Um dos pesadelos das mulheres em especial, devido a estética e também pelos desconfortos e dores em alguns casos, as varizes podem ocorrer em homens e mulheres de todas as faixas etárias, etnias e condições financeiras. A maioria das pessoas visa a aparência que não é nada agradável e no mais o cansaço nas pernas, mas não tem conhecimento das causas e riscos das varizes. Por isso, vamos esclarecer os tipos de varizes, principais causas, sintomas e tratamentos indicados para soluciona-las.

O que São Varizes?

Varizes são veias que sofrem dilatação e acabam ficando deformadas, ganhando uma coloração diferenciada com aparência azulada. Podem ocorrer em qualquer veia do corpo, mas é mais comum surgirem nas pernas e pés, provocando sensibilidade, dores e inchaço na área. São mais comuns de acontecer em pessoas que passam por longos períodos de pé ou muito tempo sentadas na mesma posição.

As veias localizadas nas pernas, são responsáveis por reconduzir a circulação do sangue ao coração, após ter realizado a irrigação dos membros inferiores. Possui uma função parecida com de uma válvula, que impossibilita o retorno do sangue na área dos pés, até mesmo por conta da gravidade. Mas essa funcionalidade as vezes não conseguem trabalhar como deveria, provocando um “empoçamento” de sangue em algumas veias, provocando deformidades, alterações na pele e muito inchaço.

Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! Conheça minha história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Saiba mais!
Grávida após 4 anos!
"Após 4 anos encontrei a solução e engravidei! No vídeo conto a história e meu segredo." (Alyne, grávida de 4 meses)
Assistir agora!
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel resolve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo
Dra. Andrea: Engravidar com FamiGel
"Secura vaginal complica a vida de quem quer engravidar. FamiGel resolve esse problema" (Dra. Andrea Gomes - Ginecologista e Obstetra)
Saiba mais no vídeo

IMPORTANTE: As varizes tendem a piorar os sintomas e incômodos durante o período menstrual e na fase gestacional, por conta do aumento da pressão na circulação sanguínea.

A ocorrência das varizes, pode ter variações, que são os vasinhos. O surgimento de vasinhos são as variações consideradas leves das varizes, mas servem como indicativo para ficar em alerta e seguir instruções medicas de como ameniza-las, antes que se agravem.

Principais Causas das Varizes

Como já citamos, as varizes são veias que sofrem um processo de dilatação, e costumam ocorrer na parte mais superficial da pele, por isso ficam tão evidentes. Mas entre os fatores e
principais causas do surgimento das varizes é a influência genética. Por herança genética e predisposição familiar, pode-se ter veias mais frágeis e sensíveis, que com o passar dos anos e o avançar da idade se predispõem ao surgimento das varizes.

Em menores ocorrências, as varizes podem ser um forte indicativo de problemas mais graves e doenças que necessitam de tratamento médico especifico. Entre eles:

  • Bloqueio nas veias;
  • Coágulos sanguíneos;
  • Alterações nos vasos sanguíneos (fístulas arteriovenosas);
  • Indicações de Tumores.

Além das principais causas, existem os grupos de riscos que possuem maior chances de desenvolver as varizes e sofrer com todos seus desconfortos. Entre eles estão:

Se faz parte do grupo de risco e possui histórico familiar de varizes, fique atento a sinais e em caso de dúvidas ou suspeita, procure imediatamente um médico para avaliação e se necessário exames mais específicos para diagnóstico.

Sintomas de Varizes

Não é muito difícil notar a presença de varizes, por isso os sintomas são considerados nítidos. Além das veias de cor azuladas e dilatadas abaixo de uma fina camada de pele, visivelmente vista a olhos nús, podem vir acompanhadas de outros sintomas como:

  • Dores nas pernas;
  • Sensação de peso nas pernas;
  • Sensação de ardor na área;
  • Inchaço, normalmente nos pés e tornozelos;
  • Coceira intensa sobre a área das varizes dilatadas.

