em 3 subtipos. O vírus influenza A é um tipo de vírus altamente mutável e que por isso pode atingir a mesma pessoa diversas vezes, também existem os vírus influenza B e C, que são menos comuns e que possuem suas especificidades. Todos os três tipos afetam os seres humanos.

Grávida 4 anos depois do 1°!
"Lutei quase 4 anos para engravidar de novo! Saiba o que mudou a minha história." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida 4 anos depois do 1°!
"Lutei quase 4 anos para engravidar de novo! Saiba o que mudou a minha história." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!

Diferença entre Gripe e Resfriado

É muito comum que haja confusão entre a gripe e o resfriado, já que são duas doenças que possuem sintomas parecidos. A principal diferença da gripe é a presença da febre e da intensa dor no corpo que as pessoas costumam sentir.

O resfriado normalmente vem acompanhado de dores de cabeça e de congestão nasal, mas não chega a deixar uma pessoa completamente indisposta como o vírus da gripe faz. De qualquer forma, se você tiver dúvidas sobre qual doença está atingindo seu filho ou você, é importante visitar um médico para que não haja nenhum tipo de dúvida.

Os vírus que causam resfriado são diversos, podemos afirmar que há mais de 200 tipos e entre eles os mais conhecidos e comuns são o rinovírus, o parainfluenza e o vírus sincicial. Não há vacina para eles, mas por se tratar de uma doença mais leve do que a gripe, a recuperação da pessoa infectada é consideravelmente mais rápida.

Quem Deve Tomar a Vacina de Gripe?

Estamos muito acostumados a vermos campanhas para idosos tomarem a vacina da gripe, mas a vacina da gripe em crianças de 6 meses a 5 anos também deve ser dada. É importante ressaltar que apesar de não ser uma vacina obrigatória, a vacina da gripe pode trazer diversos benefícios e tem uma ótima eficácia em crianças.

Além disso, no Brasil existem campanhas todos os anos que vacinam gratuitamente crianças dessas idades. Ou seja, os motivos para uma mãe não dar essa vacina são poucos, ainda que caiba aos pais essa decisão.

Razões Para Tomar a Vacina

Podemos listar algumas das principais vantagens da vacina da gripe em crianças:

  • Reduz de 32% a 45% o número de internações hospitalares por causa de pneumonia.
  • Reduz entre 39% a 75% o número de casos de mortalidade por conta do vírus influenza.
  • A gripe é altamente contagiosa e a vacina faz com que a doença se espalhe com mais dificuldade.
  • As crianças possuem o sistema imunológico mais frágil e por isso tomar a vacina significa ter mais proteção.

Reações à Vacina da Gripe em Crianças

Há um forte mito que diz que a vacina acaba causando gripe nas crianças, além de também existirem crenças de que uma grávida pode perder o bebê se tomar a vacina ou mesmo que há substâncias cancerígenas nela.

Para isso, vale lembrar que ela é feita com o vírus morto, o que significa que não há perigo disso acontecer. Quanto aos efeitos colaterais que a vacina da gripe em crianças pode trazer, todos são muito bem controlados e não há grandes perigos. Podemos citar como alguns dos efeitos colaterais:

  • Vermelhidão no local da vacina
  • Leves dores no braço
  • Febre baixa
  • Mal-estar

Com esses dados, podemos perceber que a segurança da vacina é comprovada. Além disso, vale ressaltar que essas reações à vacina acontecem por causa de alguns dos elementos que a compõe e não são consequências do vírus morto. Se você ainda tiver dúvidas, converse com o seu médico para que nenhum tipo de mito te impeça de proteger a saúde da sua família.

Vacinar ou não o seu filho contra a gripe sempre será uma decisão sua. Muitos pais acabam tendo medo ou preferem não vacinar os seus filhos por diversas razões. Apesar de não ser uma vacina obrigatória, existem diversos benefícios que essa vacina pode trazer e por isso a recomendação é que os pais deem.

Por outro lado, não tomar a vacina não vai necessariamente fazer mal à criança, mas as chances de que a doença apareça de uma forma mais forte são maiores. Ainda assim, como já dissemos anteriormente, essa é uma decisão que cabe aos pais e depende de alguns fatores que devem ser avaliados por eles.

Veja Também: Conheça os Sintomas da H1N1 e Previna-se!
Foto: James Gathany