Vacinas na Gravidez- Quais as Principais a Tomar

É sempre bom manter a vacinação em dia, mas na gravidez é ainda mais importante que se faça e então as vacinas na gravidez devem ser colocadas em dia, sejam elas especificas da gravidez ou não. Porém ainda existem algumas vacinas na gravidez que devem ser tomadas sem falta e com indicação do obstetra, elas são muito importantes para a saúde da mamãe e do bebê inclusive pois as células de anticorpos passam para o bebê através da placenta. Vejamos quais são as principais vacinas na gravidez, quais não se devem tomar e como saber se está em dia com a caderneta de vacinação.

As vacinas na gravidez são aquelas a base de anticorpos inativados, mortos ou seja, não oferece risco para a mamãe nem para o bebê principalmente. Algumas doenças que antes eram problema, hoje foram erradicadas com vacinas ainda na gravidez da mulher, o mal de sete dias, hoje sabido que era apenas um mal do parto, o tétano, foi erradicado com a vacina e também com os cuidados necessários na hora do parto. Por isso a vacina antitetânica é a primeira a entrar nessa lista e também a mais importante para a gestante. Quais vacinas de reforço tomar na gravidez?

Vacina na Gravidez : Antitetânica ou Vacina Dupla ou Tríplice Para Adultos

Essas vacinas na gravidez são muito importantes, ela além de proteger contra ao tétano, pode também proteger contra a difteria e coqueluche. Normalmente o próprio obstetra vai solicitar a carteira de vacinação e verificar a validade da ultima vacina antitetânica que a mãe tomou antes de engravidar. O prazo dessa vacina é de 5 anos e se houver necessidade uma nova dose será recomendada. Graças a essa vacina o tétano neonatal foi erradicado, e deve-se ser tomada após a 12ª semana de gravidez com toda segurança, lembrando que a essa vacina na gravidez deve ser acelular e está disponível nos postos de saúde gratuitamente.

Hepatite tipo B

Essa é também uma das vacinas na gravidez que são muito importantes de serem lembradas. A vacina contra hepatite do tipo B, protege contra doenças do fígado que podem evoluir para câncer ou cirrose. Como a hepatite é uma doença silenciosa, ela pode aparecer e do dia para noite sem que a pessoa perceba e tornar-se um risco imenso para a saúde da mãe e também do bebê. Essa vacina deve ser tomada a partir do segundo trimestre de gestação.

Vacina da Gripe (influenza)

A gripe tão comum de acontecer pode ser um risco a mais para a gestante, isso por que a imunidade da gravida se torna mais baixa e com isso a propensão de dessa doença na gravidez pode ser maior e também trazer consequências mais graves como pneumonia. Inclusive um grupo escolhido para tomar a vacina influenza do tipo 1 (H1N1) foram as gestantes. A vacina da gripe tanto influenza normal quanto a H1N1 podem ser tomadas desde o inicio da gravidez, não é uma das vacinas na gravidez que não tem contra indicação. Além dessas citadas acima, outras vacinas também são permitidas pelo ministério da saúde então são elas:

  • Polissacarídica Peneumocócica 23 valente
  • Meningite Bivalente
  • Febre amarela
  • Vacina inativada contra poliomielite

Quais vacinas na gravidez que não devem ser tomadas

Segundo a cartilha de vacinação do ministério da saúde, as vacinas que não devem ser tomadas na gravidez são aquelas que tem são a base de vírus vivos e são um risco grande a saúde do bebê então essas devem ser tomadas após o parto. Vacinas como HPV, sarampo, caxumba e rubéola podem causar más formações no bebê, como doenças cardíacas e também má formação celular como surdez, cegueira e outras mais. Essas vacinas devem ser tomadas antes mesmo da gravidez, porém se não acontecer somente poderão após a gravidez.

Porém se seu obstetra ainda não indicou que tomasse as vacinas na gravidez, então leve a sua carteirinha para ser examinada e caso haja necessidade, a vacina será indicada e pode ser aplicada em qualquer unidade de saúde básica de saúde do seu bairro.

“Um pré natal bem feito é sinal de saúde da mamãe e do bebê.”

Veja também: Medicamentos na Gravidez – Usar com Segurança!

Foto: Blake Patterson