Esses são os sintomas considerados normais e despreocupantes, mas alguns outros sinais podem indicar um agrave da condição das veias, proporcionando um risco mais sério ao paciente. Fique atenta caso:

  • Inchaço e dor intensa na panturrilha após ficar sentado ou de pé por muito tempo;
  • Acúmulo de líquido nas pernas, ocasionando grande inchaço;
  • Pele ressecada, devido ao inchaço e ficar muito esticada;
  • Alteração na coloração da pele ao redor das pernas e tornozelos;

Todas essas alterações e agravantes das varizes podem se intensificar no período menstrual ou no período gestacional. Portanto, se faz parte do grupo de risco ou já vem sofrendo com o surgimento de varizes, converse com seu médico para seguir o melhor tratamento e acompanhamento, evitando assim transtornos mais sérios a saúde e também ao conforto do paciente.

Aproveitando o espaço, queremos contar uma novidade para nossos leitores. A empresa Famivita em parceria com o Trocando Fraldas, desenvolveu uma linha de produtos especializados para a saúde e fertilidade de homens e mulheres, entre elas vitaminas da fertilidade, testes de ovulação e gravidez e o queridinho gel lubrificante amigo da fertilidade FamiGel que faz o papel do muco fértil. Você pode adquirir todos os produtos e o seu gel lubrificante aqui na nossa loja virtual.

Alguns cuidados são recomendados para aliviar os incômodos e dores ocasionados pelo surgimento das varizes. A prática de exercícios físicos, além de melhorar toda saúde e fortalecimento do corpo e organismo, atuam na melhora da circulação sanguínea. Usar meias de compressão e elevar as pernas no decorrer do dia, ajudam a aliviar as dores causadas pelas varizes e também impede que o quadro se agrave.

Os médicos que devem ser procurados para fazer o acompanhamento das varizes são: cirurgião vascular e angiologista. Será realizada uma avaliação clínica e um estudo de possibilidades para saber as causas. Por isso, é importante responder todas as perguntas solicitadas, como a quanto tempo as varizes surgiram, se sente dor, se algo agrava ainda o incomodo ou histórico familiar de varizes e doenças cardiovasculares.

O diagnóstico das varizes é realizado através de análise da pele e da aparência das varizes e veias, onde pernas e pés serão avaliados, além de demais áreas que podem ser afetadas. Será feito uma busca de possíveis inchaços, alterações na coloração da pele, rupturas na pele, úlceras ou qualquer alteração considerada anormal. Pode ser solicitado que você se movimente no consultório e que faça movimentos diferenciados para observar o fluxo do sangue.

Após avaliação, em caso de suspeita de varizes pode ser indicado exames complementares para confirmação do diagnóstico e da verificação da gravidade. Normalmente é indicado o ultrassom doppler colorido venoso dos membros inferiores, que conseguem verificar toda a circulação sanguínea da área em tempo real.

Após todos cuidados recomendados, se não surtir efeito, podem ser indicados tratamentos específicos para solução, como a escleroterapia que é um procedimento não cirúrgico para tratar varizes. Através da injeção de uma substância na área afetada é formada uma cicatriz na veia, resolvendo o problema da circulação sanguínea da veia varicosa.

Ou a intervenção cirúrgica, que que é tratada de forma individualizada para cada pessoa. Existem as opções de cirurgia a laser, convencional, espuma eco guiada, radiofrequência ou uma mini cirurgia com aplicação de anestesia local. O procedimento indicado irá depender da gravidade das varizes e a melhor indicação do tratamento feita pelo médico a acompanhar. Quanto antes fizer o diagnóstico e realizar o tratamento, mais simples é o tratamento.

Complicações das Varizes

Caso a prevenção não seja realizada, e um tratamento não seja feito a tempo, as varizes podem trazer complicações sérias a vida do paciente. Algumas das complicações são: ulceras, sangramentos, pele extremamente ressecada devido aos inchações e estiramento constante da pele e coceira abundante. Pele mais final e frágil que o normal, que pode se machucar com maior facilidade, alteração na coloração da pele na área das varizes e riscos de infecções bacterianas e fúngicas decorrentes dos acúmulos de líquido na pele. A complicação mais preocupante são as de coágulos que podem levar ao desenvolvimento de uma trombose venosa profunda, que pode levar a uma embolia pulmonar e até a morte.

Foto: sw_reg_03