A tosse é um dos sintomas mais evidentes quando estamos gripados ou quanto possuímos algum tipo de alergia respiratória. Mas mesmo que seja apenas um sintoma, é algo que pode incomodar muito, além de trazer diversos tipos de dificuldades para nossa vida. Por isso, tratamentos como o xarope para a tosse se tornaram tão conhecidos. Mas será que esse remédio é realmente eficaz? Quais são seus efeitos? Como deve-se tomar um xarope para tosse? Vamos responder todas essas e outras perguntas no texto de hoje. Mas antes, você sabe realmente o que é a tosse?

O que é Tosse?

Apesar de todos nós sabermos o que é tosse, é importante entender também quais são os processos que estão por trás desse fenômeno natural e pelo qual todos nós já passamos. É possível definir a tosse como uma resposta do organismo a algum agente externo. Por isso, podemos tossir quando inalamos muita fumaça ou quando estamos doentes, por exemplo. Nos dois casos, é o nosso corpo identificando que há algo de ruim em nosso organismo e, de alguma forma, tentando o expulsar.

A tosse pode ser seca, o que chamamos de tosse irritativa. Ela recebe esse nome exatamente por ser uma resposta a alguma irritação à laringe ou à faringe. Em alguns casos, a tosse seca pode ser sinal de uma infecção viral.

Já a tosse com secreção, ou tosse com catarro, ocorre normalmente por conta de uma infecção bacteriana no organismo. Quando há uma tosse desse tipo por mais de duas semanas, é importante procurar um médico, pois pode ser sinal de algum problema mais grave nos pulmões.

O tipo de tosse mais comum é aquele que vem acompanhada de alguma doença respiratória. E é majoritariamente nessas situações que o tão famoso xarope para a tosse é utilizado, apesar de também existem alguns específicos para a tosse seca.

O que é Xarope para Tosse?

Os xaropes para a tosse são medicamentos que visam aliviar a garganta e inibir os agentes que causam esse sintoma e até mesmo fazendo com que as secreções que ela carrega sejam liberadas de maneira mais rápida pelo organismo.

Apesar de serem vendidos sem receita médica, é altamente recomendável que você só tome esse tipo de remédio depois de ter sido receitado, já que só um médico especializado sabe exatamente que tipo de xarope receitar em cada caso específico.

xarope vermelho

Para quem o Xarope para Tosse é indicado?

De maneira geral, o xarope para tosse é indicado para pessoas que possuem algum tipo de infecção, seja ela viral ou bacteriana, para que os sintomas da doença sejam aliviados. As doenças que podem exigir o uso do xarope são:

  • Gripe
  • Resfriado
  • Pneumonia
  • Crises de bronquite
  • Tuberculose

É importante ressaltar que o xarope para a tosse funciona como uma ajuda para aliviar os sintomas dessas doenças e não como a cura para elas. Uma pessoa que possui uma pneumonia ou mesmo uma gripe não será curada por conta do uso do xarope, embora ele possa ajudar a pessoa a se sentir melhor.

Tipos de Xarope para Tosse?

Uma vez que existem diversos casos em que uma pessoa pode tomar um xarope, existem também tipos diferentes. Os principiais tipos de xarope para tosse são:

    >Dropropizina: Utilizada em casos de tosse seca, ajuda a aliviar os sintomas e a irritação na garganta. É indicado para adultos. >Bromexina: Utilizada em tosses que carregam secreções, ajuda a liberar o catarro de maneira mais rápida e faz com que a tosse diminua. As crianças devem tomar uma dose inferior à dos adultos./li>
  • Mucosolvam: Indicado principalmente para as crianças, reduz a viscosidade dos mucos produzidos por infeções bacterianas, o que não apenas diminui a tosse, mas também ajuda a pessoa a respirar melhor./li>
  • Levodropropizina: Age diretamente na diminuição dos efeitos da tosse seca, produzindo uma melhora na ventilação pulmonar. É indicado tanto para adultos quanto para crianças.

É claro que existem muitos outros tipos de xarope para a tosse. Porém, separamos aqui a seleção daqueles que consideramos ser os principais e que ajudam a explicar os efeitos que a maioria dos outros também oferece.

Existem Efeitos Colaterais?

Como existem diversos tipos de xaropes para a tosse, os efeitos colaterais de cada um variam. Porém, é possível fazermos um apanhado geral possíveis efeitos que podem ocorrer com o uso indevido desse tipo de medicamento. Alguns deles são:

  • Sonolência
  • Arritmia cardíaca
  • Reações alérgicas
  • Distúrbio de atenção
  • Infarto

É importante ressaltar que os efeitos mais graves, como o infarto, ocorrem principalmente se uma pessoa toma o xarope para a tosse em doses muito altas e se ela faz parte do grupo de contraindicações.

Existem Contraindicações?

Assim como ocorreu quando falamos sobre os efeitos colaterais, as contraindicações também variam de acordo com o tipo de xarope utilizado. Porém, também podemos fazer um apanhado geral de pessoas que não devem tomar esse tipo de remédio. As principais contraindicações são:

  • Pessoa com hipotensão
  • Crianças com menos de 2 anos
  • Pessoas com problemas cardíacos
  • Pessoas que possuem alergia a algum componente do xarope

Independentemente de ser ou não indicado para você, nossa recomendação é que você não tome nenhum desses remédios sem antes se consultar com seu médico. Isso porque apenas um profissional pode saber como realmente aliviar seus sintomas e fazer com que você se cure.

O xarope para a tosse pode ser um ótimo remédio para aliviar esse tipo de sintoma, embora sejam necessários alguns cuidados para que seus efeitos sejam sentidos da maneira correta. Além disso, vale ressaltar que esse tipo de remédio não cura definitivamente doenças como a gripe, por exemplo, e que é importante que você consulte um médico caso vários dos sintomas persistam, já que isso pode ser indicativo de algum outro problema. Em resumo, o xarope para a tosse pode ser um excelente aliado se você souber como utilizá-lo.